Vicki Vale

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para navegação Ir para pesquisar
Felicia1.jpg Este artigo trata de uma Hentai Girl

Ela é gostosa, mas nón ecziste. Ela participa de algum desenho, jogo ou quadrinhos e sabe a tática do Infernal Silicone.

Victoria "Vicki" Vale é uma Lois Lane que não deu certo e foi esquecida no churrasco. Assim como a eterna namoradinha do Superman, Vicki foi criada para servir de par romântico para um dos maiores super-heróis da DC Comics, no caso o Batman, e também trabalha como repórter de um jornal local na cidade onde ele combate o crime, no caso Gotham City.

História[editar]

Vicki Vale safadona.

Vicki Vale foi uma das primeiras gostosas a sassaricar para os lados do Batman, fazendo sua estreia nos quadrinhos lá pelo final dos anos 40 e sendo uma das poucas bat-personagens criadas pelo próprio Bob Kane, o autor original das histórias do morcegão. Embora fontes fiáveis afirmem que sua fonte de inspiração foi a Marilyn Monroe, ela basicamente é um ctrl c + ctrl v da Lois Lane, contratada pela Gazeta de Gotham para stalkear o homem-morcego e publicar reportagens sensacionalistas relatando qualquer coisa que ele fizesse, nem que fosse soltar um peido. Como se plagiar a Lois já não fosse o bastante, a DC resolveu plagiar ainda a concorrência e fez de Vicki a fotógrafa do jornal, uma clara referência a Peter Parker.

Cquote1.svg Mas o Homem-Aranha foi criado só no início dos anos 60! Cquote2.svg
Nerd sobre plágio da DC

Foda-se a coerência dos fatos, você está lendo a Desciclopédia. Se quiser informação verídica e consistente, vai na Wikipédia[1].

Toda história clássica da qual Vicki participa segue o mesmo enredo, com ela obcecada pelo Batman e tentando descobrir sua identidade secreta a todo custo. Para despistá-la, Bruce Wayne resolve tirar umas férias e assume a identidade do vilão Silêncio, nomeando Dick Grayson como substituto temporário. Durante sua ausência, Bruce aproveita para seduzir Vicki utilizando seus dotes e ela acaba se apaixonando por ele. Assim, quando finalmente descobre que Bruce é o Batman, Vicki não tem coragem de dar o furo[2].

Aparições posteriores[editar]

A Vicki Vale dos quadrinhos passou anos sendo ignorada pelos roteiristas da DC Comics. Fez algumas outras aparições esporádicas irrelevantes, desta vez casada e morando na Europa, mas ainda sendo lembrada como amante do Batman e causando ciúme na Mulher-Gato. De volta a Gotham, ela bem que tenta se reaproximar de Bruce Wayne, mas na época ele estava comendo a top model internacional Jezebel Jet e cagou para Vicki.

Em 1989, Vicki foi escolhida por Tim Burton para ser a mocinha do Filme do Batimã e foi interpretada por Kim Basinger, uma das atrizes mais gostosas daquela época. Como a personalidade da personagem é tão profunda quanto um pires, tentaram deixá-la mais interessante no filme inventando que o Coringa também é apaixonado por ela. O palhaço demonstra todo seu amor presenteando-a com flores mortas e tentando borrifá-la com ácido, mas claro que no final ela é salva pelo Batman, seguindo o estereótipo clichê da donzela indefesa.

Referências

  1. e olhe lá, porque tem artigos deles que conseguem ser mais duvidosos que os nossos
  2. de reportagem, o outro furo ela deu bastante