SimCity BuildIt

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Virtualgame.jpg SimCity BuildIt é um jogo virtual (game).

Enquanto você lê, uma catapulta está detonando uma torre no Age of Empires.

Cidade do Pecado: Constrói aí caralho
SimCity BuildIt Logo.png

Logo da mercenária.

Informações
Desenvolvedor Maxis e TrackTwenty
Publicador EA
Ano 2014
Gênero Simulador de Ditador e operário
Plataformas Androido, iOS, Nokia tijolão, calculadora e fax
Avaliação Viciante
Idade para jogar 35 anos e ser mau-caráter

Cquote1.png Você quis dizer: Township Cquote2.png
Google sobre SimCity BuildIt
Cquote1.png É BODYBUILDER CARALHO!! Cquote2.png
Bambam o novo prefeito da cidade
SimCity: BuildIt é um jogo de construção de favelas, onde o principal objetivo é promover o capitalismo e defender a politicagem totalitária, cobrança de impostos, trabalho escravo 24 horas por dia, guerras espontâneas por diversão e fazer o caos na cidade. Ele foi lançado um ano depois do reboot da série intitulado de SimCity (uau que nome em) como uma forma de alternativa para aqueles que não tem um computador bom, por isso apenas está disponível nos celulares.

Jogabilidade[editar]

Cidade de um profissional, vulgo viciado em SimCity buildit.

Ao iniciar o jogo ele já te trata como uma criança burra fazendo uma especie de tutorial relâmpago, depois ele diz pra você se virar. Você agora é um funcionário público que não ganha dinheiro nem com macumba e apenas vive para construir casas para imigrantes ou acomodações para andarilhos. O jogador de maneira ou outra deve iniciar uma cidade do zero e fazer com que as pessoas da cidade grande tenham ter uma vida de miséria na sua nova cidade.

A administração da cidade é uma das coisas mais irritantes de todo o jogo, primeiro todas as casas devem ter cobertura de polícia, bombeiros e hospital, afinal essa cidade não é uma cidade do Brasil onde as pessoas tem que atravessar o mundo para ser atendido, visando a excelência nos serviços públicos e mostrando na cara da sociedade os verdadeiros gastos dos impostos.

A sua cidade.

Para construir ou melhorar uma casa é necessário de materiais, cada casa pede desde 2 a 5 materiais diferentes de diversas quantidades. Os materiais são fabricados nas fábricas (dã) no estilo Township, onde o jogador ao produzir um produto ele tem que esperar horas e horas para consegui-lo. Além das fábricas que produzem matérias-primas como ferro, madeira e plástico, existe também as lojas que pegam essas materiais e fazem produtos como ferramentas, roupas e brinquedos sexuais.

Outras Cidades[editar]

Além da sua cidade principal meia boca nomeada de cidade capital, existe também a possibilidade de construir outras cidades com dinâmicas diferentes, moedas e serviços diferentes, apenas para dar mais trabalho a você e você querer pedir demissão e sair do cargo de ditador como se fosse louco e doente mental.

No jogo existe a chamada região que seria como um estado, onde tem a sua cidade principal e mais 5 cidades. A primeira é uma versão deformada da capital onde é divida por duas pontes o que fode ainda mais o jogo, essa cidade tem a cultura do hippie de viver na natureza, ela produz coisas boçais como havaianas ecológicas, sacolas quadradas de plástico e tapetes de yoga.

Não é um set de filmagens de filmes do Velho Oeste, é apenas a região desértica.

A segunda cidade se passa num deserto onde abutres dominam, inclusive suas ruas são vermelhas ao invés de verdes, visando alguma coisa maligna e artificial ao invés do natural. Suas casas parecem uma especie de castelos da Índia e sua cultura é dominada por petróleo, o serviço daqui é o posto de gasolina, não pode faltar posto em nenhum dos cantos do mapa. Sua produção é especialmente petróleo, além de pneus e motores de carros.

A terceira cidade tem o layout em forma de H e se caracteriza pelas plantações de arroz, típica da China onde sua cultura é comer tudo o que veem e não podem viver sem uma barraquinha de macarrão perto de suas casas. Eles produzem carreteis de seda, kimonos, leques e coisas de otakus.

Limestone Cliffs, a região da China.

A Quarta é um arquipélago baseada em Tuvalu ou Vanuatu. O lugar é um completo resort tropical onde toda a ilha é praia pra todo o lado. Sua cultura é completamente praiana, existem cabanas rodeadas por palmeiras e sua população é tomada por surfistas emaconhados. Sua produção é nada mais nada menos do que coco (a fruta, não a bosta), óleos de coco, creme de coco, coco ralado, etc.

