Seleção Etíope de Futebol

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para navegação Ir para pesquisar
18-1 owned.jpg Este artigo é algo que o Bayern de Munique aprovaria, se não fosse o calcanhar do Madjer...

Este é um artigo que pode te levar para o Lado Amarelo da Força. Se estiver perto de algum evento decisivo, não o leia, pois pode causar um FAIL épico.

Este artigo foi feito por quem já ganhou Copa do Mundo

Copa Trofeus.JPG

Morra de inveja MWAHUAHUAHUAH!

Etiópia
Etiópia logo.png
Lema: Lutando por uma vaga na copa do mundo
Local: Addis Ababa
Confederação: CAF
MELHOR Resultado: Somalilândia Francesa 2-10 Etiópia (01/05/1954)
PIOR Resultado: Iraque 13-0 Etiópia (18/08/1992)
Fornecedor: Não se sabe a fonte
Apelido: Sonhadores
Ídolos: Luciano Vassalo, Getaneh Kebedeh
Mascote: Eles tem mascote?
Hino: Quem sabe na próxima
Títulos: ...


Cquote1.svg Por acaso vocês foram treinados por Zagallo em '92? Cquote2.svg
Seleção Iraquiana de Futebol sobre o 13-0 contra os etíopes

A Seleção Etíope de Futebol é uma das seleções em ascensão na África, mesmo não tendo se classificado para copa do mundo, sempre vive enchendo o saco das seleções africanas mais tradicionais. O objetivo principal da seleção não é vencer os jogos, e sim arrecadar grana pra alimentar o povo pobre e raquítico que povoa o território etíope já que lá não existe Bolsa Família. A seleção ostenta o troféu de campeã africana de 1962.

História[editar]

Um futuro craque da seleção.

A seleção surgiu quando os etíopes não tinham muita diversão e resolveram montar um compilado de jogadores "recém formados" contra o ainda chamado de Somalilândia Francesa (quando os racistas da França ainda oprimiam os africanos), como a Etiópia era mais nutrida (ou menos desnutrida se achar melhor), venceu o jogo na casa deles por 5-0 naquele 05 de Dezembro de 1947, e o prêmio pro vencedor do jogo foi uma cesta básica.

Copa Africana de Nações de 1962[editar]

A seleção sediou o torneio, e venceu sem muita dificuldade, até porque só jogou dois jogos e só 4 seleções quiseram jogar o torneio. A Etiópia venceu a Tunísia na semifinal por 4-2 e a República Árabe Unida (Egito) venceu Uganda por 2-1 (essa informação é só pra encher linguiça mas na disputa do terceiro lugar a Tunísia venceu Uganda por 3-0). Na final a Etiópia repetiu o placar da semifinal vencendo na prorrogação e foi campeã africana daquele ano,além da taça a premiação foi 1 ano de supermercado grátis e 100 kg de alimento.

Copa Africana de Nações de 1982[editar]

A campanha no torneio na Líbia (que tinha uma bandeira muito criativa diga-se de passagem) foi um fiasco total, derrota de 3-0 pra Nigéria, perdeu de 1-0 pra Zâmbia e empatou num sonífero 0-0 com a Colônia que venceu o colonizador e terminou em última no Grupo B.

Copa Africana de Nações de 2013[editar]

Mais um desjogo da seleção.

Depois de 31 anos de férias, o retorno da seleção ao torneio (esse jogado na Terra de Mandela) continental foi quase um replay invertido da campanha de '82. Começou com um 1-1 morno com a Zâmbia, depois levou uma escovada de 4-0 da Burkina Faso e perdeu de 2-0 pra Nigéria e terminou de novo na lanterna com 1 ponto no Grupo C e a seleção de novo C fodeu.

Eliminatórias Copa do Mundo de 2014[editar]

A seleção de fato chegou bem perto da classificação (e é só isso que ela faz, chegar perto...). Começou derrotando a Somália no play-off da primeira fase com um 0-0 e 5-0. Na segunda fase venceu o grupo A com 13 pontos, superando a cabaça África do Sul, Botswana e República Centro-Africana, respectivamente. No play-off de classificação não conseguiu superar a Nigéria, depois de perder por 2-1 e 2-0 a seleção frustrada foi ver a copa na Rede Globosta.

Eliminatórias Copa do Mundo de 2018[editar]

Dessa vez a seleção adiou o sonho da classificação mais cedo, depois de passar no sufoco por São Tomé e Príncipe no sufoco após conseguir perder o primeiro jogo por 1-0 fez 3-0 na volta e passou pra segunda fase. Mas acabou por aí, a seleção do Congo venceu por 4-3 na ida e 2-1 na volta e tchau à copa na Mãe Rússia.

Grandes Jogadores (ou não)[editar]

  • Getaneh Kebede
  • Shimelis Bekele
  • Luciano Vassalo
  • Degu Debebe
  • Jemal Tassew
  • Tesfaye Seyoum
  • Andualem Negusse
  • Saladin Said
  • Aynalem Hailu
  • Abebaw Butako
  • Asrat Megersa
  • Addis Hintsa
  • Minyahile Teshome
  • Biyadiglign (que nome horroroso) Elyas
  • Alula Girma
  • Sisay Bancha

Pois é, a seleção ainda não conseguiu uma classificação pra uma copa do mundo, mas o time é aguerrido e não desiste nunca, um dia veremos ela jogar uma copa do mundo (ou não), não tenha dúvida.