Sans

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Predefinição:Gato

Ocioso 140.jpeg
Garfieldpimp.jpg
Sans possui um refinadíssimo senso de vadiagem.

Sabe muito bem como fingir que trabalha, mas faz porra nenhuma de útil.

Clique aqui pra ver mais gente com vida mansa.

PROCURADO

Undertale sans wallpaper by glamist-d9nstc4.jpg

Sans é procurado por crimes contra
a sociedade e é extremamente perigoso.

Procurado vivo ou morto (de preferência morto).
Recompensa: O G"ass"ter Blaster

Nota: Esse artigo é sobre um mal tempo o esqueleto do jogo Undertale. Para outros Sans, consulte essa página.


Eis ai o sujeito pra quem a fandom de Undertale mais paga pau

Cquote1.png Sua intenção era pesquisar: Megalovania? Cquote2.png
Google dando uma de adivinho com a pesquisa de Sans

Cquote1.png You're gonna have a bad time! Cquote2.png
Sans sobre qualquer coisa

Cquote1.png Copiou minha frase. Cquote2.png
Thumper sobre Sans

Cquote1.png Copiou minha música. Cquote2.png
Garnet sobre Stronger Than You

Cquote1.png Minha alma é fria Cquote2.png
Frisk no genocida sobre Sans

Cquote1.png Quente Cquote2.png
Sans sobre o comentário acima

Cquote1.png Eu disse fria Cquote2.png
Frisk

Cquote1.png Quente perguntou? Cquote2.png
Sans

Cquote1.png geeettttttt dunked on!! Cquote2.png
Sans banindo um vândalo na Desciclopédia


Sans sprite.png

Sans the Skeleton, ou simplesmente Sans para os íntimos, é mais um dos personagens do jogo modinha Undertale. Sans é um dos filhos do Esqueleto (bem aquele que odeia o He-man) quando se perdeu de Greyskull e de tão perdido que estava foi parar no cu do mundo, também chamado de Acre Underworld.

Underworld[editar]

Não querendo ser pobre nessa vila, Sans abre um negócio da China de fabricar pasteis de flango hot-dogs, mas como os impostos da loja não iam para o rei Asgore, o mesmo mandou fechar a loja, mas Sans, mandando o mesmo tomar refrigerante japonês, continua vendendo cachorros-quentes mesmo assim. Com isso, virou amiguinho de duas lésbicas e tentou convence-as a deixar de ser sapatas, mas sem sucesso. Sans ao mesmo também virou melhor amigo da ex-rainha Toriel, que é a única além de seu irmão que gosta de seus ótimos trocadilhos.

Com isso, Sans também achou seu irmão burro que também se perdeu e com isso, formaram uma dupla amorosa e passaram a morar em uma casa qualquer na vila de Snowdin. Sans é basicamente o mascote do jogo por ser o favorito dos fanboys. (tem retardado que diz ser ele) Sans é um esqueleto gordo, baixinho, e dentuço preguiçoso e que usa aquela desculpa esfarrapada de que "não é gordo, só tem ossos grandes".

Rotas[editar]

Traduzindo: Você se fodeu.

Nas campanhas Pacifista e Neutra o mesmo apenas atuará como um mero figurante do jogo, fazendo porra nenhuma que preste durante o jogo inteiro, até chegar a última batalha, onde novamente faz porra nenhuma, além de ser estuprado capturado por flor do capeta e com isso, perde sua alma, mas depois a recupera e depois a recupera e tenta ajudar o protagonista, mas depois disso, continua a fazer exatamente nada prestável.


Na rota Genocida, o mesmo começa a ter mais atuações e fica espionando o protagonista, até a batalha contra seu irmão, onde Sans fica observando e fica absolutamente putasso pelo fato de seu irmão estar morto, onde no final do jogo, ele aparece fazendo cospobre de juiz e começa a fazer uma espécie de tribunal, onde começa a avaliar o protagonista pela quantidade de monstros mortos e começa a batalha com o protagonista, onde se você irritá-lo, ele despertará poderes realmente poderossos (se você quiser sentar no colo do capeta), a barra enche permanentemente na rota genocida. Seus ataques consiste em manter o inimigo preso e SANStástico azul enquanto ataca com ossos que envenenam e completa com tiros SANSacionais de Bazucas Gasters, acompanhados de uma música cujos remixes toscos são o motivo dos fanboys gostarem dele, que é a porta de entrada para se conhecer o jogo. Geralmente suas piadas são o motivo das pessoas fazerem o Genocida. No meio da batalha, Sans finge que quer desistir da batalha e tenta convencer o protagonista a não matar mais ninguém, mas se aceitar essa trégua, Sans dá uma de espertinho e te mata, colocando mais de 8000 ataques.

Alguns finais[editar]

Sans na visão de um furry.
  • Toriel viva: Toriel vira a rainha após seu ex-marido virar presunto e com isso dependendo de vários personagens secundários, pode ficar no reino, ou os monstros fazem vários protestos, antes da mesma fazer cosplay de Dilma sofrer um Impeachment. Se expulsa, Sans passa a morar com a Toriel apenas pra comê-la e com isso, ficam contando piadas ruins um ao outro todo o tempo.
  • Toriel virando presunto: Undyne abre um império feminazi em Underworld, e com isso, Sans fica com medo e se esconde nas ruínas onde a mesma quer matar o protagonista e se seu irmão virar presunto, Sans manda o protagonista tomar refrigerante japonês.
  • Mettaton vivo, mas personagens acima virando presunto: Mettaton cria uma filial da Rede Globo na Underworld e com isso, faz lavagem cerebral em quem olha seus programas e novelas, incluindo Sans ou seu irmão Papyrus.
  • Papyrus vivo, mas personagens acima virando presunto: Sans mente pra ele que todos personagens principais foram viajar pro Acre, e com isso Papyrus vira o mandante naquele lugar, onde faz pra todo mundo seus espaguetes ruins e Sans deixa de ser preguiçoso pra fazer algo que preste.
  • Personagens secundários vivos: Um cão branco que é na verdade o disfarce de Tio Tobis raposinha no jogo assume a presidência do local, e mesmo assim é um líder melhor que Michel Temer Asgore, tanto que Sans tá cagando e andando pra morte de seu irmão.

Ver também[editar]