Vitória (telenovela)

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
(Redirecionado de Vitória (novela))
Ir para navegação Ir para pesquisar
Rede Record.jpg Este artigo é propriedade de Edir Macedo, assim como a RecordTV e a Universal, e ele fará de tudo para que você seja roubado pague o dízimo!

Igreja universal.jpg
Conheça seus outros planos de dominação mundial clicando aqui.
Vitória (telenovela)
Vitória logo.png
Logotipo da Abertura
Origem Bandeira do Brasil Brasil
Emissora Recópia
Autor Cristiane Fridmann
Tema Neonazismo, zoofilia
PROTAGONISTAS
Artistas
  • Égua Vitória
  • Bruno Ferrari
  • Gabriel Gracindo
  • Juliana Silveira
  • Thaís Melchior
  • Rafaella Mandelli
  • Marcos Pitombo
  • Antônio Grassi
  • Beth Goulart
  • André di Mauro
  • Maytê Piragibe
  • Cláudio Gabriel
  • Lucinha Lins
  • CésaR Pezzuoli
  • Jonas Bloch
  • Letícia Medina
  • Rick Tavares
  • Raymundo de Souza
  • Victória Diniz
  • Augusto Garcia
  • Roberta Gualda
  • Eliane Guttmann
  • Karen Marinho
  • Thelmo Fernandes
  • Rocco Pitanga
  • Leandro Léo
  • Bruna di Tullio
  • André de Biase
  • Aline Borges
  • Leonardo Vieira
  • Sílvio Guindane
  • Heitor Martinez
  • Especiais Sereno (Roberto Bomtempo)
    Outros Ninguém
    PERSONAGENS
    Vilões Iago (Gabriel Gracindo), Priscila (Juliana Silveira), Paulão (Marcos Pitombo), Enzo (Raphael Montagner)
    Bonzinhos Mossoró, Diana,
    Mais Idiota Enzo, Virgulino, Jorge
    Mais Esperto
    NOVELA
    Maior Drama Iago é zoófilo e Artur quer comer a própria irmã que na real não é irmã
    Mistério(s) Quem é o assassino das flechas?é o Iago
    Moral
    Influência Chamas da Vida, A Outra História Americana, Tolerancia Zero, Heartland
    Inspiração


    Cquote1.svg Você quis dizer: Derrota? Cquote2.svg
    Google sobre Vitória (telenovela)
    Cquote1.svg Você quis dizer: Heartland? Cquote2.svg
    Google sobre Vitória (telenovela)
    Cquote1.svg Você quis dizer: A Outra História Americana? Cquote2.svg
    Google sobre Vitória (telenovela)
    Cquote1.svg Tente outra vez! Cquote2.svg
    Raul Seixas berrando na abertura
    Cquote1.svg Tente outra vez!!! Cquote2.svg
    Raul Seixas sobre tentativa da Recópia em fazer boas novelas
    Cquote1.svg É melhor que Império Cquote2.svg
    Qualquer um com um mínimo de juízo sobre Vitória
    Cquote1.svg Vocês traíram o movimento hípico, véio! Cquote2.svg
    Dado Dolabella sobre Vitória
    Cquote1.svg Eu não dou audiência pra uma novela com um nome desses Cquote2.svg
    Torcedor do Bahia sobre Vitória
    Cquote1.svg Tem música minha nesta novela? Nem sabia Cquote2.svg
    Thalía sobre músicas dela na trilha sonora de Vitória
    Vitória é uma telenovela que foi exibida pela Recópia em 2014, e que nem a própria emissora ligava pro que estava fazendo. Também foi a primeira experiência nazi da Recópia, antes de se aproximar de Jair Bolsonaro, quer dizer, a primeira experiência nazi foi na novela Chamas da Vida na qual tinha uma música do Nazi.

    Produção, ô Produção![editar]

    Desde 2012 a Recópia tava numa urucubaca danada e a audiência estava com mais de 8000 pontos NEGATIVOS, daí não sei como nem por que mas era a vez da Cristiane escrever novelas pois já fazia 3 anos que ela estava curtindo a vida numa boa e sem trabalhar, então cansados de pagar salário a toa botaram a mulher pra trabalhar. Cristiane que é uma espécie de Glória Perez da Record fez uma intensa busca sobre algum tema que fosse interessante pra novela gerar em torno, como não achava nada certo dia ligou na TV do Congresso e viu um discurso do deputado Jair Bolso, então resolveu escrever sobre nazismo (e o cara nem nazista é). Pra complementar a criatividade, assistiu algumas novelas mexicanas que passavam à tarde no SBT.