A quinta e última cidade tem característica de algum lugar da sibéria. É rodeado por montanhas cuja única especialização razoavelmente boa são os esportes de inverno. A cultura é praticamente nula, já que quem mora lá são apenas um bando de esquimós que para se aquecer vão à saunas. Sua produção é derivada de um ou dois peixes que conseguem chegar a esse lugar, mais precisamente do salmão e da sardinha que tem produtos como o sanduíche-iche de salmão.

Zonas[editar]

Um centro de respeito, apenas casas de maior valor.
  • Área Residencial: A área residencial é aquela área do capeta onde animais dormem. Além das casas comuns, ora, casas ordinárias sem nenhuma coisa chamativa, também existem as casas de Paris onde ficam apenas os afrancesados, essas casas são cheias de frufru e por mais que você melhore elas nuca crescem, sempre continuam nanicas; outro tipo de casa é a casa com arquitetura de Londres que não tem nada de mais estando aqui apenas pela estética medieval e decadente; as casas japonesas habitadas por otakus; além das casas OMEGA que vieram do futuro e não precisam dessas futilidades de serviços, mas só funcionam com internet e precisam de drones. Ademais a área residencial e industrial nunca se misturam, pois ninguém vai querer sentir o chorume no nariz o dia todo, e isso também vale para os serviços de esgoto e aterro sanitário.
  • Área Industrial: A área industrial é a residência dos escravos do governo que produzem matérias-primas, essas pobres almas tem o fedor dentro delas, porque toda a fábrica de SimCity trabalha com produtos químicos corrosivos, atômicos e lixosos, capaz de deformar a cara de alguém só de sentir o cheiro. No total existem 5 tipos de fábricas para comprar, a primeira sendo de graça (provida de impostos do governo), porém contém menos slots de produção e ainda polui toda a sua cidade. Conforme você vai conseguindo grana, o preço e os slots de produção vão aumentando e o raio de radioatividade vai diminuindo. No geral o jogador tem a possibilidade de ter no máximo 12 fábricas podendo minerar, desmatar até 60 matérias-primas de uma vez só, o que é mais uma desculpa para escravizar um pessoal aí.
Um nome chamativo sempre é bom para a economia da cidade.
  • Área Comercial: A área comercial é onde muitos animais se reúnem para roubar comprar produtos de péssima qualidade. Depois de produzir mais um plástico não-reutilizável que provavelmente vai entupir boeiros e causar enchentes, ele pode ser utilizado num dos 52 produtos que são um saco de fazer. Todos esses produtos são divididos em 9 lojas especializadas, sendo: Uma marcenaria, loja de ferramentas, uma quitanda, padaria do seu joão, produtos de jardinagem e franquias famosas como IKEA, Nike, McDonald's e Walmart, bem como uma lojinha do Papai Noel que apenas aparece no natal. Além dessas, também existem as lojas das regiões, assim como as fábricas das regiões, mas aí são outros quinhentos. É comum que você pegue ranço dessa área, pois para fazer os produtos são necessários mais do que apenas as matérias-primas, obrigando você a se desdobrar para conseguir um hambúrguer por exemplo, que é feito com uma grelha, um bife bem passado e um pãozinho caseiro.

Serviços Públicos[editar]

Serviços e especializações, perceba o Illuminati ali no canto.

Além da área industrial (área poluída), comercial (apenas serve para encher o saco e ocupar espaço) e residencial (seu maior problema), existe os serviços para mascarar a realidade fodida e pobre de uma população que mora num país capitalista, os serviços essências são aqueles que o povo faz questão de te lembrar se não eles ameaçam em ir embora da sua cidade. Eis eles aí abaixo:

