Seth MacFarlane

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para navegação Ir para pesquisar
Seth "Family Guy" McFarlane
Seth McFarlane.jpg
Prova viva de que macacos treinados podem fazer desenhos animados
Nascimento Quem se importa?
American Dad!
Nacionalidade Viatinam


Mattgroening.jpg Ai, minha mão, porra!

Este artigo é sobre algum desenhista, rabisqueiro ou uma pessoa que não conseguiu emprego de pintor. Ele passa a madrugada desenhando, tem calos no lugar das digitais e é viciado em filmes de violência. Se vandalizar, Mike Allred passará a borracha em você!


Cquote1.svg Você quis dizer: Retardado Cquote2.svg
Google sobre Seth MacFarlane
Cquote1.svg Você quis dizer: Criador de Uma Família da Pesada e de American Dad Cquote2.svg
Google sobre Seth MacFarlane

Será que Seth vai se sentir orgulhado quando, ao falarem dele, se lembrarem de Peter Griffin?

Seth MacFarlane é um humorista, diretor, animador, dublador, macaco treinado, desenhista, criador, plagiador, extraterrestre e consumidor de Maconha que criou séries que vão desde tiros no escuro e para todo o lado até séries que fizeram milhares de pessoas ao redor do mundo terem seus cérebros corroídos, "É como usar o Pânico na TV, só que em escala global" fala um militar americano que pediu para Seth McFarlane criar Family Guy e usar como arma de destruição em massa.

Só que ele não esperava quer fosse atingir o povo americano.

Juventude[editar]

Desde pequeno ele já desenhava seu pai, um sujeito conturbado e alcoolatra que mais tarde iria inspirar Peter Griffin. Após a sua mãe ficar preocupada pela intensidade e os ataques epiléticos que ele causava em seus irmãos mais novos ela manda para um psicólogo que iria fazer uma análise do problema de Seth.

O psicólogo fez o clássico pedido de "desenhar os membros da família", assim surgia o primeiro Esboço de Family Guy e futura arma de destruição em massa mundial.

Após isso, o psicólogo teve a licença cassada e parou em um hospício após ter visto que aquele desenho virou mesmo um desenho animado. Antes de ter a licença cassada ele disse que era para investir no futuro do garoto pois parecia que a mente dele se resumia à peidos e extraterrestres, basicamente um besterol.

Ele descreveu a mente dele como um Rio Tietê só que 20 vezes mais poluída, era complexa demais para mentes humanas.

Carreira[editar]

Vendo que seu filho estava perdido, seu pai o largou em uma floresta no Canadá onde seria bem recebido pelos canadenses, que eram receptivos a quase tudo até que chegou Seth McFarlane lá começou com várias piadas sobre canadenses. A família de canadenses acabou o largando no México, onde todo mundo se contentava com tudo, um exemplo disso é a água local que dá diarreia.

Enfim, os mexicanos apostaram todas as fichas no guri, o mandaram para parentes em Los Angeles e começaram a colocá-lo em um jornal local que acabou chamando atenção da Fox.

Era a época dos Simpsons e a Fox queria o máximo que podia. Os mexicanos acabaram vendendo Seth McFarlane para a fox e a fox o trancafiou até os anos de 1998 onde até então estava fazendo os episódios de Family Guy, American Dad entre vários outros desenhos entupidos até à tampa de Merda.

Resultado[editar]

Atualmente, todos esses desenhos passam no FX, a versão hardcore da Fox só que com mais defeitos e menos qualidade, foi considerado pesado demais para a Fox original então "a geladeirinha" era a melhor opção. Seth rola no dinheiro enquanto faz vários episódios sem sentido das suas criações enquanto todo mundo pensa que foi Matt Groening que criou os desenhos de Seth.