O Sonhar

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Nota: Pelo amor de Deus não confundir com Terra dos Sonhos.


O Reino dos Sonhos é conhecido por ser um lugar bem varonil

Reino dos Sonhos, Mundo dos Sonhos ou na tradução menos errada O Sonhar mais um sonho impossível (do inglês The Dreaming que mais parece nome de álbum de banda de metalcore) é um reino imenso pra caralho, que ao mesmo tempo está em todo lugar e lugar nenhum, mais conhecido como o cafofo de onde Lorde Morpheus conduz suas operações sombrias e sombreadas do universo do ninar. Diferentemente de outras localidades da DC Comics que são sempre as mesmas cidades estagnadas o Sonhar tem a desvantagem de não ser um lugar físico, sendo 100% fruto da imaginação, logo podendo ser qualquer coisa que dê na telha do Neil Gaiman quando ele tiver com preguiça de desenhar tudo de novo.

Onde fica?[editar]

Bem, como já citado o Sonhar não tem uma localização certa na Terra, sendo aquele lugar vago e em variação constante de histórias de amor, de aventura e de magia onde você vai toda noite para sonhar que sua vida não é uma merda. Mas pra fins enciclopédicos este nerdão do caralho que vos escreve, tendo em vista que o Sonhar é baseado em lendas dos aborígenes daquele lugar mais pra baixo e que Sandman e Tio Lu já deram umas voltas por aquelas bandas em Estação das Brumas, estima que o reino de Morpheus fique em algum lugar remoto da Austrália Ocidental, que nada mais é o Acre australiano, portanto nem se anime em querer achar (por que alguém haveria de querer isso mesmo?).

O Sonhar é um lugar tão top que ele guarda o mundinho imaginário de cada sonhador, portanto se tu for um nego desempregado de 30 anos que ainda mora na casa dos pais e anda de busão mas sonha que é rico, de carrão e cheio das gostosas, pode se entocar lá sem se preocupar nem com a hora de cagar que o papai Morpheus te acolhe.

O que tem lá[editar]

O Sonhar é um lugar onde os emos terráqueos vão para fazer emices no outro plano. No caso eu me refiro a Morte e Sonho mesmo.

Apesar de toda essa psicodelia, o Sonhar tem alguns lugares fixos que sem eles a história faria menos sentido ainda.

O primeiro que vemos são a Casa dos Mistérios e a Casa dos Segredos que são nada mais são que nomes mais bonitinhos pro cafofo onde moram Abel e Caim, os irmãos bíblicos que começaram como primeiro assassino e vítima, mais tarde viraram dupla sertaneja e hoje moram de favor no Sonhar servindo de tiozões engraçadões da série.

Andando mais um pouco podemos encontrar os Portões de Chifre e Marfim, onde logicamente por um deles passam as verdades e por outro as enganações, mentirinhas e principalmente, as histórias de corno desse mundão.

E por último mas não menos importante, encravado bem no centro do cu do Sonhar temos o Castelo onde Morpheusinho reside. Que só tem de interessante uma biblioteca foda pra caralho onde se guarda todos os livros e escritos que a humanidade pensou em escrever mas o Vírus da Falta Total de Inspiração não deixou; essa biblioteca tem um cômodo secreto nunca visto antes na história, separado só para os artigos nunca publicados da Desciclopédia. Fora isso é um lugar chato para caralho onde, tirando a ocasional reunião dos deuses do mundo disputando a posse do Inferno, não acontece muita coisa legal por lá, a não ser que você seja masoquista e ache graça em aturar as constantes crises emo de Morpheusinho. Se nem a família querida dele aguenta...

v d e h
O incompreensível mundo do Universo D.C.