    Com a novela feita, surgiu a ideia de gravar cenas em Curaçau, um país caribenho pouco conhecido, só pra competir com a Globo e bancar a indie, mas a ideia não foi má, ideia ruim mesmo foi colocar o Dado Dolabella na novela (rimou), lá em Curação o cara agrediu todo mundo e tentou assassinar o pessoal do hotel, daí a produção ficou na dúvida entre apenas demiti-lo ou jogá-lo no mar: fizeram a segunda opção. A parte do haras é uma localidade alugada em Camboriú, mais precisamente no Haras Camboriú, o que tornou o custo da novela alto pois viagens internas estão mais caras que viagens ao exterior.

    História dessa porcaria[editar]

    Imagina uma desgraceira, tudo dando errado, bem, é isso. O protagonista é o cadeirante Artur, que pretende vingar-se do pai Gregório Duvivier, que deixou-o assim após forçá-lo a montar num cavalo arisco. Como ele pretende vingar-se do pai? matando? espancando-o? Não, ele vai comer a própria irmã, uma gostosa chamada Diana, que na verdade não é irmã do Artur. E o Artur ainda vai disputá-la com outro gajo, o Léo, só que não, por que o Dado vazou, se fudeu.

    Priscila é a vilã gostosona da história, ela é filha da Mary Matoso, diretora de uma escola na cidade horrorosa, onde também trabalha o Lula do Juba. Priscila namora o Paulão, com quem faz parte de uma célula neonazista junto com o carequinha Enro, filho de Edson Celulari, e outros malucos que se divertem humilhando viados como o Virgulino ou torturando o jovem rapaz flanelinha. Priscila é aliada de Iago um vilão misterioso que sempre aparece de costas e mata geral com flechadas.

    Iago mostrando seus métodos nada convencionais como domador.

    No haras trabalham Ricardinho e Nelito, dois retardados que brigam pra ver quem pega mais a Luciana, uma gostosa de lindos olhos (e belos seios também), lá também trabalha o Jorge, típico gaúcho que reclama da falta de laço alheia e tenta impedir que a irmã novinha Beatriz dê pro motoqueiro Mossoró. Jorge também é um safado que assedia e tenta comer a mulher alheia, no caso, a Renata, mulher do corno manso Edu, filha do Manel e da Zuzu (coroa com alzheimer). No haras também trabalha o Ziggy, que na verdade é Iago, o grande vilão da história, que volta pra se vingar do pai Bernardo, do primo Arturr e de todo mundo, até quem não tem nada há ver. Iago é o cafetão da nega gostosa Laíza, cover/poser da Liza Minelli, dona de uma boate gay onde trabalham Tadeu, PH e Caíque, os strippers mascarados, que são três quarentões bobocas que foram demitidos da empresa na qual achavam que iam se dar bem e só sobrou esse trampo pra eles (depois do expediente são michês).

    Mas a Record pra variar precisa por o núcleo da delegacia nas tramas, e temos aí a delegata Sabrina, que comanda a investigação ao grupo nazista, mas como a Record gosta de fazer em toda novela, o pai dela, o Delegado é um corrupto, safado, filho da puta, e o policial William é o x-9 da vilania, típicos "policial-bandido".

    Tem também a trama da Anastacia , filha perdida dos Romanov que não aprendeu a ler e gosta de foder com um tal de Bruno, espécie de Cláudio Lins moderno, mas enfrenta a revolta da mãe ricaça, reaça, e coroaça do rapaz - que mais tarde morre e as duas se juntam pra pôr o assassino em cana. Anastacia também é ligada ao velho Ednaldo, um barbudo alcóolatra (seria o Nilo ou o Lula?) cachaceiro que maltrata o filho pivete que é namoradinho da Bibi Smith.

    Personagens[editar]

