Tebe

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para navegação Ir para pesquisar
Tebe sendo corrigida no ano de 2099 pelos EUA com gesso. Problema resolvido! Agora ela não é mais uma coisa com formato irregular!

Tebe é a Concessionária de Rodovias S/A que explora rodovias do estado de São Paulo... Mas Tebe pode ser também um satélite de Júpiter que não tem nada de interessante e é apenas uma rocha que fica flutuando pelo espaço. A missão que enviou a Voyager até Júpiter e fez ela descobrir a maldita lua foi a única coisa que aconteceu de interessante na história da lua.

Cquote1.svg Só foi isso mesmo? Cquote2.svg
Você em uma dúvida sobre uma lua inútil

O descobrimento da lua foi a única coisa de interessante que aconteceu a ela. Depois o que aconteceu em sequência é o que aconteceu com todas as gerações passadas do The Sims: foi esquecida pelo resto do mundo que deu atenção para outras coisas.

Geografia[editar]

Fotografia de Tebe tirada pela Voyager 1 em 1900 e Guaraná com Rolha.

A lua tem um terreno acidentado e parece mais com um asteróide. Se a NASA mandasse um satélite pousar em Tebe (o que é completamente improvável) o satélite seria maior que Tebe e a mesma iria cair no planeta e seu fim seria tão incerto quanto o que acontecerá com a Sasha quando passar para a adolescência.

No final, o diâmetro do planeta é desconhecido e não se sabe qual é a espessura de sua crosta, pois ninguém nunca quis verificar ou perder tempo com essa lua.

Descoberta[editar]

Durante a missão Voyager 1, ela estava fotografando e espiando Júpiter. Originalmente, a NASA queria fotografar a base do Mc Donalds que haviam instalado em Amalteia, mas quando viram que seus ocupantes estavam todos mortos, tiveram que fingir que não viram nada e tiraram algumas fotos de outras luas para disfarçar.

Nisso descobriram Tebe e mais outras 54 luas em Júpiter. Oficialmente, achavam que só fosse Io, Europa e Ganimedes as únicas luas de Júpiter, isso sem contar Amalteia, a lua com ocupantes suicidas.

Quando descobriram Tebe e mais 54 outros satélites, a NASA tentou esconder isso dos astrônomos que viviam enchendo o saco deles para mandarem foguetes para a lua, mas mesmo assim acabaram descobrindo o fato e a NASA teve que atrasar a programação da Voyager 1 para poder passar por todo o processo burocrático que se passam quando se descobrem novas luas.