Métis (satélite)

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para navegação Ir para pesquisar
Zorak.jpg Você está entrando em um mundo desconhecido nas imensidões da escuridão, onde
ninguém pode ouvir seus gritos!

Agora, viajar pelo espaço ficou mais fácil depois que inventaram a Coca-Cola.
Se aconchegue em sua nave e vá tomar um "chazinho" com o E.T. de Varginha.

Métis e sua melhor foto
Métis em concepção artística.

Métis é o satélite que fica mais perto de Júpiter. Ele recebeu o nome de Métis por ser a primeira filha de Zeus e com essa associação de Zeus = Júpiter (mitologia) = Júpiter (planeta), faz com que o nome tenha sentido (ou não).

Enfim, Métis é pequena assim por causa que como Júpiter é uma planeta grande pra c******, ele faz com que as coisas ficam minúsculas. Para simplificar: é como seu pai ao lado de sua mãe, seu pai vai parecer uma azeitona ao lado dela.

Origem[editar]

Como Métis foi parar lá? O que raios está fazendo ali?

Todos perguntam e por isso, irei responder mas se quiser ir para o mestre Google, fique a vontade. Métis teria sido uma lua maior se não tivesse entrado naquela fronteira que separa planetas gigantes inteiros de satélites pequenos que irão virar pó ao ultrapassarem essa barreira.

Além disso, Métis é um pedaço de uma das luas de Júpiter, é quase como uma verruga daquela lua: geralmente nós se livramos dela e a cortamos fora. Assim como Métis.

Características[editar]

Ela é oval, ou seja, nem deveria ser considerada um satélite e por esse motivo também ela nunca é citada nos documentários do Discovery Channel ou então National Geographic. Mas o que vale é o esforço e a duração que esse satélite está orbitando em Júpiter.

Enfim, a melhor imagem de Métis é um borrão cinza que está no topo da página: a foto foi tirada de um telescópio em 1964 e até hoje ela nunca foi atualizada pela preguiça que os Astrônomos tem e também por causa que ninguém vai se importar com uma pedra a mais em Júpiter. Seria melhor ela cair no planeta logo e poderíamos dizer aliviados:

Cquote1.svg UM A MENOS! Cquote2.svg
Astrônomo sobre Métis caindo em Júpiter