MegaMacho Oco

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para navegação Ir para pesquisar
Furrynormal.jpg Este artigo é sobre um freeware!

Provavelmente foi feito por uma pessoa civil, deve seguir a tradição da velha guarda dos games e pode ser encontrado no yoyogames, no caiman, ou até mesmo no baixaki!

MegaMacho Oco
Mega Macho Oco.jpg

Nosso protagonista mostrando o que é um macho...

Informações
Desenvolvedor Ocosoft Games
Publicador idem
Ano 2016
Gênero Ação
Plataformas PC
Avaliação QUE DELÍCIA KRA
Classificação indicativa desde que você seja um macho virgem, tudo bem

Cquote1.svg Você quis dizer: Megaman 8? Cquote2.svg
Google sobre MegaMacho Oco
Cquote1.svg Tá ligado que esse jogo é meu? Cquote2.svg
Capcom tentando fazer o mesmo que fez com Street Fighter X Mega Man.
Cquote1.svg Agora quero ver alguém dizer que sou ruim! Cquote2.svg
Megaman X7 sobre MegaMacho Oco.
Cquote1.svg Você é ruim, X7! Cquote2.svg
Alguém sobre citação acima.

MegaMacho Oco é o muito esperado fangame de Mega Man concebido e modelado sob os olhares e caminhos da Delícia. Foi desenvolvido e publicado pela desenvolvedora mais deliciosa que existe, sendo basicamente um plágio de Megaman 8 em que controlamos uma versão robótica, peluda e mansa de Jailson Mendes: MegaMacho, o robô mais delicioso do mundo, na missão grande e gostosa de derrotar 8 robot MACHOS bundões.

História[editar]

Jajá e Danilo discutindo detalhes da transformação em MegaMacho.

Uma força-tarefa composta por membros da Ilha da Macacada e do Anonymous deu um jeito de finalmente conseguir encontrar Sandro Lima e o convenceram a gravar um Pai de Família 4, em que Jailson Mendes contracena com Alemão nos arredores de onde rolou a pelada do James. Inicialmente seria com Bob, o Construtor, mas ele tava trabalhando, não tinha nem como ele falar na hora.

No enredo, Alemão tinha que instalar um ar-condicionado da marca Arno pro Jailson, que tava trabalhando como o novo caseiro, já que o último foi pro Rio de Janeiro comer cuscuz gostoso no sambódromo. Após a instalação, Jailson oferece um suco de laranja e Alemão aceita, mas depois fica mais interessado em meter rola no cacete, digo, no cuzinho cabeludo de Jajá, que não resiste e aí já viu...

No dia do tão aguardado lançamento, vários convidados ilustres apareceram, como Danilo Gentili, Arnold Schwarzenegger, Erick Munhoz e até Kauan Desu, após anos morando na Europa. No entanto, uma figura sombria, Dr. Demalixo, invade a Ícaro Studios e rouba o único rolo do filme. Sim, teve tanto trabalho pra fazer o filme, mas pra evitar a fadiga, fizeram apenas um rolo. Com a Delícia em risco de perder seu carisma, Jailson se oferece para virar um guerreiro muito macho para recuperar o filme e garantir a delícia para o planeta. Paulo Guina se solidariza com a causa e decide, junto com Danilo não sei das quantas Gentili, a construir um bonito corpo de batalha: fortão, bonito, mulherada curte. Kauan, no entanto, é abduzido por Demalixo.

Gameplay[editar]

MegaMacho preparado para sua missão deliciosa.

É idêntico a qualquer jogo (travado) de Mega Man, com nuances de Megaman X5. MegaMacho, o DGN (Doctor Guina Number) 001, pode pular, correr e atirar, mas ao invés dos típicos limões xexelentos, temos deliciosas rodelas de laranja-Bahia mergulhadas em poder realmente supremo. Além disso, ele corre com o sorriso resplandescente de quem está trabalhando e relaxando e também pode se abaixar, como acontece em X5-X7, mas faz isso feito macho, ou seja, de 4.

O jogo é extremamente difícil, pois além dos controles bugados, MegaMacho é facilmente arrombado por qualquer inimigo, mas parece que ele goooosta muito, se reparar na cara. Pra piorar, os inimigos não dropam nenhum item de cura, sendo que o item de HP é uma caixa de suco de laranja que às vezes é encontrada nos finais das seções de cada fase, enquanto o item de WP "seria" uma fatia de salame, mas como no salame não pode não, ele nem aparece, o que talvez explique porque não existam armas no jogo. Pra compensar, as vidas são infinitas, mas até a compensação é bugada: caso o jogador morra, não terá ninguém pra controlar o MegaMacho, e caso este morra, o jogador terá de repetir a seção inteira (se não tiver morrido).

