Roberto Vasquez

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Latino.png Este artigo trata de uma personalidade mortalmente,
putaqueparivelmente e filhadaputamente odiada!
Provavelmente ele(a) é um(a) idiota inútil que não vale porra nenhuma!

Conheça outros filhos da puta clicando aqui.


Cquote1.png Você quis dizer: Dunga do meio CH Cquote2.png
Google sobre Roberto Vasquez
Cquote1.png Bobo, chato, feio e cara de mamão! Cquote2.png
Chavesmaníaco sobre Roberto Vasquez
Cquote1.png Só de ler o nome dele me dá coisas... Cquote2.png
Doutor Chapatin sobre Roberto Vasquez
Cquote1.png QUÊ? VOU PROCESSÁ-LO! Cquote2.png
Carlos Villagrán após saber de tudo que Vasquez fez

Erro ao criar miniatura: Não foi possível salvar a miniatura no destino
Quando fantasiado de Quico, o Roberto Vasquez parece muito com o Michael Jackson

Roberto Vasquez é um animal filho da puta ladrão (e olha que ele nem é político) que fez violação de direitos autorais da imagem do Quico. Isto é, ele alegou ser o ator que faz o Quico, mas após anos de farsa, ele foi desmascarado.

História[editar]

Ele começou todo o esquema de fraude no ano de 1996, logo após o Carlos Villagrán ter feito uma visitinha ao Brasil e ter sido recebido pelo então presidente do Brasil, Fernando Henrique Cardoso, com uma xícara de café.

Aproveitando-se dos habitantes do Rio Grande do Sul, Roberto Vasquez começou a atuar, fazendo um circo cujo nome era um plágio do próprio seriado, começando na cidade de Putão (nome que combina muito bem com ele). Sua carreira começou com muita malandragem e ganho de dinheiro em cima da imagem do Quico.

Depois desse enorme sucesso, ele bolou um plano infalível: Começar a atacar em Santa Catarina. A imprensa começou a dar atenção para o falso Quico. Na verdade, a Globo já sabia que aquele não era o Quico de verdade, mas eles queriam manipular os fãs de Chaves, fazendo-nos acreditar que Vasquez era o verdadeiro Quico, para que assim pudessem conquistar-lhes a confiança.

Erro ao criar miniatura: Não foi possível salvar a miniatura no destino
Cquote1.png Oh shit! Me pegaram no flagra! Cquote2.png
Roberto Vasquez após ter sua farsa descoberta

Provas de que ele não era o Quico[editar]

Prova 1[editar]

Cquote1.png Atuei em muitos episódios, principalmente naqueles em que o Senhor Barriga aparecia e levava tapas da Dona Clotilde, e depois aparecia o Seu Madruga pra vir lhe cobrar os 14 meses de aluguel. Falando no Seu Madruga, ele morava justamente na casa em que depois eu passei a morar... Apesar disso, eu não atuei na maioria dos episódios, porque depois o Roberto Bolaños me tirou do elenco porque eu estava causando muita inveja nos outros atores, e me substituiu por esse tal de Carlos Villagran Cquote2.png
Roberto Vasquez, trocando todas as bolas

Um fã de Chaves começou a rasgar a máscara do palhaço, quando fez perguntas complicadissississíssimas sobre Chaves. Ele era comunista em uma rádio.

Prova 2[editar]

Cquote1.png Eu nunca tive a chance de atuar em destaque, porque o filho da puta do Villagran viu meu personagem quando eu já atuava em teatro e me copiou, se auto-apresentou ao senhor Roberto Bolaños com o seu personagem, dizendo que era dele próprio, eu tenho documentos para provar Cquote2.png
Roberto Vasquez

O Villagran já estava atuando antes de Vasquez no teatro, com um personagem chamado "Pirolo" (cujo nome vem das misturas de piru e rola), é que Villagran era ator pornô, e Pirolo era o nome original do Quico, antes do Quico deixar de ser personagem de filme pornográfico para se mudar pras séries infantis.

Além disso, Roberto Vasquez sempre teve os documentos pra provar. Só que ele esqueceu de mostrá-los para o público e processar Villagran. Se bem que esses documentos só serviriam mesmo para mostrar que o Coringa é um filho da puta!

O Roberto Vasquez poderia muito bem substituir a menina do Exorcista na pegadinha do jogo do labirinto

Prova 3[editar]

Cquote1.png Eu entrei no programa Chaves em uma seleção de atores que o Roberto Bolaños fez, eu e ele éramos muito amigos e eu improvisava muito nas gravações, por isso o público gostava de mim, nos gravamos entorno de mais de 8000 episódios em um ano, o Villagran entrou depois de mim, eu tenho papeis de registro do Kiko nos estados unidos, pretendo busca-los e acabar com essa história Cquote2.png
Roberto Vasquez

Roberto Bolaños nunca fez teste algum pra selecionar atores. Ele simplismente catou por aí um monte de gente que ele nem chegava a conhecer, ofereceu um salário qualquer e tava pronto o elenco do Chaves.

E na verdade o mestre do improviso sempre foi Ramón Valdez, tanto é que ele nem precisava improvisar.

Mais de 8000 episódios em um ano? Isso deve ser um engano, esse aparelho deve estar quebrado! Ele deve estar achando que o Chespirito é Deus, ou está confundindo Chaves com Os Simpsons, porque 1000 episódios em 1 ano é impossível, a não ser que Chespirito mantesse os atores em cárcere privado, forçando eles a ficarem dia e noite, gravando e interpretando os mesmos personagens, praticamente vivendo a série, e até isso acontecer a polícia já teria descoberto e mandado o Chespirito pro xadrez.

Atualmente[editar]

Roberto Vasquez atualmente está desmascarado, falido e pobre, todo mundo odeia ele e ele foi até em cana. Após ter sido solto, Roberto Vasquez abriu um restaurante na cidade de Rita já está aí, onde ele faz uma comida podre. Mas Deus teve piedade dele e mandou pra Terra gente que gosta da comida dele, para que ele não se fudesse de modo completo.

O verdadeiro Quico está atualmente morando na Argentina, aposentado pensionista, está rico, morando numa mansão e mesmo idoso, teve a sorte de pegar um monte de gatinhas. Sentiu a diferença?

Se você ver um dia o Roberto Vasquez voltando a fazer shows como o Quico, você deve ir. Mas não se esqueça de levar ovos e tomates pra tacar na cabeça dele.