    Iago exalando ódio
    • Artur Menezes (Bruno Ferrari): o galã-protagonista dessa joça. Quando era criança o pai obrigou-o a montar num cavalo e acabou ficando paraplégico. Morre de raiva do pai a quem jurou vingança e volta anos mais tarde para comer sua meia-irmã Diana e engravidá-la, fazendo o pai ficar chocado a ponto de ter um derrame.
    • Ziggy (Gabriel Gracindo): um dos domadores do haras, que na verdade é Iago, o grande vilão da trama, que está executando um plano de vingança contra seu pai, Bernardo. Iago é totalmente maluco e passou boa parte da vida no Asilo Elizabeth Arkham, da qual ficou muito mais pirado do que quando entrou. No final, a delegata Sabrina o mata na covardia.
    • Priscila Schiller (Juliana Silveira): Vilã gostosa, neonazista, mal-caráter, matou a própria mãe, acho que isso já diz tudo né?
    • Diana (Thaís Melchior): A filha do Gregório, que deu pro Artur sem saber que ele era irmão, mas na real ele não era irmão. É bem gostosa e por isso vários marmanjos tão querendo comer ela.
    • Delegata Sabrina (Rafaela Mandelli): Delegada gostosa, honesta e linha dura, melhor não mexer com ela se não vai se dar mal. Competente e corajosa, ela lidera a investigação dos crimes dos neonazistas e do Iago, mas matou o Iago na covardia.
    • Gregório Ferreira (Antônio Grassi): Com a cara mais detonada que a do Andrés Sanches, é um dos responsáveis por toda desgraça da história, pois foi maior irresponsável com o filho.
    • Bernardo Ramos (Paulo César Grande): Outro brucutu estupido que não sabia criar o filho e ainda bajulava o filho dos outros na frente do próprio filho.
    • Paulão (Marcos Pitombo): O maridão neonazista da Priscila, se acha o machão e gosta de espancar suas vítimas em grupos, mas no fundo é um fracote e apanhou do Iago. Admira Hitler e é eleitor fiel de Jair Bolsonaro, mas na real às escondidas deve curtir Restart ou NX Zero.
    • Jorge Cunha (André di Mauro): Gaúcho machista, brucutú e assediador, além de reprimir a irmã. Mesmo sendo um babaca acabou se dando bem e dá uns pegas na Laíza, pelo menos não é racista, pelo menos não muito. E é melhor não desmunhecar na frente, pois "ISSO É FALTA DE LAÇO!"
    • Laíza (Aline Borges): Nega gostosa, dona de um bordel.
    • Beatriz (Letícia Medina): Em Ribeirão do Tempo era uma mini-sapatão, agora é a irmã novinha do Jorge que é disputada pelo Quim e o Mossoró.
    • Mossoró (Rick Tavares): Motocross que quer pegar a Beatriz.
    • Clarice (Beth Goulart): Mãe de Artur, mas quem queria ser filho dela mesmo era o Iago.
    • Delegado Ramiro (Jonas Bloch): Delegado que é linha dura com a filha delegata, mas apesar de impor respeito é um véio safado e corrupto.
    • William (Thelmo Fernandes): Informante e melhor amigo de Iago, com quem esteve no hospício. Seu sonho é foder a delegata Sabrina em todos os sentidos, só que ela não tá nem aí pra ele.
    • Detetive Katia Rios (Karen Marinho): Detetive novinha e bonitinha.
    • Detetive Bárbara Schmidt (Liége Müller): Loira gostosa, vítima das cantadas frustradas de Iago.
    • Enzo (Raphael Montagner): Neonazista covarde e careca, que levou uma surra bem dada do Iago.
    • Rafael (Rodrigo Phavanello): Interesse amoroso de Diana e Sabrina, tá ali pra substituir o Dado, que traiu o movimento vitorioso.
    • Renata (Maytê Piragibe): Baixinha gostosa com cabelo ruivo tingido que perdeu tudo na enchente e foi morar com os pais. Se ela acho que não podia se fuder mais se enganou, pois, é assediada por Jorge e o marido beberrão nada faz, enquanto a mãe Zuzu está com mal de alzheimer e esquece geral.
    • Eduardo (Cláudio Gabriel): Beberrão mocorongo, perdeu tudo na enchente e é um fracote que vê a mulher sendo assediada e nada faz.
    • Zulmira (Lucinha Lins): A mãe da Renata, que está com mal de alzheimer (tema que era moda nas novelas da época)>
    • Manuel (César Pezzuoli): O pai da Renata e carecão, é o menos ferrado da família.
    • Dante (André de Biase): Apesar da cara de prefeito tucano, esse professorzinho é um neonazista.
    • Anastacia (Roberta Gualda): Princesa perdida dos Romanov, vai em busca da sua identidade, opa, essa é outra, é só uma analfabeta pobretona que se apaixona por um rico que finge ser pobre.
    • Bruno (Augusto Garcia): Rapaz rico que finge que é pobre pra conquistar a Anastacia, onde vi isso antes mesmo? Morre antes do final por que a Recópia não renovou o contrato com o ator.
    • Maria Zilda (Eliane Guttmann): Mãe de Bruno, coroa enjoada.
    • Javier Rodriguez (Gustavo Ottoni): Um careca bajulador oficial do Artur.
    • Luciene (Bruna Di Tullio): Gostosa de belos olhos azuis disputada pelos machões do haras.
    • Quim (Gustavo Leão): Um jockey poser que tenta comer a Beatriz, mas não tem sucesso pois ela prefere o bombadinho do Mossoró. Depois provando ser mui poser tenta virar neonazista.
    • Tadeue tá dando (Leonardo Vieira): bombado zaroio quarentão, é demitido e junto com seus amigos resolve virar traveco stripper. Com um nome como Tadeu acharam o ator certo para interpretá-lo.
    • Paulo HenriqueAmorim a.k.a. PH (Silvio Guindane): Engenheiro magricela enjoado, trabalhava com Tadeu e Caique, e também foi mandado embora por ser chato pra caralho. Depois virou stripper.
    • Caique (Heitor Martinez): dessa vez não é vilão, é um quarentão com cabelo de emo e pançudo e amigo/colega de Tadeu e PH, também foi demitido e teve que se virar no trampo de stripper.
    • Matilde (Luciana Braga): Esposa de Tadeu, é uma nanica.
    • Rebeca (Letícia Pedro): A filhota do Caíque que é uma detetive do prédio azul.
    • Detetive Netto (Zeca Carvalho): Antigamente chamava-se Xavier e era informante da Vilma Oliveira Santos em Chamas da Vida, mas ao que parece ele não morreu e se regenerou voltando como um policial decente e honesto (e que tá de olho na Delegata).
    • Nelito (Rocco Pitanga): Negão boa pinta que quer pegar a Luciene.
    • Ricardo (Leandro Léo): Pintor de rodapé da novela, é um nanico mas se acha foda e tenta pegar a Luciene.
    • Alex (Henrique Ramiro): O loiro gordinho que também vira stripper, pra ver o nível da boate da Laíza.
    • Oliveira (Thierry Figueira): Vagabundo que atropelou Bruno e não quer pagar pelo crime.
    • Max Oliveira (Hélio Ribeiro): O pai do Oliveira que tenta ajudar o filho a se livrar do cumprimento da lei.