Infelizmente, Mega Macho não pode adquirir as armas dos chefes, igual a Gaea Armor do X5 e a Shadow do X6, pois Paulo Guina não é um ás da robótica como Dr. Light e não soube programar essa habilidade. Mas não se preocupe, meu urso: assim como aconteceu com os visuais do Mega Man no artigo do Megaman Next, nós da Desciclopédia daremos um jeito nisso criando todos os poderes dos chefes, as cores e estabelecendo as fraquezas de cada macho, mas sem sprites porque eu não kero o jogo não é 8-bits e renderizar novos sprites ia ser um saco peludo de macho.

Fase introdutória[editar]

Considerando o porte físico, Duo seria o Douglas Torres...

É idêntica a Ilha da Caveira onde Duo e seu nêmesis caíram, mas sem esqueletos de dragões do Megaman 2 e com aquele esgoto secreto arregaçado e depelado vain, por isso, o lugar tá todo alagado. Ainda bem que não tinha gente naquela ilha, ou essa água ia estar cheia de merda...

O design é bem simples: como uma fase introdutória descente, serve para acostumar o jogador aos controles bugados do jogo e lidar com 3 dos 4 (literalmente) inimigos normais: picas gigantes que não causam dano, mas atrapalham pra cacete (sem trocadilho intencional) ao ficarem com ereção quando se chega perto, sendo idênticas às palmeiras falsas do jogo original; os MetBiocas, mettaurs modificados pra chupar um e pá ao invés de atirar; e os SeuBucetagueijos, que como o nome dá a entender, são padeiros verdes que disparam bicicletas de fogo pelos joelhos. Ainda existe um obstáculo especial, um tomate BR batedor de reguinho que bloqueia as duas únicas rampas do jogo inteiro (mentira).

Chefe: Dylon Crab - Se o jogo tivesse armas especiais, seria fraco perante a Guina Ball, arma que Dr. Guina deu de presente para que MegaMacho chupasse suas bolas, que ele ia socar no seu cuzão, mas como não tem arma especial, vai ser no Macho Buster mesmo. Como é possível ver no vídeo, a colisão dos tiros é mais hedionda que o estupro da Sansa em Game of Thrones e a última temporada da série combinados, mas o Dylon Crab em si é formidável: ele pula e deixa um bonito bolo com bonitas velas, de laranja (lhógico) com cobertura de geleia de vinho (o bolo, não as velas). O bolo serve de obstáculo, fazendo a missão de destruir o chefe não ser patética.

Ao derrotar Dylon Crab, Demalixo aparece pra contar vantagem e ainda chama pra fazer um nheco nheco e chutar seu pau, mas nosso herói do cu cabeludo (na verdade, as mãos) não se gasta de cair nesse truque barato, pois assim como Demalixo o renegou, MegaMacho também renega ele. Demalixo diz alguma bobagem clichê sobre o filme envergonhar seu legado, que envolve dar a bunda pra travesti e lecionar em motel, e que MegaMacho deve se preparar para enfrentar seus nada deliciosos "RobôMachos", fugindo com o rolo. Dr. Guina liga para MegaMacho, com seu celular Motorola comprado nas Casas Meu Homi, dizendo pra ele primeiro relaxar e depois trabalhar, assim sendo, ele volta pro laboratório, onde Guina mostrou os 8 "RoboMachos" que ele deveria estourar o rabo todo.

A tchurma[editar]

Os números de série dos chefes e seus poderes e fraquezas são meramente imaginários, já que o jogo não possui esse sistema, mas são baseados em fatos reais (ou não).

Aeroporto de Cu Pequeno[editar]

Games Eduuu jogando MegaMacho Oco. Provavelmente acabou de morrer...

A fase de Tengu Man é linda, tem favelas japonesas super fofas, baleias voadoras, ventos fortes e uma seção de shoot'em up tão foda e divertida quanto o Torneio do Poder que só grandessíssimos filhos da puta não curtem. A fase do Matarazzo Man é tudo, menos isso.

É absurdamente difícil e repleta de plataformas girando no meio de um nada, inclusive a parte antes do chefe tem 6 seguidas, sendo um dos vários exemplos de level design preguiçoso do jogo. O maior problema dessas plataformas, todavia, é que elas deslizam legal, mais que cu de travesti dando pro Ramon, então MegaMacho não consegue ficar em cima delas, fazendo drift na mesa em pé. Pra piorar, o Dr. Demalixo fica sobrevoando a fase inteira jogando MetBiocas na sua cabeça na medida em que fala Cquote1.svg Vem cá neném, vem! Cquote2.svg, o que é bem apropriado, vide os acontecimentos de Princesa Demacol. Os momentos mais estáveis emocionalmente falando são quando MegaMacho está nas plataformas fixas em azul, verde e preto com os dizeres Delícia, como se o Dallas Mavericks tivesse arrombado gostoso o aeroporto do Storm Eagle. Quem não teve um ataque de pelanca do mais puro ódio nesse nível que atire a primeira pedra, de preferência na própria cabeça, anticristo...

