Roberto Rivellino

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para navegação Ir para pesquisar
Rivellino
Riva.jpg
Nascimento Ano novo de 1946
Nacionalidade Bandeira do Brasil Brasil
Altura 1,69m
Peso Entre 5kg e 500kg
Posição Meio-campo
Clubes Corinthians, Fluminense FC e Al-Hilal
Estilo de Jogo Drible do elástico, seguido de fortebomba no ângulo.
Gols Fortebombas no ângulo.


Cquote1.svg Você quis dizer: Tony Iommi Cquote2.svg
Google sobre Roberto Rivellino
Cquote1.svg Você quis dizer: Patada Atômica Cquote2.svg
Google sobre Roberto Rivellino
Cquote1.svg Você quis dizer: Rifa Riva Cquote2.svg
Google sobre Roberto Rivellino
Cquote1.svg Você quis dizer: Belchior Cquote2.svg
Google sobre Roberto Rivellino
Cquote1.svg Você quis dizer: Seu Madruga Brasileiro Cquote2.svg
Google sobre Roberto Rivellino

Cquote1.svg Rivellino és muy merror do que Pelé! Cquote2.svg
Maradona sobre Rivellino
Cquote1.svg Rivellino é do Timão! Cquote2.svg
Corinthiano sobre Rivellino
Cquote1.svg Rivellino é do Tricolor! Cquote2.svg
Torcedor do Fluminense sobre Rivellino
Cquote1.svg FORTEBOMBA!!! Cquote2.svg
Narrador fanho sobre cobranças de falta do Rivellino

Rivellino prestes a dar um drible do elástico e entortar o Pelé.
Os São-paulinos sempre sonharam em ver essa imagem durante um campeonato.
Hoje, Rivellino tem mais cabelos em seu bigode do que em sua cabeça.

Roberto Rivellino é um ex-jogador de fitebol brasileiro. Atuou consagradamente no Invasores da favela Maracanã e no Invadidos na favela Maracanã. Diego Cheradona disse que o melhor jogador a passar pela sua frente foi o próprio Rivellino. Por apenas uma partida, Riva jogou pela Portugália bigodis. Fez um gol e só usou a camisa rubro-verde por miseráveis 40 minutos contra um "grande" time da Bósnia-Herzegovina, no dia 06 de janeiro de 1972. Terminou num tal de "Al-Hilal", mais conhecido como Recanto dos grandes jogadores. Terminou por não ser amigável com o príncipe Kale-se. O próprio era palmeirense na infância, mas foi reprovado por Ademir da Guia. Numa época que o Corinthians não estava numa boa, pois Santos tinha o rei, Palmeiras tinha guias e São Paulo tinha Toninho Guerreiro. Sua chegada ao Parque São Jorge causou um grande estranhamento entre donos de bar que conversavam com bebuns após as derrotas do Corinthians para o já falido Juventus. Uma enquete do planeta Terra fez que ele participasse do FIFA 100 e da Seleção da América do Sul.

No Flor, ganhou dois cariocas e já foi considerado idolo. Levando em conta que também é no Corinthians, jogando 14 anos lá e não conquistando porra nenhuma, tendo como maior feito perder só de 6x0 para Juventus, até que faz sentido.

É considerado um dos maiores da história do verdadeiro futebol conquistando só 3 títulos na carreira. Então o Odvan é Deus....

Seleção da América do Sul
Jogador País
Ubaldo Fillol Argentina
Carlos Alberto Torres Brasil
Elías Figueroa Chile
Daniel Passarella Argentina
Nilton Santos Brasil
Diego Maradona Argentina
Alfredo Di Stéfano Argentina
Rivelino Brasil
Didi Brasil
Mané Garrincha Brasil
Pelé Brasil