Messier 44

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Zorak.jpg Você está entrando em um mundo desconhecido nas imensidões da escuridão, onde
ninguém pode ouvir seus gritos!

Agora, viajar pelo espaço ficou mais fácil depois que inventaram a Coca-Cola.
Se aconchegue em sua nave e vá tomar um "chazinho" com o E.T. de Varginha.

Cometa Halley dando uma passadinha por lá.

Messier 44 é outro objeto messier, mais conhecido por ser um aglomerado aberto misterioso que ninguém gostaria de visitar devido a taxa de mortes que acontecem por lá anualmente.

Outros motivos para não visitar é que lá ficam as práticas ilegais de variados crimes no universo, como principal ponto de tráfico de humanos e carne humana. Alguns dizem que o Manbeef atua lá e que é daí que eles tiram o dinheiro para sustentar o servidor do site deles e dos negócios.

Agora Messier 44 em foto de má qualidade Kodak.

Descoberta[editar]

O aglomerado foi descoberto quando Messier era criança ainda. Mas como não era maduro o suficiente para dizer o que havia descoberto, acabou deixando essa passar e o aglomerado ficou sem ser catalogado ou descoberto por muito tempo.

Como objetos assim não atraem a atenção dos astrônomos, eles acabaram sendo abandonados e os astrônomos nunca descobriram Messier 44.

Muito tempo depois, tempo demais para o autor do artigo se lembrar quando algo tão inútil foi retirado do anonimato... Messier estava adulto, formado em astronomia pois não sabia mais o que fazer e escolheu essa área.

Ele estava planejando seu catálogo, após ter catalogado errado 43 objetos astronômicos, estava pronto para fazer mais uma vez o mesmo erro.

Descobrira Messier 44, um aglomerado não muito grande e que tinha estrelas azuizinhas no meio dele. Lá estava Messier adicionando mais um objeto que seria esquecido pela sociedade mais tarde.

Características[editar]

As características são de que mesmo o aglomerado sendo grande, tem algumas estrelas, tem sua importância e tem sua localização, poucas pessoas o conhecem.

Obviamente: quem iria perder tempo procurando sobre aglomerados nessa hora quando poderia estar lendo outras coisas? Me poupe!

Mas enfim, o aglomerado teve lá seu carinho... Messier pediu que uma pintura do aglomerado fosse feita e posta na parede de seu palácio, quando ele ainda fazia parte da realeza. Infelizmente, Messier acabou vítima da Revolução Francesa e o que restou dele acabou sendo sua cabeça. Nunca pode ver o quadro do aglomerado que acabou sendo queimado junto.

A astronomia é uma tragicomédia. Mesmo triste, faz nós darmos umas boas risadas.

Ver também[editar]