  • Chefe: DDN (Doctor Demalixo Number) 001, Matarazzo Man - Tem o corpo do Tengu Man, só que pintado com as cores do uniforme jogando em casa do Atlético Cupikenense, sem as mãos, que foram decepadas com uma adaga por um dos presidiários da cadeia onde trabalha o Policial Gaúcho, e com um 10 no peito (PEITO!!!) e nas asas. Adora natação, odeia ser deixado de lado em surubas, uma qualidade é a versatilidade em situações ruins pra caralho e um defeito é subestimar um inimigo que considere fraco ao mal olhar pra ele.
  • Fraqueza: Frost Coxinha. A arma de Abdul Man é rica em carboidratos e gorduras, coisas que atrapalham Matarazzo Man para nadar e praticar esporte. Além disso, ele é imune a qualquer habilidade que venha de lolitos e homens sarado: somente a arma de um urso (e a linguiça calabresa do Dr. Demalixo) causa algum dano em seu rabo.
  • Combate: ele só faz duas coisas, voar acima de você e pousar para usar o Tornado Embaixadinha enquanto fala Cquote1.svg AAAAHHH!! ahhh, tu deu pra ele né?! Cquote2.svg. Feito isso (FEITO!!!) ele sobe e faz tudo de novo. Como pousa de olhos fechados, ele não vê pra onde ataca, logo, é muito fácil se desviar do ataque ou simplesmente ficar parado feito bocó olhando a dona bonita porque o ataque deu errado. Ao contrário de Tengu Man, não dá pra atirar em Matarazzo Man enquanto voa.

Contemple tamanha desgraça: [1]

Desejo Imaginação do Alexandre Senna[editar]

Imagens que você pode ouvir. Neste caso, é o som da morte do cu de Senna Man.

Para evitar que os habitantes de Cu Pequeno fossem ocados pelos de Pau Grande, Alexandre Senna, prefeito de Cu Pequeno na época, decidiu importar um sistema de defesa da Noruega que envolvia formas geométricas e plataformas que sumiam, mas como ele não falava norueguês, pegou a versão espanhola, com plataformas de vibranium. Intrigado com os relógios gigantes em forma de girassol, o Aluno Come Já questionou, através de uma transmissão, pelo facebook e pelo whatsapp, porque os ponteiros não giravam, o que levou a uma nova modificação. A filial da Igreja Mundial ficou indignada com o fato de que teria que pagar impostos para pagar pelo sistema e se mandou de Cu Pequeno.

A mecânica é a mesma da fase do Astro Man, ao contrário da fase anterior: se o céu resplandece com a luz da cara do Jailson levando rola, as plataformas de vibranium aparecem, mas se a terrível escuridão de Demacol tomar conta, não vai ter uma mão sequer pra te oferecer ajuda ao cair num buraco infinito. Uma diferença gritante (literalmente, se é que me entende) é a presença de uma chuva de mini-meteoros blue-marinho filhas da puta caindo muuuuuuuuito devagar muuuuuuuuiuuuuuuuum.

  • Boss: DDN 002, Senna Man - Dar o boga pro James no teste do sofá da Ícaro Studios deu ruim pro nosso segurança, que ficou com a raba igual a um tomate que bate no rego. Essa é a desculpa pra ter a imagem da fruta no design de Astro Man. Diferentemente deste, é incapaz de se esconder dentro da própria bunda, pois nem mesmo ele está a altura de seu CUrrículo, mas em compensação, faz um malakoi maneiro quando tem ataques de ansiedade, que em Astro Man apareciam quando atirávamos a arma de míssil. Senna Man gosta de cozinhar, detesta ser interrompido no trabalho, tem como qualidade a grande capacidade de liderança (de gangues hispânicas homoeróticas) e um defeito tão largo quanto ele mesmo é o de ser um completo babaca quando toma alguma atitude proativa.
  • Arma: Arromba Curse - Manja os meteoros azuis hijos de puta que encheram o saco na fase? É isso. Senna Man estava amaldiçoando a fase com essa praga! Literalmente caiu maldição na cambada de jogadores que quis se aventurar nessa desgraça delícia de jogo. As cores são marrom claro e escuro por causa do uniforme de segurança que não deu tempo de tirar pro teste.
  • Fraqueza: Homing Blades. Lhógico que é a arma do Bob, o Construtor que vai por pra foder com o Senninha! Dois filmes, um deles com o Alemão, olha o tanto de leite que ela é capaz de dar...
  • Combate: ele paira acima de MegaMacho do mesmo jeito que o Matarazzo Man, porém é mais lento, depois tem um ataque de ansiedade e amaldiçoa todo o cenário que faz parte dessa luta com seu Arromba Curse. Ao subir pra repetir o padrão, pedindo (aliás, implorando) pra meter esse dedo no cu dele, ele é atingido pelo próprio ataque, mas não leva dano porque não é o Coringa dano, até porque se fosse, a gente ia ver hoje o Coringa dano...

