Papa Pio IX

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para navegação Ir para pesquisar
Pio IX brincando de titanic

Cquote1.svg Aleluia hein! Até que fim morreu!! Cquote2.svg
Arcebispos sobre morte de Pio IX
Cquote1.svg IRAIRAIRAIRAIRAI, Epilepsia mano! Cquote2.svg
Pio IX sobre seus ataques epiléticos
Cquote1.svg Eu o odeio Cquote2.svg
Hitler sobre Pio IX

O Beato Pio IX, Giovanni Maria Mastai-Ferretti (Num rancho fundo, bem pra lá do fim do mundo, 13 de Maio de 1792 - Roma, 7 de Fevereiro de 1878). Foi Papa num total de 31 anos, sete meses, 17 dias, 8 horas, 40 minutos, 17 segundos e 99 milésimos de segundo, entre 16 de Junho de 1846 e a data do em que escafedeu-se de vez, para alegria dos arcebispos que queriam tomar o seu lugar. É o pontificado mais longo da história depois de São Pedro e Chuck Norris.

Era uma vez...[editar]

Giovani queria ser mesmo é homem de guerra, tentou desde moleque entrar para a carreira militar, só que sofria de epilepsia, e como era na época considerado um doido varrido, teve que abandonar a ideia.

Então resolveu ir para o lado branco da força e seguir uma carreira bem mais fácil, pelo menos em termos financeiro. Em 1819 foi para o Chile para virar sacerdote, já que a concorrência na Itália era complicado, regressou pro seu país quando achava que tinha chance de roubar ser o novo pontífice da igreja católica.

O seu pau Papal[editar]

Quando eleito pontífice, todos achavam que o Papa seria um papa liberal, mas Pio IX mostrou ser um cabra macho e reformulou muitas leis na igreja.

Resolveu abolir as leias que tratavam os Judeus como zero a esquerda, antes de Pio IX os judeus tinham que comer o pão que o diabo amassou, tinham que rezar 300x por dia, viver em uma área própria pra Judeus e praticar sexo só depois do casamento.

Então o Papa com o seu lado de compaixão, resolveu ser um cara legal para os Judeus.

Em meados de 1848, a Europa estava em guerra (como sempre), o Papa IX elegeu alguns ministros para poderem acompanhar o desenrolar da situação e tentar declarar paz para os povos europeus. A resposta das autoridades militares foi rápida, o pobre ministro que mal tinha virado ministro foi assassinado por tentar meter a colher aonde não é chamado.

O Papa chegou a ser cercado por multidões revoltadas querendo guerra, mas escapou ileso porque se travestiu de mulher, fazendo com que nenhum europeu idiota (todos eles) reconhecessem o pontífice, assim Roma ficou nas mãos dos povos revoltados enquanto o Papa tentava resolver a situação travestido. Só em 1850 o Papa voltou pra Roma quando a poeira abaixou e ele tivesse certeza que não iria tomar um cacete das autoridades francesas, italianas, austríacas e diabo a quatro.

Quando achava que as coisas estavam indo bem, Napoleão III descendente de Napoleão II que é descendente de Napoleão I, resolveu por fogo no circo. Invadiram estados da Itália, e para não deixar o papa na mão, ofereceu apenas as terras papais ao pontífice, o Papa recusou com risco de ser preso e deportado de volta pra Roma (da onde ele estava naquele momento), tentou fazer com que a Itália não participasse de qualquer campanha política das novas terras conquistadas, mas morreu antes de tentar qualquer acerto de contas. Depois de longos 31 anos de papados, o velho não aguentou mais tanta guerra e escafedeu-se, morreu de infarto na Basílica de São Pedro onde lá permanecerá o armageddon!

Precedido por
Gregório XVI
Bento 16 saudando.jpg
Síndico de Deus nº 256

1846 - 1878
Sucedido por
Leão XIII