  • Energia: Até o século XXI, pouquíssimas pessoas tinham luz em suas casas, mas como o jogo é também voltando com a mecânica do socialismo, todos devem receber luz elétrica, amenos que não tenham dinheiro para paga-la, claro. A primeira fonte de energia é a energia eólica, ela é mais barata, mas apenas serve para cobrir 6 casas, que é a mesma coisa que nada. Outros tipos de energia poluidora é a de petróleo, carvão e nuclear, ambas as três causam o derretimento da camada de ozônio e logo mais sua população vai estar te condenando e te chamando de fracassado e provavelmente sua cidade vai por água abaixo. E ainda tem a energia a fusão que não polui e não incomoda ninguém, mas é cara pra cacete.
A energia, água e esgoto são todas levadas de tubos para as casas, tubos como este.
  • Água: Esse é um dos serviços mais chatos e sem sal de todos, pois só existe 2 tipos de construções. O primeiro é a caixa d'água que apenas ocupa um bloco de espaço, mas só cobre 9 casas, o problema é que enquanto a sua cidade está crescendo, seu dinheiro apenas diminui, te obrigando a comprar trocentas caixas d'águas para suprir as necessidades dos moradores. A segunda forma é uma estação de tratamento de água que vem do esgoto e cobre mais de 50 casas com pura bosta.
  • Esgoto: Como ninguém gosta de cagar no mato, o esgoto trás as pessoas o alívio de fazer suas necessidades em uma patente, mas trás problemas ao prefeito que tem que ver aonde colocar essa desgraça e de preferência bem longe das casas. No total existem três tipos de construções, sendo os primeiros dois os mais fracos, baratos, cagados e de péssima qualidade, quase sempre quebrando e fazendo uma explosão de diarreia. E o último é uma versão que deixa a merda cheirosinha.
Não, essa não é a sua casa, é apenas uma montanha de lixo.
  • Aterro Sanitário: Conhecido como lixão. O aterro sanitário só é desbloqueado no nível 14, sendo um dos últimos serviços essenciais a ser desbloqueado, arruinando ainda mais os seus planos de gastar o dinheiro para melhorar a cidade, e quando você vê tem que gastar com um terreno baldio. Esse serviço tem 4 tipos de construções, sendo os três primeiros um depósito de lixo a céu aberto, por isso se pode sentir o apodridão do outro lado da cidade. Já a última construção é um centro de reciclagem que custa um rim, mas cobre 70 casas.
  • Corpo de Bombeiros / Centro Policial / Clínica de Saúde: Ambas as três são um verdadeiro saco de cobrir as casas, visto que nos serviços acima era baseado no número de casas, agora essas porrinhas são baseadas na distância da casa e os serviços. Os 3 serviços tem 3 tipos de construções, a primeira sendo apenas uma casinha de um bloco de tamanho que serve só para dizer que tem. O segundo é do tamanho de um casa comum (2x2) e o terceiro é uma verdadeira estação de serviços completo que cobre um quarto da cidade, cada um tem um custo variado de 30 mil a 60 mil, o que é muito, visto que a toda hora você tem que ficar gastando para asfaltar as ruas que estão engarrafadas. Além dessas três construções, também existe a mansão da Maxis que junta todos esses três serviços num só, melhorando a ergonomia da cidade em 100%, mas é preciso de 1000 dinheiros verdes, aquela segunda moeda que é dificílima de se conseguir.
Exemplo de pessoas do governo versus a população em geral.
  • Governo: É um enche linguiça, aqui tem aqueles prédios feitos por Oscar Niemeyer onde ficam os políticos, no total existem 8 prédios. O primeiro é a prefeitura e é aonde você coleta os impostos a uma taxa de 20% (isso se a sua população estiver alienada o suficiente para pagar); o segundo é o armazenamento da cidade, o lugar que você coloca os materiais; o terceiro é a mansão do prefeito onde você pode ver as conquistas do jogo, além da desigualdade de área para se construir, visto que apenas o prefeito tem uma mansão (3x3); o quarto é o Departamento de Projetos Épicos que transforma os seus prédios hediondos em um prédio épico e moderno, além disso os prédios dão bilhetes para acelerar a produção de materiais, afinal ninguém merece ter que ficar 1 hora esperando um tapete ficar pronto; agora os quatro últimos são construções relacionadas a corporação OMEGA, uma empresa do futuro que quer tirar todas essas precariedades do mundo atual e transforma-las em produtos de boa qualidade que funcionam através de wi-fi.

Propriedades do Governo[editar]

Além dos prédios do governo, também existem as construções fora da cidade que te atrapalham ajudam a construir as casas como o aeroporto que trás materiais para as casas de Paris, Londres e Japão, ou o QG de exportação e importação onde você pode comprar e vender materiais por um preço camarada, bem como o porto que te dá chaves douradas e a Torre Vu que mexe com vudu lança desastres, etc.

Atenção: Essa seção é propriedade do governo e está em construção, sua conclusão é indefinida então passe para a próxima seção.


Especializações[editar]

Diferente dos serviços públicos, as especializações são construções que a população não enche o saco para ter, mas que impulsionam a cidade a ter mais pessoas a morar nela, além de trazer o caos e o pecado.

  • Parque:
v d e h
SimCity logo.png