Presencie a heterossexualidade em seu auge: [2]

Ruínas da cidade perdida de Rolanocacetl no caminho pra Oficina do Kauan[editar]

Cquote1.svg Olha só que tunaaaaada a qualidade da chamada do chefe, menininho... Mííííítico! Cquote2.svg
Zé Graça sobre as apresentações dos chefes.

Essa fase é basicamente o caminho que Jailson fez para entregar a peça para o Kauan. Agora sabemos o motivo da demora. Pensa num nível chato, fudido, mal feito e mal programado. Esse será o próximo nível, este aqui é uma teteia, mais suave que desodorante feminino.

Como são escombros do que foi a grande e gostosa capital do Império Meuomeca, existem várias cabeças, umas cuspidoras de peças (peça errada, inclusive) e outras que só se movem e constituem a principal mecânica da fase (vinda de um mecânico, que coincidência). Assim como na fase de Matarazzo Man, há uma parte repetitiva sem necessidade, com 12 cabeças meuomecas de plataforma, mas nada tão insuportável quanto as plataformas giratórias ou o resto das cagadas nas outras fases. Consequentemente, é um nível relativamente fácil. Também é razoavelmente bonito, com vegetação rasteira, construções antigas maneiras e sem aqueles blocos azuis e vermelhos da Demacol Home Center. Relaxem bem gostoso, meus ursos, eles serão depelados mais tarde...

  • Boss: DDN 003, Desu Man - Sem dúvida o chefe com o melhor design do jogo, com a chave de roda encaixada perfeitamente no lugar do espadão de Sword Man, o peito cabeludo exposto pra fazer guria retardada que gosta de urso melar a cueca de tesão e até o capacete foi alterado pra se parecer com o penteado de habitante de Nova Jersey do mecânico. Entretanto, Desu Man não consegue separar o abdome das pernas, ficando um torso cagado que parece de um boneco de ação que foi estragado por uma criança catarrenta que come areia. Tem como qualidade um semblante sorridente perfeito para fotografias, enquanto o principal defeito é ser ocioso, e eu nem preciso dizer que ele adora relaxar e detesta esperar por algo...
  • Arma: Peça Boomerang - Uma fusão do Ring Boomerang do Ring Man com o Boomerang Cutter do Cut Man, mas com uma chave de roda de adamantium. Seria a Metal Blade do jogo, se a arma do Construtor Man não fosse literalmente uma Metal Blade. As cores são cinza e branco pra evitar a fadiga de escolher cores mais complexas (esse é Nintendinho raiz).
  • Fraqueza: Butane Balloon. Imagina que tu tá sozinho em casa com um problema na mangueira. Esse problema é um problema, né? Ainda mais com 17 anos... Não vai dar pra relaxar em casa com um fogão vazando ameaçando explodir a porra toda! Além disso, Kauan foi baseado num chefe de fogo com uma fucking espada, que não teria problema nenhum em se defender de um botijão de gás voando na cara...
  • Combate: Desu Man não é difícil (Sword Man também não era), tudo que ele faz é dar três pulos largos, enquanto fala Cquote1.svg E a demora? Cquote2.svg, e atirar a sua chave de roda. Após isso, ele fala que quer relaxar e... relaxa. Deve ser a mente de Kauan se rebelando contra a reprogramação de Demalixo... Ou pura folga, mesmo.

Relaxe gostoso com essa delícia: [3]

Estação aérea de vigilância da reserva indígena da tribo Papacu[editar]

Momentos antes da desgraça acontecer (ou não) e depois da desgraceira ter acontecido.

Mais uma fase nas nuvens, mas aqui as plataformas são fixas, o que torna tudo mais fácil... Claro que não! Esqueceu da seção anterior? Esta é pior fase de todas. Quem nunca morreu no Megaman 5 e no X6 por causa de algum ponto cego da tela e caiu em cima de um monte de caco de vidro, farpas e pedras pontudas? Caso um ser surreal desse exista, com certeza vai morrer dessa forma neste jogo, mesmo que tenha desviado do buraco invisível do aeroporto ou da imaginação do Senna, pois vai morrer aqui. O lugar é entupido de pirocas gigantes nos piores lugares possíveis, chega a ser mais assustador que as enfermeiras demoníacas que estupraram o Polaco de Família. Pra piorar, existe um bug lazarento que impede o progresso da fase, ou seja, o jogo trava. Por isso, normalmente essa é a última fase escolhida por qualquer um que zele pela saúde mental.

Quanto ao histórico, bom, calma aí... Huuuuuummmmmmmmmmmmmm... Ah, sei lá!

