Rainbow Brite

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa


Placa80.svg

Este artigo discute coisas intrínsecas aos Anos 80's!
E deve ter acompanhado os momentos finais do Chacrinha.

Marquezine.JPG Este artigo trata de crianças realmente CHATAS!

Que fofinho, este artigo é sobre uma criancinha bobinha. Edite-o até ela
deixar de ser fofinha, senão Maísa irá te ligar!

Franziska Maya Pink Princess.jpg Cuidado! Este artigo é sobre uma GURIA RETARDADA!

E dança créu até com música clássica!!

Clique aqui pra ver mais garotas malucas

Os danos na mente de quem assiste isso podem ser permanentes

Cquote1.png Eu assistia! Cquote2.png
Gugu sobre Rainbow Brite
Cquote1.png Eu assistia e tinha a boneca! Cquote2.png
Milton Neves sobre Rainbow Brite
Cquote1.png Eu assistia, tinha a boneca e dormia agarrada com ela! Cquote2.png
Zac Efron sobre Rainbow Brite
Cquote1.png Eu assistia, dormia com a boneca e me vestia que nem ela! Cquote2.png
Edward Cullen sobre Rainbow Brite
Cquote1.png Eu assistia, dormia com a boneca, me vestia que nem ela, jogava os joguinhos, colava pôster na parede e colecionava as figurinhas! Cquote2.png
Clodovil Hernandes sobre Rainbow Brite

Rainbow Brite é um desenho animado dos anos 80 criado especialmente para o público feminino. Bem, era o que os produtores do desenho queriam que os adultos pensassem, quando na verdade não passava de um produto maligno cheio de mensagem subliminar oculta.

Rainbow Brite trata-se de pura apologia às drogas e ao homossexualismo, deixando bem claro que seus criadores não passam de traficantes gays de LSD que precisavam arrumar uma maneira de enriquecer para sustentarem seu vício e pagarem seu tratamento contra a aids, além de cruelmente atrair novos usuários.

História[editar]

Eu nunca deixaria minha filha assistir um troço desses (e muito menos meu filho)

Wisp é uma garotinha órfã que, para superar o trauma da morte dos pais, usa todo tipo de droga. Seu organismo já está tão resistente às drogas mais comuns que tudo que ela consome parece ter parado de fazer efeito.

Em um de seus raros momentos de sanidade, Wisp ouve um disco dos Beatles e graças à música "Lucy in the Sky with Diamonds" ela percebe que ainda não experimentou LSD.

Empolgada, a pequenina vai atrás da droga e sente um barato tão grande ao consumi-la que acredita ter sido sugada para uma outra dimensão completamente lisérgica e com animais coloridos falantes, transformando-se na heroína Rainbow Brite e recebendo a missão de salvar os sete emos com as cores do arco-íris. Cada emo é responsável por fazer uma cor funcionar no mundo, e sem eles tudo seria preto e branco.

Sprites[editar]

Cada criança em Raibow Brite possui um monstrinho peludo esquisito conhecido como sprite, que se diferenciam somente pela cor e pela profissão:

  • Romeo, o aventureiro vermelho
  • OJ, a patricinha laranja
  • Spark, o dançarino amarelo
  • Lucky, o palhaço verde
  • Champ, o atleta azul
  • Hammy, a atriz índigo
  • IQ, a nerd gostosa violeta

A protagonista possui Twink, o sprite branco que é o mais sem graça de todos. Para compensar, ela também foi agraciada com o magnífico cavalo Starlite, que já deu umas galopadas com Mônica Mattos.