Tom Hardy

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para navegação Ir para pesquisar
ESTE ARTIGO É SOBRE UM GALÃ!!

Ele provavelmente não passa de um BBB: bom, bonito e burro pra cacete. Mas e daí? As mulheres (e alguns homens) ficam babando litros toda vez que ele aparece na TV (ou em revistas), já que ele é um

GALÃ.

Pritt-pitt.jpg
Edward Thomas Hardy
Oab3r35ijj8ee3pw65dy.jpeg
Aquele homem que se piscar para sua namorada você fica solteiro
Nascimento 15 de setembro de 1977
Bandeira da Inglaterra Inglaterra - Londres
Ocupação ator bonitão

Tom Durinho é um ator, modelo, produtor e roteirista britânico com aparência típica de colírio da Capricho, apesar de já ser um quarentão, mas continua botando muito guri retardado metido a galãzinho no chinelo. Verdade seja dita, ele nunca foi lá muito relevante em Hollywood quando era novinho, servindo apenas para fazer bico como um daqueles figurantes que aparecem sem camisa em cenas aleatórias para molhar as calcinhas do público feminino. Tornou-se mundialmente conhecido por atuar no último filme da trilogia do Batman dirigida por Christopher Nolan, quando foi alçado ao posto de muso nerd e passou a fazer outros papéis do tipo.

Juventude[editar]

Filho de um humorista e uma pintora ingleses que ninguém conhece, Tom Hardy nasceu e cresceu na região londrina, onde levava uma vida de garotinho mimado criado a leite com pera, estudando nas melhores escolas particulares e indo à missa todo domingo, um orgulho para qualquer família conservadora britânica.

Deu o cu seus primeiros passos rumo à fama em 1998, quando venceu um concurso de beleza duvidoso e como prêmio assinou contrato com uma agência profissional de modelos. Deve ter feito alguns desfiles e ensaios fotográficos para encher linguiça, mas nenhuma informação foi encontrada a respeito de sua carreira na moda. Na mesma época, aos 21 anos de idade, Hardy resolveu tentar a sorte como ator e inscreveu-se em um curso de interpretação que tinha como professor Anthony Hopkins e do qual também era aluno Michael Fassbender. Diz ele que sua maior inspiração era Gary Oldman, a quem tentava imitar para se dar bem e aparentemente funcionou, porque antes mesmo de se formar já foi chamado para atuar na minissérie Band of Brothers.

Ascensão e queda na carreira cinematográfica[editar]

Em Band of Brothers, Tom Hardy interpretou um soldado americano nem um pouco convincente, pois seu forte sotaque inglês não enganava ninguém. Mesmo assim, a minissérie serviu de vitrine e lhe arrumou conchavos importantes na BBC e na HBO, empresas que produziram aquela canastrice. Em 2001, passou no teste do sofá aplicado por Ridley Scott e fez sua estreia no cinema no filme Falcão Negro em Perigo, onde praticamente reprisou o mesmo papel forçado e foi indicado sabe-se lá como ao Oscar.

Flertou pela primeira vez com a comunidade nerd em 2002, atuando em um filme caça-níquel da franquia Star Trek, no qual interpretou um clone do protagonista vivido por Patrick Stewart, mesmo sem ter porra nenhuma a ver com o mesmo fisicamente. Dali em diante emendou papéis menores em obras como Sweeney Todd, Maria Antonieta e Sucker Punch, que apesar de serem obras bem conhecidas, ninguém percebeu a presença de Hardy devido à insignificância de seus personagens.

Em 2010, conheceu o diretor que mais tarde se tornaria seu cafetão, Christopher Nolan, com quem veio a trabalhar no filme A Origem. No ano seguinte, retomou a parceria com o cineasta em Batman: O Cavaleiro das Trevas Ressurge, onde deu vida ao vilão meia-boca Bane, e a partir de então virou queridinho do panteão geek. Anos depois, protagonizou o filme solo do Venom, outro vilão dos quadrinhos, fazendo uma dobradinha cinematográfica com a DC e a Marvel.