Didier Pironi

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para navegação Ir para pesquisar
Danger stick man.jpeg Puta que pariu, tu é o azar em pessoa!

Este artigo traz relatos de uma criatura azarenta que só se estrepa no dia-a-dia.

Vandalize o artigo e você terá não sete, mas setenta vezes sete anos de azar...

Didier desistindo de continuar da F1 depois de mais uma paulada.

Didier Joseph Louis Pironi (Villecresnes, 26 de março de 1952 - Southampton, 23 de agosto de 1987) foi um piloto de Fórmula 1 azarado para caralho, já que quase ganhou o campeonato de 1982, não fosse ter arrebentado o carro e as pernas no GP da Alemanha daquele ano, e assim acabou perdendo o campeonato por não correr mais pro sortudinho do Keke Rosberg.

Depois dessa merda ele acabou indo correr de lancha off-shore, o que acabou sendo a pior ideia de todas da vida dele, já que em 26 de agosto de 1987 ele acabou arrebentando a lanchinha dele em alguma pedra no meio do mar e ele acabou indo pra outro universo, só não sei se pro céu ou inferno.

Carreira[editar]

Pironi era considerado um possível grande talento de corridas na França. Tanto que subiu rapidinho na vida graças ao dinheiro dos papais, fazendo escola com outros futuros pilotos de Fórmula 1 de seu país, Alain Prost, René Arnoux e Patrick Tambay. Em 1974 ele venceu a Fórmula Renault e várias outras boas fórmulas até 1977.

Em 1978 ele apareceu a primeira vez de fato na Fórmula 1, mas só realmente virou um piloto de valor a partir de 1981 afinal correr na Tyrrell e na Ligier era o mesmo que nada. Então ele foi contratado pela Ferrari, passando a correr ao lado do porra louca Gilles Villeneuve, que ficou putinho porque o Pironi conseguiu vencer uma corrida que supostamente era pra ele repassar pro Gilles no GP de Ímola em 1982. Essa situação se resolveu rapidinho duas semanas depois em Spa-Francorchamps, mas não porque ficaram amiguinhos, e sim porque o Gilles saiu voando do seu carro literalmente e foi pro beleléu.

Pironi conseguiria outros bons resultados, chegando a ficar em 1º lugar isolado no campeonato, cinco pontos a frente do John Watson, mas aparentemente o Gilles antes de morrer deve ter feito uma macumba com Pai Ralf tão fodida que em Hockenheim o Didier, ao ultrapassar a Williams do Derek Daly, não viu a Renault do Alain Prost e acabou tendo seu carro jogado igual ao do seu finado companheiro de equipe, mas por sorte não saiu voando do carro também, o que não impediu ele arrebentar as pernas e se aposentar mais cedo da Fórmula 1, além de perder o título pro cuzão do Keke Rosberg que nem se esforçou muito e o campeonato caiu no colo dele.

Depois disso ele até pensou em correr pela AGS em 1986 após quatro anos sem correr pela categoria, porém desistiu de tudo e foi pegar uma lancha mesmo, correndo como nunca e se arrebentando como sempre, pois o carma o pegou em 1987, quando sua lancha Colibri, numa prova ao largo da Ilha de Wight, no sul da Inglaterra, acabou arrebentando-se sozinha no mar e ele acabou indo pro saco. Pois é, escapou da morte uma vez para ela te pegar lá depois, isso que é Premonição...

v d e h
Pilotos da Fórmula 1