    Audiência[editar]

    Barack Obama rindo com uma das cenas da novela.

    Pra variar, como toda novela da Recópia a audiência disso foi muito baixa, ninguém tinha interesse nisso, pois preferiam ver coisa pior como a novela Império, na qual o final foi mais nada há ver que o de Vidas em Jogo, ou Chiquititas, maior programa lésbico da TV brasileira. Isso somado ao fato da Recópia ter uma péssima gerência e um marketing mais ralé que o da venda da esquina, além de vários atores e atrizes abandonarem a trama por não aguentarem tanta chatice, chega-se ao resultado que chegou. A audiência foi tão baixa que foi até feito uma investigação para descobrir quem assistia essa novela. Os nomes são estes:

    • Barack Obama
    • Tua mãe
    • Funcionários da Record
    • Neonazistas que nas redes reclamam da novela, mas não perdem um capítulo
    • Zoófilos, por causa da protagonista égua Vitória
    • Fãs da Record (mais conhecidos como meia dúzia de gato pingado)
    • Tu, o maior fã fanfiqueiro da novela, sabemos que tens posters com as fotos dos atores da novela só de sunguinha, safado!

    Trilha Sonora[editar]

    Vitória: Trilha Sonora da Novela
    [[Arquivo:|200px]]
    Lançado em 2014
    Gênero Rock nacional, música genérica e música mexicana.
    Gravadora Recópia Music

    Enfim, admitindo a derrota perante a Globo em sua saga a caminho da liderança, a Recópia escolheu a canção "Tente Outra Vez", do Raulzito, para a abertura, podendo ser admitido como uma reflexão sobre os erros da emissora que a levaram a perder até pro SBT. O restante da trilha possui músicas internacionais mexicanizadas e interessantes, tendo Thalía e Luis Fonsi, já a nacional é a mesma porcaria de sempre.


    # TítuloMúsicapersonagem Duração
    1. "Tente Outra Vez"  Raul SeixasAbertura 02:20
    2. "Cry For Love"  Ivan BusicArtur e Diana 03:16
    3. "Manias"  ThalíaNinguém 03:53
    4. "Vitória"  Rosemary e seu bebêÉgua 03:00
    5. "Sensível Demais"  Jorge VercilloTadeu e Matilde 03:49
    6. "Meu Lugar (é na lata de lixo)"  Onze:20Mossoró e Beatriz Tati 03:45
    7. "Oba, Lá Vem Ela"  Adryana RibeiroMenage entre Luciene, Ricardinho e Nelito.  
    8. "Eternamente"  LulliTema dos coroas  
    9. "Qual é o Andar?"  RebeldeMicael BorgesStrippers mascarados 03:36
    10. "Na Estrada"  Júlia TavaresPirralhada  
    11. "My First and Only Love"  Cláudio GoldmanClarice Lispector  
    12. "Anna Julia"  SemReznhaMocotóMossoró  
    13. "Não Posso Reclamar de Nada"  Fábio Senior e TaináArtur e Diana 04:04
    14. "DespacitoQuien Te Dijo Eso"  Luís FonsiAnastácia e Bruno  
    15. "Toda Forma de Poder"  Engenheiros do HawaiiPriscila  
    16. "New York, New York"  SarahLaíza e Jorge