New Deep Purple

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para navegação Ir para pesquisar


Cquote1.svg IT's BUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUURN!!! Cquote2.svg
David Coverdale sobre New Deep Purple
Cquote1.svg O New Deep Purple é uma banda em que mais que nunca o Deep do cara que inventou isso está bem Purple... isso eu garanto! Cquote2.svg
Ritchie Blackmore
Cquote1.svg Vocês já viram uma banda ruim assim? Cquote2.svg
Repórter
Cquote1.svg Never, never, Never Before Cquote2.svg
Fãs do verdadeiro Deep Purple

A melhor formação do Deep Purple... se você for masoquista ou retardado.

New Deep Purple ou Bogus Deep Purple foi uma banda cover uma tentativa de golpe do baú criada por Rod Elvis, cantor de barzinho e sauna gay e ex-primeiro vocalista do Fundão Roxo.

A história[editar]

Roda Evans foi um dos afundadores do Deep Purple. Porém 12 anos depois, foi despedido pois não era mais necessário um cover de Elvis pra alavancar as vendas. Foi substituído por Tião Guilan que com seu vocal de taquara rachada levou ao Purple à fama. Mas claro que as constantes brigas pelo fato que não sobrava bagulho pra ninguém acabaram encerrando a banda

Atenção otário, nenhum dos músicos do Deep Purple vai tocar nesses shows miseráveis! Mas se a gente te der um prato de comida e 100 conto, você nos assiste? Hein? u_u

12 anos depois de ser chutado, após muita birita nas costas pra afogar as mágoas de sua demissão, Rod encontrou a chance de ouro: foi procurado por Zeca Urubu, agente da Pilantragem Associates. A empresa era especializada em "ressuscitar" bandas mortas colocando um ou dois membros originais com mais três frentistas do posto de gasolina da esquina abaixo da minha casa. O ex-baixista do Deep Nico Simples também foi convidado pra fazer parte da falcatrua, mas foi esperto e preferiu com sua vida simples mesmo, na dele.

A banda "nova" foi então criada, com Rodela Evans nos vocais, He-Man na batera, Rei Roberto Carlos na guitarra, Roberta Miranda no baixo e Didi Mocó nos teclados.

Os shows[editar]

Os shows do New Deep Purple foram amplamente considerados os melhores da história... em torturar o público. Os 11 shows geraram reações inesperadas da platéia, de tão empolgada e feliz começava a jogar cadeiras, garrafas e granadas nos músicos. Como não suportavam tamanha aprovação dos pagantes, os shows sempre acabavam 20 minutos depois de começarem, e sempre com Rod Evans empinando o nariz e saindo com a bunda virada pra cima.

Totalmente incompreendidos pelo público e crítica (claro) fizeram 11 shows, vale destacar aqui que os shows do México e do Acre ficaram para a história. A versão deles de Smoke on the Water, com o teclado afinado 9 tons abaixo, foi considerada a mais empolgante do Deep Purple.

O triste fim (só pra eles mesmos)[editar]

Invejosos, os integrantes do antigo Purple não perdoaram Evans e sua turma. David Coverdale foi o primeiro a protestar, pois só David poderia fazer cover dele mesmo. Jon Lord também não ficou parado, pois o tecladista do NDP não era lá um Lord... No fim das contas, Rod foi o mais prejudicado da história: teve que pagar 672.000 dólares e 3 caixas de Suco de Uva com Goiaba pelo golpe, além disso perdeu os royalties que ainda recebia pelos três primeiros discos do Deep Purple que foram gravados com ele e que até então eram a principal fonte das suas biritas.

Frustrado, Rod Elvis voltou para a Califórnia, se formou em medicina e virou proctologista. Segundo o próprio, quer se vingar de Jon Lord desempenhando muito bem a sua função no nosso querido tecladista.

Opinião de um fã do verdadeiro Deep Purple[editar]

Cquote1.svg Pow mano (puxa um baseado) esse New Deep Purple era muito Lazy! Se eles ainda tivessem na ativa, The Battle Rages On, ia rolar muito Rapture of the Deep. New Deep Purple não foi Made in Japan. Na verdade, eles eram Made in China... Tanto é que o Deus Metal odiou tanto aquela turma que mandou uma Fireball neles. Sorte que hoje os integrantes são Perfect Strangers, estão em completo Abandon. Toda vez que eu lembro do único show deles que eu presenciei, quando eu era apenas uma Child in Time, eu Feel Like Screaming, nós demos Bananas pra eles! A noite em que eles levaram cadeirada foi uma Black Night, o público gritava "Hush, Hush"! Nobody's Perfect, mas no caso do NDP eles eram o extremo do imperfeito, o público foi Mistreated pra cacete. Esse episódio sempre vai fazer parte das Shames of Deep Purple... se eu encontrar esse tal de Rod Elvis na rua ele vai levar na House of Blue Light dele Cquote2.svg

Em vídeo[editar]

A seguir, o único registro em vídeo dessa porcaria. ATENÇÃO! Se você tiver estômago fraco, não assista. De preferência tire as crianças da sala. Cardíacos e hipertensos, se afastem. Caso queira continuar, não garantimos que você fique livre de traumas.