Bobby Charlton

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para navegação Ir para pesquisar
Winner 2.jpg Este artigo é sobre um(a) VENCEDOR(A)

Ganhar medalha de ouro é rotina, pô!

Veja outros campeões aqui.
Bobby Charlatão
Bobby Charlton United.jpg
Penteado mais horroroso que você verá hoje.
Nascimento 11 de Outubro, 1984
Nacionalidade Bandeira da Inglaterra Inglaterra
Altura 1.70 m
Peso Faz tempo que ele não vai na farmácia ver
Posição Meio-campista e cambista (vendia ingressos pra torcedores da milícia pela metade do preço de meio ingresso)
Clubes United e um monte de porcaria

Sir Robert "Bobby" Abdelmassih Charlton é um dos grandes pirocudos da história do futebol inglês, e que por incrível que pareça ainda está vivo, e usando fraldas geriátricas pra não cagar na cama. Era o maior ídolo do United até 2017 quando Rooney marcou um gol de falta sem querer contra o Stoke City e ultrapassou Charlton se tornando o maior artilheiro da história da equipe com 869 gols (250 olímpicos e o resto de coxa). Além de ter sido campeão com a Inglaterra em '66, ganhou o Ballon d'Or no mesmo ano superando Dadá Maravilha e Mazzaropi, com ele ganhando o direito de votar nele mesmo, e ficou na seleção até o fim da Copa de '70 terminando como maior artilheiro da seleção até ser ultrapassado pelo ogrinho sardento também.

Carreira[editar]

Bobby no começo era um vândalo que vivia nos subúrbios de Ashington, ele com 6 anos disse ao seu pai que queria ir lutar na Segunda Guerra Mundial e o pai dele deu um tapa no quengo dele e o mandou procurar o que fazer. Quando tinha 19 anos chegou a ser preso por dirigir um fusca alcoolizado e atropelar um motoqueiro que sobreviveu ao choque, depois de pagarem uma cerveja pros policiais Bobby foi liberado e decidiu virar jogador de futebol pra ser rico. O clube escolhido foi o United, porque no da sua cidade não tinha nem gari quanto mais jogadores, e depois de 3 anos aprendendo a chutar de 6 dedos foi pro profissional do clube e revolucionou a posição de meio-campista no país, inteligente, ágil e chutava de qualquer distância pro gol adversário, as vezes mirava no gandula só de zueira. Charlton foi um dos sobreviventes do acidente aéreo em 1958, ficou gravemente ferido com cortes no prepúcio e nas bolas mas resistiu e conseguiu voltar a fazer sexo. Ficou no United até 1973 com muitos títulos e gols (pelo menos o que as câmeras horríveis da época conseguiram pegar na tv de tubo), depois começou a beber muito e o último clube que conseguiu jogar sóbrio foi no Preston North End, depois foi fazer stand up no irlandês Waterford Football Club e depois foi pra Austrália comer cangurus assados passando pelo Newcastle KB United, Perth Azzurri e jogou 18 minutos no Blacktown City, e ainda conseguiu marcar 1 gol com aquela barriga de chopp. Depois decidiu virar treinador, passou 2 anos no Preston e não aguentou mais por ser cobrado todo dia pela imprensa chata e inconveniente. Em '83 foi zelador no Whigan Athletic, varrendo o chão imundo e morrendo de medo de andar pelos corredores do estádio á noite sendo assombrado pelos fantasmas dos antigos faxineiros dali.

Bandeira da Inglaterra.png
Bandeira da Inglaterra.png

Goleiros: BanksShiltonSpringettStepneyBonettiSeamanGreenHartPickford
Defensores: MooreJack CharltonCahillBainesJagielkaStilesCohenWilsonArmfieldWalkerAdamsButcherGary NevilleCampbellFerdinandTerrySouthgateAshley Cole
Meio-campistas: Bobby CharltonBeckhamPetersBilly WrightEdwardsGascoigneBarnesRobsonBeardsleyWilkinsSansomPlattInceWaddleHoddleLampardGerrardMcManamanScholesHendersonLingard
Atacantes: MatthewsHurstHuntGreavesMannionFinneyLofthouseKeeganLinekerDixie DeanBastinBuchanIan WrightShearerOwenRooneyKaneSterlingSturridgeRashford