Spinal Tap

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para navegação Ir para pesquisar
Deus metal(2).jpg
Este artigo foi abençoado pelo DEUS METAL!

Vamos louvar o DEUS METAL!! \,,/.Ò.Ó.\,,/
HAIL! HAIL! HAIL AND KILL!
Espinha Tapada
Spinal Tap.jpg
A maior banda de todos os tempos da última semana, os inigualáveis Spinal Tap!
Origem Inferno Paraíso do Heavy Metal
País Estados Unidos Reino Unido
Período 2001 A.C. - atualmente
Gênero(s) Rock
Heavy Metal
Gravadora(s) Polydor Polymer
Integrante(s) Michael McKean David St. Hubbins, Christopher Guest Nigel Tufnel, Harry Shearer Derek Smalls, C. J. Vanston "Caucasian" Jeffery Vanston e Gregg Bissonette
Ex-integrante(s) David Kaff Viv Savage, R.J. Parnell Mick Shrimpton e mais uns bateristas azarados que morreram no palco
Site oficial Esse aqui!

Cquote1.png Sua intenção era pesquisar: Punção lombar Cquote2.png
Google dando uma de adivinho com a pesquisa de Spinal Tap
Cquote1.png Experimente também: Tonight I'm Gonna Rock You Tonight! Cquote2.png
Sugestão do Google para Spinal Tap

Spinal Tap ou Spın̈al Tap (nem me pergunte como consegui botar o trema em cima do n fiz ctrl C ctrl V da Wikipédia, óbvio) é simplesmente a banda mais foda do universo. Tão foda que é a única que recebeu um filme inteiro dedicado a eles, o melhor filme de todos os tempos sobre uma banda de trick metal heavy metal, This Is Spinal Tap, contando de sua jornada de sucesso impossível de ser igualada por meros imitadores de somenos importância como Iron Maiden, Metallica, Black Sabbath, Judas Priest, rá, todos meros amadores perto das façanhas inimitáveis da Spinal Tap, como vimos em seu belíssimo documentário acima citado.

Invejosos dirão que na verdade o filme todo é um mocumentário feito por humoristas estadunidenses da ABC com o intuito só de zoar as pessoas, como dizem o mesmo de The Office USA. Esses pobres invejosos jamais entenderam o segredo do sucesso, daí precisam de se prestar a esse papel vexatório de tentar dizer que o Spinal Tap é igual a The Monkees, ou seja, uma mera paródia... tsc tsc tsc...

História real[editar]

Para serem sexy eles nem precisam se esforçar, olha isso!

Michael McKean David St. Hubbins (vocalista e guitarrista), Christopher Guest Nigel Tufnel (guitarrista) e Harry Shearer Derek Smalls (baixista) formaram a banda no Reino Unido no início dos anos 1960, originalmente como uma banda de skiffle chamada The Thamesmen, mas mudaram rapidamente de nome para Spinal Tap após uma cirurgia de emergência de punção lombar que o St. Hubbins passou dizem que ele também removeu seus testículos na ocasião, ficando com a voz bem mais fininha. Na metade pro final dos anos 1960 a banda já fazia um rock psicodélico tão drogadaço que conseguia ao mesmo tempo passar pelo pop psicodélico, rock progressivo, jazz fusion, funk, reggae, bossa nova, forró, pagode russo, hard rock, rock de vanguarda, gótico, noise, grindcore progressivo, música ambiente, pagode japonês e trap.

Essa mistureba de virtuose deles acabou por os tornar uma banda de heavy metal, aliás a primeira do gênero. Sim, ELES FUNDARAM O GÊNERO! Nada de Deep Purple, Led Zeppelin, The Beatles, Jimi Hendrix, Steppenwolf, Uriah Heep, Sir Lord Baltimore, Black Sabbath, porra nenhuma, todos eles apenas beberam da fonte preciosa do Spinal Tap.

A banda foi marcada também por tragédias, como a morte de um de seus quarenta e dez bateristas morto após enfiar um ancinho no rabo, outro após morrer afogado dentro do próprio vômito (sim, ele vomitou tanto que encheu a sala onde esse baterista estava e ele não conseguiu sair de dentro do próprio vômito...) e mais uns dois sei lá como em apresentações da banda morreram de combustão espontânea. Dizem que poderia estar ligado a possíveis pactos com o satã, mas provavelmente é só especulação de pastor mala tipo Jimmy Swaggart da vida.

A banda estourou de vez em 1984, com o lançamento de seu documentário Isto é Spinal Tap, um sucesso absoluto nos cinemas e que mostrou ao mundo a história de superação e talento indiscutível dessa que é a banda mais foda do heavy metal forever!

