Sociedade Imperatriz de Desportos

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Sociedade Imperatriz de Desportos
Escudo do Imperatriz.png
Brasão
Hino '
Nome Oficial Sociedade Princesa de Desportos
Origem link={{{3}}} Maranhão - Imperatriz
Apelidos Cavalo Paraguaio, Cavalo fiasco
Torcedores
Torcidas
Fatos Inúteis
Mascote Cavalo de aço
Torcedor Ilustre
Estádio Frei Epfânio
Capacidade 12.000
Sede
Presidente Léo Cunh
Coisas do Time
Treinador
Pior Jogador Nuvola apps core.png
Melhor Jogador Crystal Clear action bookmark.svg.png
Patrocinador Café Viana
Time
Material Esportivo Boa bola
Liga Campeonato Maranhense
Divisão Série D
Títulos (2) Estaduais
Ranking Nacional 1753268°
Uniformes



Sociedade Imperatriz de Desportos é um time secundário do Maranhão, o que o define portanto como "um time ruim pá porra", porque sequer destacar-se no estado insípido do Maranhão é um feito que requer muita dedicação à ruindade. O nome do clube poderia ser mais original, mas preferiu usar o nome da cidade e fazer o clube parecer um time de meninas.

História[editar]

Fundação[editar]

O Imperatriz foi fundado em 1962. Ninguém sabe quem teve a genial ideia de criar um time numa cidade maranhense chamada Imperatriz. A única utilidade do clube é servir de freguês eterno para os times de São Luís, e fazer número no campeonato maranhense. Foram não apenas 1 ano, ou 2 anos... foram 40 anos de derrotas, fiascos, fracassos e nem mesmo um vice no Maranhão. Por isso as vitórias são comemoradas como título no Imperatriz.

Ao longo de seus primeiros anos o Imperatriz faliu pelo menos umas 10 vezes, mas sempre era ressuscitado pela Federação Maranhense que sempre quis um campeonato com mais de dois times, mesmo que todos outros clubes fossem semi-amadores como o Imperatriz.

Anos 2000 e participações na Série C e Copa do Brasil[editar]

Enquanto a Série D não era inventada, e a Série C era jogada por mil times e o estado do Maranhão tinha várias vagas para este torneio, nos primeiros anos do século XXI o Imperatriz garantiu uma diversa variedade de vagas na Série C do Brasileirão. O Imperatriz teve nesta época de glória ao todo 1 título maranhense (2005 e só) e 5 participações na Série C (2002, 2003, 2005, 2006 e 2007) mesmo nunca sendo campeão estadual nos outros anos além de 2005, e obviamente se fodendo em todas as chances (senão o Imperatriz seria mais conhecido).

Em suas campanhas pela Série C, em 2002 perdeu todos jogos para Santa Inês e Tocantins do Maranhão. Em 2003 e 2005 ninguém nem sabe quem eliminou o Imperatriz, talvez um time que nem exista mais. Em 2006 sequer passou do primeiro grupo desprezível só com times de Maranhão e Piauí. E em 2007 fez a melhor campanha da história do clube. ao passar de fase, mas na segunda fase terminar o grupo com -2 pontos negativos perdeu para um time que nem existe, o Rio Branco do Acre, e assim foi punido com a perda de 12 pontos.

Também teve suas participações na Copa do Brasil. Na edição de 2006 por exemplo foi eliminado pelo Vitória, mas a equipe maranhense comemorou forçar o segundo jogo após empate de 1x1 em casa, só para perder depois de 5x1. Eliminação relâmpago que se repetiu em 2008 com empate em casa antes de tomar goleada fora, dessa vez para o Sport de Recife.

Campeonato Maranhense de 2015[editar]

Baseado na tradição de ganhar algo só de 10 em 10 anos, no campeonato maranhense de 2015 o Imperatriz pode mais uma vez ser campeão estadual. Comemoraram muito a conquista, mesmo que para tal só tiveram que superar Sampaio Correia e Moto Club, dois times mais falidos que o mendigo que mora sob a ponte aqui do bairro.

Títulos[editar]

  • Campeonato Maranhense: 2 vezes (2005 e 2015)
  • Eliminações em primeira fase de Copa do Brasil: 2 vezes (2006, 2008)