Orquídea Negra

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para navegação Ir para pesquisar
Playboy para praticantes de botanofilia.

Orquídea Negra é o nome de várias heroínas do universo da DC Comics, todas de alguma forma na realidade são encarnações da mesma heroína, Susan Linden, a original, com um uniforme espalhafatoso para caralho e pouquíssimo destaque, até o dia em que foi desintegrada e no lugar dela nasceu de suas cinzas a Flora Black, a que ficou mais famosinha porque tinha uma cor nada negra e sim roxa, e viver o tempo todo peladona. Algum tempo depois ela deixou sua filhinha Suzy no lugar, também com mania de ficar peladona por aí. E por fim colocaram recentemente uma tal de Alba Garcia que lembra mais a Susan Linden original, portanto tão sem graça quanto ela.

A orquídea originalzona[editar]

A realidade é que todo mundo só gostava dessa porque ela era gostosinha.

Susan Linden-Thorne era "meia irmã" da Rose Thorne (a Espinho) e como sua maninha, gostava de plantas e de se vestir de uma para combater o crime, mas ao contrário da Espinho, que só funciona quando tá sonâmbula, a Susan funciona em tempo integral, além de sem querer querendo realmente conseguindo ter uns poderezinhos, como voar só não sei de onde tiraram que orquídeas voam, se disfarçar de qualquer coisa, uma força melhorada de combate, agilidade e uma certa invulnerabilidade. Tudo isso a garante se tornar parte do Esquadrão Suicida, onde ela faz altas missões cabulosas, quase sempre envolvendo o fato dela ser gostosa para caralho e enganando os trouxas, bem ao estilo Hera Venenosa, só que sem veneno e extremamente vulnerável a herbicidas.

Pois bem, e foi um dia que seu maridão, a mando do Lex Luthor, simplesmente um dia taca uma lata inteira de herbicida na coitada quando ela tava dormindo, mandando ela pra terra das plantas juntas. Ou quase isso. Um cientista amigo dela resgata seu corpo e faz umas experiências malucas, que dá nas duas sucessoras dela, que tão aí embaixo, deixa só eu separar aqui pra não ficar gigante e o artigo não cansar seus olhinhos...

As duas sucessoras que todo mundo realmente se importa[editar]

Com uma clonagem foderosa, nascem duas clones: Flora Black e sua "irmã-filha" Suzy, que não têm nenhum respeito pelas senhorinhas só por serem meio humanas meio plantas igual teu pai, se bem que esse aí deve ser só uma planta mesmo e ficam andando peladas por aí afora. Com a ajuda do Monstro do Pântano, do Homem-Florônico e da Hera Venenosa, ambas começam a entender seus poderes e existência, ainda que com sobras da mente da Susan. Indo ao Brasil, elas encontram o cuzão que matou a Susan e mandam ele descansar em planta enterrado igual raiz.

Tempos mais tarde, a besta da Flora acaba imitando sua antecessora e cai na lábia de um macho escroto, casa com ele e ele também a mata (essas minas tem tudo dedo podre mesmo viu...) e aí a Suzy vira a nova Orquídea Negra, bem mais ligada das ideias (aleluia) e fodona pra caralho, aparecendo inclusive na saga Liga da Justiça ? como membra da Liga da Justiça das Amazonas, e também em Crise Infinita, aí já sem muito destaque.

Ah sim, recentemente enfiaram uma tal de Alba Garcia na Liga da Justiça das Trevas, mas depois passou a fazer parte de um grupinho mequetrefe chamado A.R.G.U.S. que é só o Esquadrão Xeque-Mate depois da fome, nada mais que isso. Por isso mesmo nem vale a pena falar direito dessa puta, pode ir pra outro artigo ou pode ir pra puta que o pariu!


v d e h
Bem-vindo à DCclopédia!