Travis Barker

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para navegação Ir para pesquisar
Glitteryourway-travisbarker.gif
Ptbosta.gif Este artigo tá uma bostinha.
Ele está pequeno, chato e sem graça. Será que teria alguma alma caridosa capaz de fazer uma boa ação, tipo a de editar e colocar coisas engraçadas, de forma que ele fique mais engraçado e menos idiota? Só tome cuidado porque o Moderador Malvado está de olho em VOCÊ!
Michael Henry Mc Brain .jpg Travis Barker toca bateria!

E é o ódio dos vizinhos!

Cquote1.svg Bate forte o tambor, eu quero é tic tic tic tic taaa... Cquote2.svg

Emblem-sound.svg Travis Barker
Travis-Barker!.gif
Nome Travis Landon Barker
Origem Bandeira dos Estados Unidos Estados Unidos
Sexo Desconhecido
Instrumentos
Nuvola apps kcmmidi.svg
Bateria
Gênero Kpop
Influências Não se sabe
Nível de Habilidade Alto
Aparência Magricelo e tatuado
Plásticas Tatuar-se demais
Vícios
Nuvola apps atlantik.png
Punheta
Cafetão/Produtor
Crystal Clear action bookmark.svg
Caindo de cara

Cquote1.svg Você quis dizer: Tevez Barker Cquote2.svg
Google sobre Travis Barker
Cquote1.png Experimente também: Anorexia Cquote2.png
Sugestão do Google para Travis Barker
Cquote1.svg Voce traiu o movimento da Tatoo, véio! Cquote2.svg
Dado Dollabela sobre Travis Barker
Cquote1.svg I fucked His Dog! Cquote2.svg
Tom Delonge sobre Travis Barker
Cquote1.svg Ele toca som pesaaaaaaaaaaaaado! Cquote2.svg
Pedro Bial sobre Travis Barker
Cquote1.svg Ele não tem uma aparência saudável Cquote2.svg
Paris Hilton sobre Travis Barker

O Inicio:[editar]

Travis Barker nasceu em um bairro pobre em San Diego, Califórnia. Ele ganhou sua primeira bateria quando tinha apenas quatro anos de idade. Ele teve aulas de trompete com cinco anos.

Sua mãe se chamava Glória, e batia amava muito ele. Ela tinha um câncer, mas quando foi diagnosticado já era muito tardi, asim, um dia antes de ele se tornar um caloro na Fontana High School sua mãe se fodeu morreu. Ela antes de morrer disse que ele deveria desistir continuar tocando, e seguir os seus sonhos qe nunca iriam se realizar, pois ele era muito burro, e ele seguiu o conselho dela. Após a morte de sua mãe ele começou a levar a bateria muito mais a sério, ele tocava onde pudia, tocava em bandas de marcha e em outras, sempre na caixa, aprimorando suas técnicas. Durante sua adolescência ele participou de competições e festivais. Logo depois ele fez sua primeira banda, a Feeble, que acredite se quiser, era pior que o Blink 182.

Depois que se formou, ele ganhou mais experiência com bandas, participou não só da Feeble, mas também da Suicide Machines e da The Aquabats, onde era conhecido como Baron Von Tito.

De 1993 à 1998 ele dava aulas de bateria e também era cafetão trabalhava com outras coisas para se sustentar. Ele ainda deu aulas até o ano de 2002, mas em 2003 anunciou que não daria mais aulas.

TLB.gif

O Blink 182:[editar]

Em 1998 Travis Barker iniciou uma turnê com a sua banda, The Abbaquats um cover de Green day, e nessa turnê o Blink-182 também estava presente. Após alguns conflitos internos de Mark Hoppus e Tom DeLonge, com o baterista original do Blink-182, Scott Raynor, o mesmo decidiu sair da banda, alegando que queria esta dando tá estudando, se formar e cheirar gatinhos, mas ele fez isso em um momento ruim, pois a banda tinha um show na noite em que ele deixou as baquetas. A princípio Travis Barker foi chamado para tocar baixo e guitarra ao mesmo tempo, porque estava precisando mais de um baixista e um outro guitarrista do que um baterista, apesar da banda não ter baterista nenhum no lugar de Scott Raynor. Logo ele teve de aprender a tocar as músicas rápido, ele conseguiu tocar punheta pra uns vinte caras músicas em cerca de uma hora, também havia tocado em outros shows do Blink-182. Mas como é difícil dedicar-se à duas bandas com agendas totalmente diferentes, Travis Baker optou pelo Blink-182, pois era uma banda muito mais famosa e naquele ano já tinha grandes sucessos como Dammit e Josie. Graças a sua grande habilidade na bateria, Tom DeLonge, guitarrista e vocalista, e Mark Hoppus, baixista e vocalista o aceitaram na banda.

Casa em ordem novamente, era hora de lançar o 3º álbum (os dois primeiros são irrelevantes). Com uma megaprodução cheira de frescurinhas, os popstar viram o mundo aos seus pés. Em 1999, Dookie se tornou um marco histórico no mundo pop. Nove em cada dez pessoas tinham adquirido o disco. Isso sem contar os CDs piratas. Meta que nem o Rei Roberto Carlos havia alcançado.

Após o lançamento do clipe de "All The Small Fingers" e "Where My Penis Again?" divulgando o orgulho de ser gay punk que só, várias outras boybands resolveram plagiar a criatividade do trio, imitando cenas do clipe e suas coreografias.

O ano de 1999 foi, também, a era de grandes turnês feitas pelo mundo, como em Melbourne, Woodstock, Milton Keynes Bowl e em São Paulo, no Rock In Riaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa.

Travisnfxgfjgfh (2).gif

Em 2000, o grupo lançou uma coletânea com seus maiores singles, adicionando sons de plateia, diálogos e gente feliz gritando. Foi erroneamente chamado de "Live".


Em 2001, com o sucesso do Nu-Metal, o grupo iria mudar seus horizontes e lançar um disco punk que só. Letras agressivas a la Ramones e um visual totalmente fora de moda como os Sex Pintols. O resultado foi "Take Off Your Pintos And Be Gay", que em português cru significa "Tire A Calça Jeans E Bote O Fio Dental".

A brutalidade podia ser vista no clip "Shut Up", onde cenas do WTC sendo demolido eram exibidas. Após participar de festivais com bandas de Nu-Metal, o Blink-182 conseguiu um grande público adepto do lado negro da força, o que forçou a mudança do nome para Blink-666, depois simplificado para Nirvana. Dr. Mark Octhoppus não concordando com essa atitude DE CHUPAR A ROLA DOBIAAAAAAAAU, UAIAIAI, UUUUH, IIII, KKKKKK, ALOKAAAAAAAAA, fundou a banda Matchbox 20 junto com Tevez Barker, e embalando hits como I Feel Good econtrou o primeiro lugar em todas as paradas do orgulho gay americanas COM A LADY GAGAAAGAGA.

Características[editar]

Punk
• Tatuado
• Pegador de Patricinhas
• Famoso Baterista
• já foi eleito 5 vezes mais lindo melhor baterista


As pegação:[editar]

Após um affair com a patricinha de Beverly Hills e atriz pornô, Londres Hilton, entrou em depressão e agora toma remédios a base de anfetamina para emagrecer. Os médicos estipulam que em dois meses ele já não existirá mais.

Travis01.gif

Lista de algumas celebridades patricinhas já flagradas com Travis:

Influências[editar]

Segundo Travis Barker em uma entrevista afirma que suas amantes influencias são Adolf Hitler, Bob Esponja e Xuxa.