Atualmente saem em turnê com o tecladista C. J. Vanston "Caucasian" Jeffery Vanston e um baterista convidado chamado Gregg Bissonette que toca também com uns perdedores aí chamados David Lee Roth, Steve Vai e Billy Sheehan.

História que dizem ser a real, mas é só balela da oposição[editar]

Nunca duvidem da existência e do poder dessa banda!

A suposta primeira aparição da Spinal Tap, de acordo com críticos tolos e mal amados da banda, teria sido em 1979 num programinha de humor tocando "Rock 'N' Roll Nightmare" e na época seria formada por Rob Reiner e Michael McKean. Só tempos mais tarde o projeto seria assumido pelos humoristas Michael McKean, Christopher Guest e Harry Shearer, um bando de palhaços que já eram responsáveis por uma banda de zombaria chamada Lenny and the Squigtones. Daí pra frente essa esquete começou a ficar boa até chegar ao falso documentário Isto é Spinal Tap.

O sucesso alucinante do falso documentário e de sua trilha sonora (mesmo que nenhum dos membros da palhaçada nunca tenha sequer pego num violão na vida pra tocar antes) acabou fazendo eles levarem a brincadeira a sério, e saírem em turnê, além de se reunirem nos anos 2000 e daí pra frente seguirem de verdade como uma banda de metal, fazendo obviamente menos sucesso do que quando eram só uma piadinha, pois como a banda Anvil bem prova, quando a coisa fica muito séria no mundo do metal, ninguém mais dá um puto pra você.

Mas, é claro, essa seção inteira você querido leitor pode desconsiderar, isso é só uma fanfic idiota plantada por alguns membros de outras bandas que tinham inveja pura do sucesso astronômico da Spinal Tap.

Lançamentos[editar]

  • Spinal Tap Sings Listen To The Flower People & Other Favorites, 1967*
  • We Are All Flower People, 1968*
  • Top Hit For Nows, bootleg, 1968*
  • The Incredible Flight Of Icarus P. Anybody, 1969*
  • Silent But Deadly, 1969*
  • Audible Death, bootleg, 1969*
  • Brainhammer, 1970*
  • Nerve Damage, 1971*
  • Blood To Let, 1972*
  • Intravenus De Milo, 1974*
  • The Sun Never Sweats, 1975*
  • Jap Habit, 1975*
  • Live At Budokkan, 1975*
  • Bent for the Rent, 1976*
  • Tap Dancing, 1976*
  • Rock 'n Roll Creation, 1977*
  • It's a Smalls World, Derek solo, 1978*
  • Nigel Tufnel's Clam Caravan, Nigel solo, 1979*
  • Shark Sandwich, 1980*
  • Openfaced Mako, bootleg, 1981*
  • Smell The Glove, 1982*
  • Heavy Metal Memories, recompilação (budget recompilation), 1983*
  • Got Thamesmen On Tap, 1984*
  • This Is Spinal Tap, 1984
  • Maximum Tap, 1985*
  • It's A Dub World, 1988*
  • Doesn't Anybody Here Speak English?, Ross MacLochness solo, 1990*
  • Break Like the Wind, 1992
  • Here's More Tap, 1996*
  • Flak Packet, 2005*
  • Lusty Lorry, 2009*
  • Back from the Dead, 2009
  • SEXX! (Soundtrack), 2010*
  • Hernia, desconhecido, 24-CD*
  • Pyramid Blue, Nigel solo, 2013*

OBS: Os discos com asterisco são considerados "fake" pelos críticos que não tiveram paciência de pesquisar profundamente para ouvir toda a raríssima e poderosíssima discografia da Spinal Tap, e só ouviram os discos em negrito. Não sabem o que estão perdendo, pobres diabos na verdade nem eu sei, já que eu também não achei essas porras em lugar nenhum... existem mesmo?

Ver também[editar]

  • Massacration, primos pobres brazucas;
  • Nanowar of Steel, imitação de quinta categoria;
  • The Rutles, os pais do Spinal Tap;
  • Beatallica, uma banda que tentou, mas não conseguiu nem chegar perto do Spinal Tap;
  • The Folksmen, banda fictícia de folk rock que uns tolos dizem se tratar dos mesmos que tocam no Spinal Tap. Ora, que infâmia, tr00s como os Tap jamais tocariam um ritmo tão molenga como folk rock...
  • Stonehenge, o monumento que teve a honra de inspirar uma música do Spinal Tap ou teria sido o contrário e o Stonehenge que foi criado em honra ao Spinal Tap?.