Página principal

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para navegação Ir para pesquisar
Bem-vindos à Desciclopédia

A enciclopédia livre de conteúdo que qualquer um pode editar.

59 598 artigos · 199 247 imagens

Ajuda

Embaixada

Perguntas

Políticas

Portal comunitário

Mídia

Chat

Contribuir

Artigo em destaque
A família do protagonista, apenas os irmãos.

Undertale (UnderTale se você gosta de separar as palavras, ou UNDERTALE se estiver com raiva) é um jogo de RPG indie criado por um maníaco chamado Toba de Raposa Toby Fox, conhecido por hackear jogos da Nintendo a fim de ganhar uma grana preta mole vendendo-os pela internet por altos preços. O jogo em si é um hack de Earthbound com sprites trocados e uma qualidade gráfica que faria a Square Enix morrer de inveja. E é só sobre andar, arrumar uma treta e bater fofoca com uns viadin, onde você escolhe entre ser um projeto de Nelson Mandela e levar a paz ao mundo, ou pode ser um feladaputa o fodão da história. Talvez opte por este último, caso você não saiba inglês direito e saia matando todo mundo, causando tristeza e caos.

O jogo fez um tremendo sucesso: não por causa dos gráficos e nem da jogabilidade, mas sim por causa dos pactos com o Diabo memes que surgiram na internet e fizeram a cabeça dos otários inocentes. Pouco tempo após o lançamento do jogo, seu fandom chegou a níveis tão absurdos e doentios que acabou despertando a ira dos haters, em sua maioria composta por jogadores de Playstation 4, Xbox ONE e outros consolistas indignados por saber que um jogo peba estilo retrô faz tal sucesso, provocando um flamewar quase infinito na internet.

Compartilhe: Compartilhe via Facebook Compartilhe via Twitter




Neste dia...


Sabia que...


Imagem do dia
 
Apresentação
Batata desciclo sem texto.gif
Bem-vindo(a) à Desciclopédia, uma (des)enciclopédia escrita com a colaboração de seus leitores. A Desciclopédia é um site de humor debochado e seu conteúdo não deve ser levado a sério. Todas as nossas regras e políticas convergem para um só princípio: ser engraçado e não apenas idiota. É um princípio amoral, mas que implica numa ética subjacente. Significa que, no âmbito da Desciclopédia, só podem ter procedência as críticas que se refiram à qualidade divertida de um artigo. Não tem, portanto, nenhum sentido tentar defender os méritos morais ou artísticos de algo que você gosta (banda, filme, personalidade, programa, game, etc.) e que tenha sido sacaneado num artigo da Desciclopédia. Essas coisas não interessam nem um honorável pouquinho aqui.


Participação

Todos podem publicar conteúdo on-line desde que não sejam vândalos ou desrespeitem as regras.

Dentre as diversas páginas de ajuda à sua disposição, estão as que explicam como criar um artigo, editar um artigo ou inserir uma imagem. Em caso de dúvidas, não hesite em perguntar e dar sua apnião.


Comunidade
A comunidade vem crescendo dia após dia. Porém precisamos de mais colaboradores para podermos ampliar o número de artigos em língua portuguesa e expandir, melhorar e consolidar os que já existem.


Projetos irmãos

A Desciclopédia existe graças à entidade sem fins lucrativos Fundação Desciclomídia. A Desciclomídia opera vários projetos em diversas línguas, sempre com conteúdo livre: