The Office (Reino Unido)

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para navegação Ir para pesquisar
David Brent percebendo que seu clone não é um babaca tão grande quanto ele.

The Office (em Portugal: The Office - A Empresa) é uma série de mockumentary tosca criada por Ricky Gervais e Stephen Merchant no Reino Unido, passando pela única emissora realmente que alguém lembra que é de lá, a BBC. Passou entre 9 de julho de 2001 a 27 de dezembro de 2003, com somente 13 episódios, não porque era ruim apesar que era mesmo uma série bem bosta, mas porque, diferente de seus ex-colonizados, os britânicos não têm esse tesão de transformar um grande sucesso numa porra de uma série gigante, igual eles fariam na versão pirata da série lançada em 2005 e que foi esticada até a exaustão em 2013, com nove temporadas que deveria ter terminado bem na quarta temporada, mas né, estadunidense é tudo retardado e doido por grana.

Plot[editar]

Bom, se você já viu a porra da versão americana, é a mesma coisa, só que bem mais cringe. Tipo, bem mais pra caralho, já que os britânicos acham que fazer comédia é fazer geral passar vergonha alheia até em assistir a porra do programa. Mas enfim, tá rolando um "documentário" sobre a empresa Dunder Mifflin O Atoleiro pântano chiqueiro Slough. E também o comportamento dos funcionários de lá, um pior do que o outro, que vivem de ou situações desgraçadas por culpa do gerente maluco, como também das pegadinhas que os funcionários fazem uns com os outros.

Personagens[editar]

  • David Brent (Ricky Gervais, sim, isso que eu chamo de contenção de despesas): O gerente retardado da empresa, que só faz todos os funcionários passarem vergonha de dizer que trabalham naquele pardieiro, igual funcionário da Contax;
  • Tim Canterbury (Martin Freeman): O Jim Halpert dessa versão, que vive a aplicar pegadinhas em todo mundo e quer comer a recepcionista da empresa invés de trabalhar;
  • Dawn Tinsley (Lucy Davis): Bem mais gostosa - e menos pedante - que sua contraparte Pam Beesly, é a putinha do escritório, mas que acaba virando serviçal só do Tim no final do seriado;
  • Gareth Keenan (Mackenzie Crook): O Dwight Schrute dessa versão, mil vezes mais baba-ovo do David, mil vezes mais nerd retardado e mil vezes mais zoado pelo Tim do que sua contraparte estadunidense. E sim, não tem uma Angela Martin pra dar pra ele nessa versão (e quem iria querer também né...)

Tem mais uns cinco personagens ou mais que reaparecem na versão americana com outros nomes, mas ninguém dá um puto pra eles.

v d e h
Sitcoms