  • Boss: DDN 004, Índio Man - Teve chefe azul e branco, teve verde, amarelo e vermelho e até preto e marrom, mas Índio Man é tudo isso ao mesmo tempo e ainda consegue ser roxo e rosa. É um robô de pouca fé, mas não porque o Leon não consegue ver a grandeza majestosa de suas cores tribais, mas por fazer certas coisas que ninguém nunca imaginar que ele teria coragem de fazer, mas isso fica pro tópico do combate. Gosta da imaginação do Senna Man, odeia ser chamado de índio, chamando que o chama assim de "fí duma égua", tem como qualidade o zelo com a saúde e um defeito é a insistência em querer tocar violão, mesmo sem ter polegar opositor. Aliás, nem mãos: apesar dos braços serem idênticos aos do Clown Man, as mãos são "glandes glandes", que serviriam melhor pra violar tocão, mas do jeito ruim...
  • Arma: Certas Coisas - Originalmente Thunder Certas Coisas, com 3 nomes, igual à Black Hole Bomb do Galaxy Man no Megaman 9, ele perdeu as coisas dilitricidade ao deixar de ser digno dos poderes Tupã, quando renegou a origem indígena pra virar evangélico. Arrependido, se dedicou a bruxaria e aprendeu a invocar MetBiocas e MetFrancos, as "certas coisas" que você nunca iria imaginar que um chefe baseado no Clown Man teria coragem de fazer.
  • Fraqueza: Tornado Embaixadinha. Fora o fato de ser a arma de seu comedor, ela o faz se enrolar todo e enfiar aquelas rolas em seu cu, ao mesmo tempo.
  • Combate: ele é de longe o chefe mais ridículo do jogo, claramente feito apenas para contar número. Ele só sabe invocar os mets e pular feito macaco. Infelizmente, como os mets recebem 70% do dano a cada invocação, a luta demora mais que entrega dos Correios.

Vem fazer um exame melhor nessa brincadeira: [4]

Floresta onde o Bob comeu o Professor de Filosofia[editar]

Foto tirada no interior da floresta. O fotógrafo faliceu fatiado por uma das serras diagonais.

Fresco, cheiroso, rico em frutas do gênero Carica... Seria o local perfeito para O Senhor dos Anais contemplar a natureza, no entanto, não há flores, e sim DESMATAMENTO. Há indícios de que índios kidauânus e aimeuomis utilizaram o local como esconderijo escravidão para evitar ocadas de índios papacus: as pedras formando a palavra OCO, repetida mais de 8000 vezes a 25 e 23 cm abaixo da terra, mostrando que esses indígenas eram fera, mesmo. Dr. Demalixo achou que esse pedaço de mata seria perfeito para uma filial da Demacol Home Center e fez a proposição a Bob, o Construtor, que topou por 500 conto e uma sentada na jeba.

A principal mecânica dessa fase são serras gigantes flutuantes que dão insta-kill, perfeitas para a fase... do Metal Man. Novamente, existe repetição desnecessária com as serras, com umas 8 indo pra cima e pra baixo, mas considerando que existem serras diagonais que aparecem DO NADA e são mais rápidas, essas 8 serrinhas são mamão com açúcar, o que é uma puta coincidência, por sinal.

  • Boss: DDN 005, Construtor Man - Ao contrário dos outros chefes, que apenas se parecem na forma, Construtor Man parece que foi mesmo construído com o cadáver de Search Man, com algumas mudanças que foram feitas por alguém que não sabe desenhar, como o sumiço das manchas de camuflagem e a bazuca não mais dupla. As duas cabeças, no entanto, permaneceram. A cabeça vermelha (chamada Cauan) é a ativona e risonha, enquanto a verde (chamada Edmilson) é séria e meio "sigilosa". Cauan curte comer cu de quem tá lendo curiosos, mas não é fã de ser feito de otário enquanto trabalha, enquanto Edmilson gosta de fuçar na internet pra ler histórias e também odeia ser feito de trouxa. Ambos têm a energia sexual muito forte como grande qualidade, já como defeito, Cauan é hipócrita, Edmilson é mercenário e ambos são metidos.
  • Arma: Homing Blades - Ao invés de atirar mísseis teleguiados, Construtor Man atira serras teleguiadas, que podem percorrer várias trajetórias. Se ele quisesse, poderia teleguiar as serras de São Paulo a Taquaritinga, passando por Poços de Caldas, Magé e finalmente culminando em Cu Pequeno, deixando um oco no laboratório do Dr. Guina e arruinando as chances de MegaMacho de derrotar Demalixo. Mas se nem inglês ele fala direito, vai conseguir planejar um ataque foda desses?
  • Fraqueza: Peça Boomerang. Esse definitivamente não era a peça que ele queria, pois é feita de adamantium e suas serras não conseguem cortá-la. Tanto é que ele arruma carro com as mãos (sem cueca, também).
  • Combate: Como é arrogante, Bob vem cheio de marra dizendo: Cquote1.svg Não vou nem precisar me mover pra te deixar virado no oco! Cquote2.svg. De fato, é exatamente isso o que acontece: ele fica parado no mesmo canto, usando sua habilidade de três formas diferentes: uma parecendo montanhas, outra parecendo prédios e a terceira parece diamantes de anel de casamento. Parece fácil, mas as serrinhas dele também dão morte instantânea. Até o jogador aprender o padrão, vai estar virado no oco umas 30 vezes. O resultado disso é que esse chefe rivaliza com o Slash Man do Megaman 7 e o Circuitry Man do Next no quesito filha da putagem.

