Ultra Street Fighter IV

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para navegação Ir para pesquisar
Virtualgame.jpg Ultra Street Fighter IV é um jogo virtual (game).

Enquanto isso, uns metroids chupam a Samus.

Ultra Super Hyper Street Fighter IV V
Ultra Street Fighter IV cover.jpg

Capa do jogo

Informações
Desenvolvedor Capcom
Publicador Capcom
Ano 2014
Gênero Luta de rua
Plataformas Um monte de console
Avaliação Indefinido
Classificação indicativa Livre

Ultra Street Fighter IV é mais um relançamento de Street Fighter IV, resultado da incansável Capcom em seu objeto claríssimo de saturar o mercado com seu título. Em pleno 2014 a Capcom recusa-se veementemente em seguir o exemplo das outras empresas mercenárias como Electronic Arts, Team Ninja, etc que simplesmente criam DLCs a preços extorsivos do que ficar relançando o mesmo jogo de novo e de novo. Ninguém sabe porque, mas a Capcom relançou o Street Fighter IV de novo, mesmo na eminência de já lançar o Street Fighter V.

Pelo menos quem tinha Super Street Fighter IV ou Super Street Fighter IV: Arcade Edition não precisou da sacanagem de comprar um outro relançamento, pois as coisas do Ultra (que nem são tantas assim mesmo) estavam disponíveis para compra via DLC a um preço nada amistoso.

Novidades[editar]

Após já ter relançado Street Fighter IV umas 10 vezes em menos de 8 anos, não havia muito mais o que a Capcom acrescentar ou inventar pra chamar de novo e justificar qualquer relançamento, mas é aí que vem a genialidade, criatividade e engenhosidade da Capcom e porque essa empresa está a tantos anos no mercado. Porque se não existe mais nada de novo pra ser criado ou inventado, então basta você inventar uma ferramenta "nova" que vai permitir o jogador escolher qualquer estilo específico de qualquer um dos relançamentos anteriores, e por isso está ali a opção do "Edition Select" que vai permitir o jogador escolher jogar o Street Fighter IV, Super Street Fighter IV, Super Street Fighter IV: Arcade Edition ou Super Street Fighter IV: 3D Edition, passando a sensação de que há 4 jogos em um, que na verdade é tudo o mesmo jogo que vale menos do que um jogo sozinho. Simplesmente genial. E todo mundo ainda compra.

Outras novidades menores de gameplay é que agora é possível realizar o Double Ultra, que nada mais é do que a chance de assistir mais de um filminho do fatality. Há algumas outras adições em relação à jogabilidade, mas coisas que apenas aqueles nerds mais viciados se importam, nada que uma pessoa casual que quer apenas se divertir ou ver a calcinha da Chun-li vai se importar.

E os personagens "novos" trazidos para esse relançamento são basicamente reciclagem de quem chamou atenção em Street Fighter X Tekken, que são o Rolento, a Elena, o Hugo e a Poison. A única estreia real é da Evil Cammy, seguindo a tendência de que todo personagem de Street Fighter tem sua versão "Evil" depois que o Ryu lançou essa moda, afinal, essa é a forma mais fácil de criar "novos personagens" sem precisar de tanta criatividade, com o tempo vai ser possível trazer uns 50 "personagens novos" só inventando as versões "Evil" de cada um.