André Schürrle

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
(dif) ← Edição anterior | ver versão atual (dif) | Versão posterior → (dif)
Ir para navegação Ir para pesquisar

André Schürrle (Ludwigshafen am Rhein, 6 de Novembro de 1990) é o cara que fechou o caixão da seleção brasileira na Copa do Mundo de 2014, metendo duas bolas no gol de Júlio César.

História[editar]

Schürrle ao lado de um cara que supostamente o conhecia.

A maioria do povão nunca tinha ouvido falar nele, até o momento em que ele subsitituiu KloseJúlioCésarKlose naquele fatídico dia.

Ninguém deu muita bola pra entrada de Schürrle, já que a esta altura, a seleção brasileira já tava com a sacola cheia, perdendo de 5 a 0, fora o passeio.

Os alemães, muito educados, combinaram de não marcar mais gols, pra não apanharem na saída do estádio. Porém, metendo o foda-se para essa regra, e querendo mostrar pro treinador que tinha condições de jogar com mais frequência, Schürrle foi pra cima dos brasileiros e fechou a conta, marcando mais 2 gols, dando alegria pro povo alemão.

Depois do passeio, não jogou mais, já que os próximos adversários não eram tão várzea.

Atualmente[editar]

Depois de sagrar-se campeão mundial com os alemães, Schürrle arrumou um contrato com o Borussia Dortmund, onde ficou enganando por dois anos (na verdade seu contrato era de 4 anos, mas o Borussia conseguiu emprestar Schürrle nos dois últimos anos e se livrou do problema).

Apesar de ser atacante, não consegue fazer gols, já que não teve mais a sorte de encontrar um goleiro do nível do Júlio César pela frente.

Após não fazer nada em seus primeiros dois anos no Borussia, foi emprestado para o Fulham, onde teve uma passagem apagada. A equipe inglesa se arrependeu, e muito, de ter pago pra contratar Schürrle por empréstimo. Ao final da temporada, voltou para o Borussia, apenas para ser emprestado de novo.

Seu último clube foi o Spartak Moscou, onde fez 2 gols na temporada inteira, e isso jogando contra uns times com jogadores sem pernas. Depois de mais uma passagem sem destaque, voltou para o Borussia apenas para buscar sua carteira de trabalho, pois seu contrato não seria mais renovado por motivos óbvios.

Schürrle se aposentou do futebol com apenas 29 anos, pois já estava cansado de decepcionar a torcida com suas péssimas atuações em campo.

Bandeira da Alemanha.png
Bandeira da Alemanha.png

Goleiros: SchumacherKahnKöpkeIllgnerLenoJosé MaierTurekTilkowskiLehmannNeuer
Zagueiros e laterais: BadstuberBeckenbauerLiebrichVogtsSchnellingerSchwarzenbeckBreitnerFörsterBrehmeLahmMertesacker MustafiKöhlerBuchwaldReuterAugenthalerWörnsBabbelMetzelderHöwedesHummelsBoatengSchulz
Meio-campistas: MöllerHässlerKhediraReusÖzilBallackSchweinsteigerMatthäusSchusterEffenbergKroosMagathStielikeOverathSchollLittbarskiSammerZiegeHamannBonhofHönessGötzeDraxlerHavertzNetzerKaltzSzepanSzymaniak
Atacantes: PodolskiKloseVöllerGómezThomas MüllerGerd MüllerFritz WalterConenLehnerMorlockNeuvilleSeelerKlinsmannBierhoffKirstenRahnOttmar WalterSchäferSchürrleRummeniggeGrabowskiHölzenbein