Chupa o tiroteio: [5]

Rodovia que leva ao Enalwanderfol World[editar]

A armadura de MegaMacho possui detalhes que o jogo não mostra, sendo capturados apenas pela larga câmera fotográfica do Paulo Guina.

Localizada no meio da Ocordilheira do Homilaia, é a fase de gelo do jogo. Por algum motivo milagroso, influência da fase do Frost Walrus no X4 ou noobisse mesmo, os desenvolvedores não fizeram o chão ser escorregadio, uma preocupação a menos pro jogador e pro MegaMacho, que não vai fazer drift aqui também. A fase lembra bastante a do Frost Man, porém sem os pinguins a jato (ainda bem) e até conta com o mesmo elevador, que também não tem aqueles morcegos-coruja, em compensação, tá infestado de MetBiocas caindo do teto em the léfiti, the ráiti e the mídium do elevador. Se a fase, por outro milagre, se mantém coesa em relação à inspiração, essa é a parte lazarenta do surfe, mas a Ocosoft fez melhor: MegaMacho entra numa máquina de fazer nave e é transformado numa bola de neve gigante, igual ao Crash morrendo no Crash Bandicoot 2, mas ao invés de morrer, MegaMacho resolve imitar um helicóptero macho.

  • Boss: DDN 006, Abdul Man - Uma versão natalina quase jamaicana e escocesa do Frost Man, pois vermelho, verde e amarelo são as cores de propaganda de panetone, miçanga de maconheiro e da roupa de quem toca gaita de fole. Tem um desenho de cogumelo no peito, ninguém sabe o motivo. Adora cantar ópera, não se sabe o que ele odeia, talvez seja depilação nas costas, sua maior qualidade é a dedicação ao serviço e o maior defeito é a gula, tirando vantagem de qualquer lugar que ofereça comida.
  • Arma: Frost Coxinha - Uma estalactite de gelo enorme em forma de uma coxinha estranhamente magra, feita com carne de pato e de jaca, pois Jô é gordo e se tem coisa pra rechear o salgado, ele tá comendo, principalmente se vai deixá-lo em forma... redonda. Note que a coxinha é mais gorda e mais magra que uma coxinha normal de frango.
  • Fraqueza: Whey Bombirl. Existe um bom motivo para que gente gorda ou que come coxinha e essas porcarias super calóricas fritas na banha da tua mãe não consumirem suplementos proteicos: elas MORREM! Vão pro beleléu! Seu fígado pode te explicar por que tranquilamente, a menos que você seja um alcoólatra de merda, aí ele vai te responder com uma facada na goela...
  • Combate: ele parece estar bem pistola, primeiro dá uma bronca por ter chegado rolando na bola de neve, mas nosso herói tira uma com a cara ele, enfurecendo Abdul ainda mais, dizendo que a humanidade não aguenta mais ouvir as mesmas frases de novo e de novo, agindo como se fossem as feministas que falam que os memes do Pai de Família perderam a graça em 2015 (coincidentemente o ano em que o termo "feminazi" perdeu a graça) e que usam o elogio "macho" como xingamento aos homis da laia do Demacol. É muita pretenção ele falar isso, já que o mesmo deu pro próprio Demacol. O padrão dele é pular duas vezes de um lado para o outro da arena e usar seu poder, muito bosta, mas cuidado: as coxinhas contém glúten muitas calorias e podem dar insta-kill também.

Se o link tá aqui, vai clicando: [6]

Fábrica de Monstros grandes, peludos e mansos[editar]

Bambam e Jailson divulgando o jogo na E3.

Assim como em Megaman 8 foi melhor começar pela fase do Grenade Man, aqui também é melhor começar na fase do chefe "bomba". Melhor dizendo, do chefe que constrói fibra... O motivo é simples: como o quarto inimigo é o MetFranco, que por alguma razão escatológica é marrom enquanto o MetBioca é laranja, é melhor começar numa fase com coerência entre inimigos e o chefe, que por sinal, é a única aberração que não saiu da Ícaro Studios, sendo um vilão especialmente convidado.

