Mundo Compacto

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Zorak.jpg Você está entrando em um mundo desconhecido nas imensidões da escuridão, onde
ninguém pode ouvir seus gritos!

Agora, viajar pelo espaço ficou mais fácil depois que inventaram a Coca-Cola.
Se aconchegue em sua nave e vá tomar um "chazinho" com o E.T. de Varginha.


O Mundo Compacto, em exposição no museu de Metrópolis.

Mundo Compacto foi uma coisa bizarra e sem noção alguma criada por John Byrne só pra poder tirar a DC Comics de uma maconha mal-fumada que eles mesmos criaram por anos a fio: Como poderia a Legião dos Super-heróis acreditar que existiu um Superboy (e não, não estou falando daquele muleque clonado) que depois viraria um Super-Homem se o Azulão nem sequer teve infância, por viver trabalhando feito burro de carga numa fazendola? Pois é isso que essa ideia imbecil de criar um universo extra tentou fazer, mas duvido que alguém aí entenda alguma coisa depois desse artigo (a não ser que seja um nerd daqueles).

História bem confusa[editar]

Tudo começou a muuuuuuuuuuuitos anos atrás (ou à frente, já que isso é coisa que devia receber a predefinição {{Futuro}}, mesmo se tratando de coisas também do passado, que confusão!) quando a Legião se formou após assistir um monte de episódios de Smallville (na verdade, entenda-se Satúrnia, que já tava irritando os outros amiguinhos aliens dela com isso). Decididos a fazer uma visitinha ao seu inspirador do passado, eles pegaram uma máquina do tempo e foram embora achando que o seriado da TV realmente falava a verdade, tsc tsc. Deveria ser igual sua irmã, que nunca curtiu gibis na vida, mas de repente virou fã do Superman misteriosamente após assistir o seriado...

Um inimigo muito conhecido deles, Senhor do Tempo, viu aí uma boa oportunidade de trollar com eles, e assim criou um falso momento na década de 70 para deixar os Legionários presos lá sempre que voltassem no tempo, e nesse lugar ele destruiu todos os planetas, deixando apenas dois: Krypton e a Terra, e nesses dois iria deixar rolar seu universo de ilusões, danificando a história dos outros heróis e vilões para que nunca existissem, forçando o Superman a virar Superboy mais cedo, fazendo um samba do criolo doido em Krypton que levou outros malucos a saírem de lá (e criando a Zona Fantasma por extensão, além de seres imbecis como Beppo, o super macaco... vish...). Assim, os Legionários lutariam ao lado do Superboi, ops, Superboy (é que depois da Batvaca, nada mais me espanta...) por anos sem notar nada.

Atual localização do Universo Compacto, só acessível usando WinRAR.

Depois de anos brincando de Deus com os Legionários, o Senhor do Tempo percebeu que eles haviam descoberto enfim que tinham sido trollados esses anos todos após perceber que o Superman nem fazia ideia de quem eles seriam, e como não se chegou a conclusão se seria lavagem cerebral, burrice, miopia, Mal de Alzheimer precoce ou excesso de leitura da Desciclopédia a causa desse mal, percebeu-se que haviam dois universos, enfim. O Senhor do Tempo tentou forçar o Superboy a foder com seus companheiros (sem duplo sentido, mentes poluídas!), mas ele conseguiu salvar seu planeta e os seus amigos, mas acabou morrendo de cansaço fazendo cooper entre os universos e tempos.

Após sua morte, passou-se 10 anos e nada dele reaparecer no seu mundo (ele tinha morrido no futuro e ninguém viu mais nada). Lá naquele universo o Lex Luthor de lá era uma pessoa boazinha (sério), mas definitivamente não era exatamente muito esperto, e acabou caindo numa cilada armada pelo General Zod daquele universo, que com seus dois capangas saíram destruindo o planeta inteiro só pelo prazer de destruir (igual aquele seu vizinho pichador filho da puta ou a turma do Black Bloc). Daí ele criou a Supermoça Matriz, uma forma de protomatéria feita para tentar deter os três vagabas, mas ela falhou miseravelmente (um ser criado na base de Super Massa da Estrela não poderia fazer muita coisa mesmo...). Enfim, ela foi pedir ajuda ao Superman, mas quando chegaram lá, praticamente já tava tudo fodido mesmo, e o Super acabou dando fim nos três vagabas usando a Kriptonita Rosa (que não funcionava nele porque ele era machão) nos dois homens da história pra que eles se matassem na base da sodomia e a Kriptonita Violeta pra deixar a Zaora perdida sobre sua sexualidade, se matando aos 27 anos por falta de dorgas e companheiros para fazer amor. E assim o Mundo Compacto passa a ser ignorado pra sempre.

Tão ignorado que anos depois decidiram simplesmente esquecer que essa porra toda existiu e só os mais nerds lembram disso tudo, escrevendo sobre isso na Wikipédia e até aqui, esse artigo que eu acabei de escrever só pra passar tempo.

Ler também[editar]

Exoplanetas
Vulcano · Terra Média · Planeta dos Macacos · Google Earth · Hercólubus · Estrela da Morte · Nibiru · Thanagar
Melmac · Coruscant · Krypton · Wikipédia · Neopia · Móbius · Planeta Wisp · Planeta dos Guarda Chuvas · Planeta X
Existência Não-Cofirmada: Sol · Lua · 1969 UBCUFSGMERDAFDSG839666345 · Aerólitos · Planeta Glorg · Planeta Vegeta · Namekusei · Little Planet · Death Egg - Lost World
Negados pela NASA: Napster · Terra plana · Terra oca · Terra quadrada · Mundo Bizarro · Mundo Compacto · Desciclopédia · Mundo do Contra · Fofosfera
Pianeti.jpg