Tecmo

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Um dos poucos jogos de menos fracasso da Tecmerda (por que será?)

Tecmo Koei Holdings Co., Ltd. é um puta de um nome enorme uma softhouse cujos únicos games que prestam e são conhecidos são Dead or Alive e Ninja Gaiden. O resto, se é que existe, ninguém conhece.

Sobre a tal[editar]

A Tecmo foi criada nos Estados Unidos em 1967 por uma empregada doméstica que roubava os produtos de limpeza da casa das patroas e depois revendia pelo triplo do preço. Dois anos depois, essa mesma empregada arranjou emprego em uma casa que tinha muitas crianças, então começou a roubar brinquedos também e revendê-los junto com o material de limpeza.

Com a chegada dos anos 80, todo mundo só queria saber de jogar videogame, as crianças estavam pouco se lixando para os brinquedos e os adultos nem limpavam mais nada só para ficar jogando, o que começou a trazer-lhe prejuízo. Os japoneses, responsáveis pela maior parte daqueles hipnotizantes jogos eletrônicos, fizeram a boa ação de comprar a empresa antes que falisse, e transformá-la em uma companhia de games.

E os games dessa empresa?[editar]

Um personagem da Tecmo tentando suicídio por causa do grande fracasso que a empresa é

Note como a Tecmo é versátil e criativa em suas criações:

Fusão[editar]

Bom, os jogos da Tecmo nunca fizeram o sucesso esperado pela mesma, então a renda financeira também não era das melhores. Em consequência disso, ela quase foi vendida para a Square-Enix em 2008, até que surgiu a Koei, uma outra desenvolvedora que também andava meio capenga, e sugeriu que ambas realizassem uma fusão. Assim foi feito, e atualmente a Tecmo e a Koei são uma só, embora ainda assinem seus jogos separadamente. Ou seja, continua a mesma bosta que sempre foi.