Falando em Grenade Man, esta fase foi feita a partir de destroços da fase dele, explodidos durante a luta contra Mega Man, combinados com engrenagens da Gear Fortress do Megaman 11 e cascos de navios da Marinha de One Piece (é, Repliforce, não deu pra tu dessa vez). Tem também uma TV gigante exibindo o resultado do cruzamento do Slender Man com o Alien Hominid durante uma quarentena num sítio em Atibaia sem acesso a internet, livros ou um Jogo da Vida: um alien fofo em cima de uma montanha de outros aliens fofos. A fase é relativamente fácil e bacana, exceto pelos potes de Whey: existem os grandes, que te esmagam do nada porque eles somem da tela, e os pequenos, que servem de plataforma, mas caem após um tempo pisando em cima. O orçamento da Ocosoft, por ser mais baixo que o do Sandro Lima, não conseguiu pagar por Yoku blocks, então botaram uma parte com QUINZE potinhos seguidos!

  • Boss: DDN 007, Bam Bam Man - Nem preciso dizer que foi genialmente baseado em Grenade Man, com a granada substituída por propaganda de whey protein e um tanquinho que o deixou 2 vezes mais pesado que o robô original, por isso, seus saltos são ridiculamente lentos, mas ainda se garante no dash. Valoriza muito seus personal trainers, os tratando quase como irmãos, mas essa não é sua maior qualidade e sim sua perseverança. Gosta de comer pra caralho, especialmente alho (não pergunte), mas odeia ser feito de otário de barriga cheia, e como era de se esperar, ele tem um grande defeito: é feio que doi, sendo capaz de assustar criancinhas só com a cara.
  • Arma: Whey Bombirl - Sabe aqueles inimigos invulneráveis que ficou loucos quando Mega Man pisa onde eles estão dançando ou fazendo malakoi? Essa arma os mataria, mas como eles não existem aqui, é só um pote de whey qualquer, caro e sem muita utilidade. As cores são vermelho e amarelo, iguais às embalagens e potões de whey que não são cinza, laranja ou brancas...
  • Fraqueza: Certas Coisas. Nada mais coeso que o chefe mais trabalhado no trapézio descendente da fase mais certinha seja fraco contra a arma do chefe mais cagado da fase mais medíocre. Uma explicação plausível seria que Bam Bam Man não foi criado por Demalixo, mas na própria fábrica, porém acabou foi raptado pelo Comedor de Executivos e reprogramado para obedecê-lo.
  • Combate: finalmente, um chefe com 3 movimentos! Ironicamente, lembra o Skull Man do Megaman 4... Enfim, ele pula 3 vezes, as três são uma porcaria, mas na última ele começa a atirar bomba de whey gritando BIRL, como se fosse mesmo o som de disparo, aí ele dá um dash nervoso e para, pra no final, atirar maaais bombas. Durante o dash, ele fala que vai derrubar as árvores do Parque Ibirapuera, mas lerdo como ele está, nem as árvores de Ibirapuitã ele iria conseguir derrubar...

Bora, hora do show, porra: [7]

Réplica dos Montes Urais localizada entre Cu Pequeno e Pau Grande[editar]

Achou esse chefe grande?

Construída em Madagascar pelo departamento de infraestrutura da Prefeitura Municipal de Cu Pequeno, financiada pelo Programa Internacional de Desenvolvimento Macho do camarada Stalin de Família e usando como mão-de-obra os lêmures do império do Rei Julien, essa "ocordilheira" artificial foi criada para dificultar o acesso do povo de Pau Grande à cidade de Cu Pequeno, depois do fracasso do sistema de defesa hijo de puta. Devido a um erro de cálculo, aliás, dois, feitos pelo Engenheiro de Família, as montanhas favoreceram a formação de uma piscina artificial comparável ao Piscinão de Ramos. Convenientemente, a erosão de parte do material rochoso acabou soterrando o portal para a imaginação de Alexandre Senna.

Dr. Demalixo conseguiu desenterrar o portal e libertou um jailsonssauro, que é a grande praga mecânica da fase e seria um sub-chefe perfeito para a fase, mas não deu. Na primeira parte, ele ronda a superfície da esquerda pra direita, inclusive pulando quando MegaMacho pula, não porque o inimigo foi mal programado ou por acidente graças a um bug, mas por ser filho da puta, bem mais que o Coringa, conforme apontado pelo documento que não prova nada. Isso é insuportavelmente chato, mas piora com o surgimento de algumas ladeiras no caminho que se aproveitam da física bugada do jogo e empurram MegaMacho para trás, como se fosse uma fase de gelo. Na segunda parte, o bichão come um cogumelo do Mario e fica gigante, passando a perseguir o jogador como se fosse um boulder do Crash Bandicoot ou a fase do Torch Man do Megaman 11. Em todas elas ele dá insta-kill.

