Maradona good, Pelé better, George best!

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para navegação Ir para pesquisar
Caninha2.JPG Cquote1.svg Ê-iê-iê-iê... Cquote2.svg

Este artigo tem cheiro de porre! O autor está caído na calçada, gorfando álcool puro. Melhore este artigo e ganhará 6 litros de uísque, mas se vandalizar, será obrigado a tomar Devassa quente!

Cquote1.svg Você quis dizer: Jorge Melhor Cquote2.svg
Google sobre George Best
Cquote1.svg Você quis dizer: Pete Best Cquote2.svg
Google sobre George Best
Cquote1.svg Você quis dizer: Garrincha Cquote2.svg
Google sobre George Best
Cquote1.svg Metade do meu dinheiro gastei com mulheres, bebida e carros. O resto eu desperdicei Cquote2.svg
George Best
Cquote1.svg Uma vez eu abri mão de mulheres e bebidas. Foram os piores 20 minutos da minha vida Cquote2.svg
George Best
Cquote1.svg Eu parei de beber, mas apenas quando durmo Cquote2.svg
George Best

Cquote1.png Aqui tem mais pérolas de ou sobre George Best Cquote2.png

Jorge Melhor (Belfast, 22 de maio de 1946Londres, 25 de novembro de 2005) foi um jogador de futebol, pé de cana e mulherengo norte-irlandês considerado por muitos imbecis como o melhor jogador da história de futebol, além de ser o dono de diversos recordes oficiais do mundo do futebol como maior número de zagueiros driblados, latas de cervejas consumidas, garrafas de uísque esvaziadas, mulheres pegas e Mises misses comidas.

Ídolo do Manchester United, Best era um jogador que tinha uma rotina muito agitada por isso precisava de altas doses de álcool e serviçais para lhe ajudar a reabastecer suas energias. Como o estresse e o cansaço aumentavam bastante, Best foi cada vez se viciando mais, chegando ao ponto de esvaziar todos os bares e puteiros da Inglaterra. Mesmo sendo um jogador devasso (literalmente), a torcida e os dirigentes do clube estavam pouco se fodendo pra seu estilo de vida, uma vez que ele pertencia aquela classe de jogadores que enchia a cara de birita e ia pras baladas pra depois fazer hat-trick no jogo do dia seguinte, diferente da geração 7x1, que tem cortes de cabelos ridiculos, vive falando merda no twitter ou pipoca em jogo importante e depois fica chorando pelo leite derramado.

Carreira[editar]

Jogou quase a vida inteira no Manchester United, onde ao lado de Denis Law e Bobby Charlton ganhou mais de oito mil titulos e marcou mais de 300 gols. Best era conhecido pela sua capacidade de dibrar o campo inteiro, inclusive o massagista, o juiz, o gandula e até o cachorro que invade o campo quando o jogo está chato. Além disso tinha um controle de bola de 99 no FIFA e no PES e fazia aqueles gols acrobáticos e inacreditaveis que você precisa usar script e cheats no Bomba Patch Winning Eleven para conseguir fazer, que deixavam a torcida, os cronistas, os jogadores e até o próprio goleiro de boca aberta

Infelizmente Best nasceu na Irlanda do Norte, um país sem tradição no futebol e ele nunca disputou uma copa do mundo (preferiu ficar no quarto mesmo) ou qualquer competição internacional de destaque. Além disso como bebia pra caralho rapidamente começou a ficar grogue durante os jogos e por isso tomou um pé na bunda dos Red Devils, tendo que jogar em clubes inexpressivos e que vivem em jejum de títulos ao redor do mundo, aposentando-se aos 38 anos de idade depois de ter jogado no América-RJ onde contraiu problemas cardiacos (também, pudera) e sapinho com uma professional do Sexo na Vila Mimosa.

Vida pessoal[editar]

O time em que Best mais gostou de jogar

.

Best era conhecido como "o quinto beagle beatle" por se vestir que nem um almofadinha, cortar cabelo uma vez a cada 10 anos e usar dorgas pesadas ter o mesmo sobrenome de um ex-membro da banda e ser tão popular quanto os rapazes alegres de Liverpool. Ele frequentemente aparecia em filmes e programas de tv de baixa qualidade e era presença de honra em boates e festas de luxo como toda sub-celebridade tendo que assinar autógrafos a cada metro quadrado que percorria. Como já foi dito, ele bebia pra caralho e certo dia provocou um incendio em sua casa ao tentar acender seu fogão após uma boa dose de Pitú. Mais tarde ele seria contratado por fabricantes de extintores para realizar testes de verificação dos produtos.

Mas o que deixou Best realmente famoso foram as mulheres. Considerado um galã de primeira, Best se casou mais de 54359342920 x 10³¹² vezes, disputando pau-a-pau o recorde de casamentos do Guiness com Fábio Júnior, além de conhecer de cor todas as putas das casas de aluguel de moças para fins libidinosos em todo o Reino Unidos para sempre e ter uma coleção de amantes particulares para ajudá-lo a recuperar as forças após cada jogo. Segundo relatos dos tablóides ingleses da época, George o curioso entrava numa boate com um número X de mulheres e saia com triplo, sendo que este número aumentava exponencialmente a cada noitada.

Seleção Norte-irlandesa[editar]

Em 13 anos de seleção (1964-1977), Best mal jogou, foram só 37 jogos e apenas 9 gols, a preguiça e a cachaça o deixavam sem condições nem de entrar em campo, e a seleção se classificou pra duas copas do mundo sem ele (1982 e 1986) mas ele já tava tão zuado que nem convocaram ele. Seu maior destaque na seleção foi um hat-trick contra o Chipre nas Eliminatórias da Euro '72 (21/04/1971) que sua seleção venceu por 5-0.

Morte[editar]

Best em seus últimos momentos de vida, mostrando o quanto estava feliz e em bom estado antes de sua morte

Após contrair cirrose, sífilis, gonorreia, AIDS, cancro mole, herpes genital, gastrite e trombose, Best morreu no dia 25 de novembro de 2005, em um hospital abandonado em Londres. Resignado, suas últimas palavras foram "Não morra como eu". Não se sabe se ele disso isso por ter ficado meses sem poder tomar pinga devido a recomendações médicas e a falta de álcool começou a mexer com seu cérebro ou foi o desgosto por ter um filho ex-BBB

Ver também[editar]