Era Uma Vez...

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para navegação Ir para pesquisar
Rede-GROBO.png PLIM! PLIM! Este artigo é uma coisa da Rede Globo de Manipulação! Esta página pode estar mencionando alguma novela clichê que sua mãe gosta, algum pseudo-ator rouaneteiro ou algum comunista de boteco que se diz jornalista. Para mais coisas relacionadas ao Projaquistão, clique aqui.
Cquote1.svg Era uma vez... Cquote2.svg

Cquote1.svg 'Era uma vez/Um lugarzinho no meio do nada...' Cquote2.svg
Sandy & Júnior e Toquinho sobre Era Uma Vez....

Escrita por Walther Pretão, Era Uma Vez foi mais uma novela das 18h exibida ao crepúsculo pela Rede Globo de 30 de março a 3 de outubro de 1998, substituindo "a novela da babá Nice" e sendo substituída pelo remake de "Pecado Capital".

Sinopse[editar]

Pelo pouco que este artigo já disse até aqui, já deu para reparar que se trata de uma novela bobinha das 6 cheia de pirralhos ranhentos, não é? E é disso mesmo que a novela se trata: uma artista de rua que vai trabalhar para um milionário, e lá vive toda a criançada da bagaça.

Quem é Quem[editar]

Vô Pepe adora criancinhas...
  • Madalena (Drica Moraes) - a mocinha boazinha da novela, fugiu de Barcelona do marido possessivo que queria comê-la sem seu consentimento. Já fez de tudo para sobreviver, até ir trabalhar numa mansão como governanta. Estampa o CD nacional da novela;
  • Danilo (Tuca Andrada) - o tal comedor de quem Madalena fugia, e um dos vilões da novela;
  • Maneco Dionísio (Antônio Calloni) - miguxo de Madalena, um mendigo que é capaz de levar um tiro no peito para protegê-la;
  • Pepe (Elias Blazer) - o típico vovô bondoso que protegerá as crianças das garras de Xistus. Um carpinteiro e amigo da natureza, que é contra engaiolar passarinhos, animais em circo e coisas do tipo;
  • Xistus (Cláudio Março) - o vilãozão malvadão da novela e avô da pirralhada, está sempre tretando com Pepe por causa da forma como lida com a pivetada. Dono de uma fábrica de chocolates (não, não estamos falando de Chocolate com Pimenta), educa os netos de forma bem antiquada, tipo "meninos dormem em um quarto, meninas em outro"; "menino usa azul, menina usa rosa" e por aí vai;
  • Álvaro (Herson Capri) - veteurinário que vai pegar Madalena na novela. Se dedica mais aos outros do que a si próprio, ou seja, o típico altruísta — um homem que ama os outros homens;
  • Bruna (Andréa Beltrão) - a vilãzona da novela e inimiga nº 1 de Madalena; ela é doida, maluca, desequilibrada, do tipo que come cocô e rasga nota de 100 reais. Para variar, disputa Álvaro com Madalena, e odeia criancinhas e animais.
  • Filé (Cláudio Ráinrichi) - só serviu para estampar o CD internacional da novela.
  • Glorinha (Luiza Curva), Zé Marica (Alexandre Lemos), Marizé (Alessandra Aguiar) e Fafá de Belém (Pedro Agum) - a pirralhada da trama, para encantar o público... ou não.

Trilha sonora[editar]

Foi a 1ª novela das 6 a ter sua trilha sonora lançada somente em CD, já que as fitas cacete haviam morrido em 98.

Nacional[editar]

Era Uma Vez nacional.jpg
  1. Era Uma Vez... - Sandy & Júnior e Toquinho (abertura)
  2. Heavy Metal do Senhor - Zeca Baleiro
  3. Menos Carnaval - Belô Velloso
  4. Madalena - Banda Eva
  5. Um Sonhador - Leandro e Leonardo
  6. No Seu Lugar (Monster Mix) - Kid Abelha
  7. Sempre Mais (Baby Can I Hold You) - Roberta Miranda
  8. Dançar Pra Não Dançar - Biquíni Cavadão
  9. Puro Êxtase - Barão Vermelho
  10. Terra do Nunca - Angélica (claro, tinha de ter no disco!)
  11. Dois Olhos Negros - Lenine
  12. A Sorte Muda - Toni Costa
  13. Outra Pessoa - Milton Guedes
  14. Cagar na Areia - Léo Gandelman

Internacional[editar]

Era Uma Vez internacional.jpg
  1. My Oh My - Aqua
  2. All That I Need - Boyzone
  3. A Promise I Make - Dakota Moon
  4. I Saw The Light - Lori Carson
  5. The Way - Fastball
  6. Show Me Love - Robyn Carlsson
  7. Never Ever - All Saints
  8. The Beat of My Heart - Blackbox
  9. Love me Baby - Gabrielle
  10. Dreams - The Corrs
  11. All I Have to Give - Two 4 U
  12. F... Comme Femme - Marysa Alfaia
  13. Lo Mejor de Mí - Cristian Castro
  14. Without Love - D-Soul
  15. Don't Leave Without Goodbye - Don Bonnecchi
  16. Bittersweet Symphony - Orion Storm

Tema de abertura[editar]

Era uma vez
Um lugarzinho no meio do nada
Com sabor de chocolate
E cheiro de terra molhada

Era uma vez
A riqueza contra a simplicidade
Uma mostrando pra outra
Quem dava mais felicidade

Pra gente ser feliz
Tem cultivar as nossas amizades
Os amigos de verdade
Pra gente ser feliz
Tem que mergulhar na própria fantasia
Na nossa liberdade

Uma história de amor
De aventura e de magia
Só tem a ver
Quem já foi criança um dia

Curiosidades[editar]


  • Essa novela foi criada para competir com a novela das 8 atual; enquanto Torre de Babel mostrava sangue, violência, drogas e lesbianismo tudo sem cortes, Era Uma Vez... era inocente e pueril até dizer chega;
  • Chegou a ser reprisada no Vale a Pena Ver de Novo em 2007, mas foi tão mal de audiência que só ficou 3 meses no ar.
  • Admita: você cantava a música de abertura na época (suspeitei desde o princípio...)