  • Boss: DDN 008, Mangueira Man - Tem o corpo do Aqua Man da Capcom (ou melhor, de um clone estilo Dragon Ball FighterZ) e teve a mão cortada como o Aquaman da DC, mas como Aqua Man só tinha uma, Mangueira Man tem dois busters, logo, é o chefe tipo "Needle Man" do jogo. Ao invés de Pinho Sol de lavanda, Mangueira Man carrega em seu interior suco de laranja. Gosta de fazer piruetas, detesta ficar sozinho em casa, tem a qualidade de ser comunicativo, especialmente no celular, e o grave defeito de não tirar o boné pra nada.
  • Arma: Butane Balloon - Diferentemente do Water Balloon, essa arma arranca um dano nervoso, podendo explodir paredes e causar arrombamentos, além de ser disparada em duas direções, como a Wild Coil do Spring Man. As cores são preto e laranja, como o Twin Slasher do Slash Beast, outra arma merda e que também sai em dupla.
  • Fraqueza: Arromba Curse. Foi o que sobrou...
  • Combate: contrariando as capacidades físicas de seu corpo enorme e de sua herança arrombada quando sentou gostoso no Guina, ele pula bem alto fazendo piruletas e atirando botijões de gás na queda. Será que ele rodopia por ser um menino e gostar de dar o cu? Ah, pouco importa, acabou essa caralha e o Demalixo foi desbloqueado mas continua preto.

O vídeo tá aí, se quiser dar uma olhada: [8]

Estação espacial da Demacol Home Center[editar]

Oco do Jailson Buraco negro visto da estação espacial da Demacol.

A Demacol realmente fez negócios grandes da peste, ao ponto de ter uma filial no espaço para atender astronautas. Apesar de X4 ter uma estação espacial com um raio da morte deixador de ocos, a "Demalixo Home Center" lembra mais a do Megaman X8, pelo tamanho superior das janelas, que permitem um exame melhor da vista das estrelas, da Lua e do Solzão maravilhoso... É lá onde o negão gostos está se escondendo, assim como o resto da tchurma. Sem nenhuma das mecânicas das fases anteriores (AMÉM!!), só o boss rush. A é fase dividida em três: na primeira parte, o primeiro felizardo é o Abdul Man, seguido do Bam Bam e o terceiro é o Desu. Na segunda leva, vêm o Senna, o Mangueira e o Matarazzo. Por fim, os mais chatos, Construtor e Índio. Ainda bem que o jogo não faz ter que passar pelos 8 chefes de uma vez, não é, Megaman Next?

Cquote1.svg Mas eu também divido em 3 checkpoints! Cquote2.svg
Megaman Next sobre acusação acima.

Finalmente, chegamos a quarta e última sessão:

Cquote1.svg Vem cá neném, vem? Cquote2.svg
Demalixo
Cquote1.svg Agora vou salvar o universo, depois a gente brinca... Cquote2.svg
MegaMacho
Cquote1.svg Chega de fugir... ESSE É O FIM DA DELÍCIA!! Cquote2.svg
Demalixo

Agora sim, o ultimato, a contagem regressiva final, a batalha decisiva! Demacol está em sua Dema Capsule, uma nave parecida com o Caveira Vermelha, e luta de forma parecida com os estilos de Matarazzo e Construtor Men, ou seja, voar em cima de você e descer pra soltar seu ataque perambulante, que é uma cobra feita de esferas azuis que se movem igual a uma cobra onda, que dá insta-kill. Pra manter a coerência, a fraqueza dele é a Whey Bombirl.

Achou que acabou? Achou errado, otário!, Demacol vai usar sua arma final: a Dema Machine #1: Princesa Mecha-Col: a cápsula dele se une a um corpo robótico de travesti princesa e ganha uma peruca bem zoada. Nessa forma, Deamlixo é invencível, logo, a única opção é fugir, o que é fácil, pois existem inimigos morféticos no meio do caminho cuidadosa e friamente posicionados para te foder atrasar e garantir que MegaMacho seja morto e judiado com uma pisada na cabeça. Você deve estar pensando: A Dema Machine vindo DEPOIS da Dema Capsule? Realmente, Demalixo não tem a mesma firmeza que Dr. Wily pra máquinas de dominação mundial...

Felizmente, após morrer, o jogador não volta para a primeira luta, só pro início desse percurso diabólico, que acaba quando aparece um piso igual ao da fase do Matarazzo Man, que cede ao peso "joabdúlico" da Dema Machine, fazendo Demalixo cair da estação e se escafeder pro espaço sideral, inclusive atravessando o vidro sem quebrá-lo.

Cquote1.svg Depois de tanto trabalho, nosso herói salva a delícia da humanidade das garras do Dr. Demalixo. Finalmente o planeta poderá relaxar com esse sucesso que será o "Pai de família 4". Tudo isso graças ao herói mais macho do mundo! O MegaMacho! Cquote2.svg
Epílogo.

Galeria deliciosa[editar]