Megaman ZX

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Megaman-bird.gif WARNING! WARNING!

Esta página se trata do universo de Mega Man!

Se você não foi capaz de derrotar o Dr. Wily em nenhum jogo dele você é um tremendo fracassado!

Virtualgame.jpg Megaman ZX é um jogo virtual (game).

Enquanto você lê, Mais um mangá Hentai de Touhou é publicado


Megaman ZX/Rockman ZX
MegamanZX-box art.jpg

Megaman ZX

Informações
Desenvolvedor Inri Cristo Games
Publicador Capcom
Ano 2300
Gênero Ação
Plataformas DS(Destruição Suprema)
Avaliação Zero
Idade para jogar 5
Representação da competição acirrada entre Digimon e... Hã, Megaman?

Cquote1.png Você quis dizer: Sexo Cquote2.png
Google sobre Megaman ZX

Cquote1.png Você quis dizer: Ben 10 Cquote2.png
Google sobre Megaman ZX

Cquote1.png Já dirigi um Citröen ZX. Cquote2.png
Carla Perez sobre Megaman ZX

Cquote1.png Você traiu o movimento dos Power Rangers, véio! Cquote2.png
Dado Dolabela sobre os heróis de ZX.

Cquote1.png Grande coisa! Eles não tem Megazords! Cquote2.png
Power Ranger invejoso sobre os heróis de ZX.

Cquote1.png Na União Soviética, o Biometal faz "R.O.C.K. On" em VOCÊ!!! Cquote2.png
Reversal Russa sobre R.O.C.K. On.

Cquote1.png É hora de morfar! Ih... Foi mal, me empolguei... Cquote2.png
Vent ao tentar fazer R.O.C.K. On

Cquote1.png Esse traje me deixa gorda? Cquote2.png
Aile sobre o Modelo ZX, que deixou ela muito gostosa

Cquote1.png Nem um pouco... Tu ficou gostosa pra cacete! Cquote2.png
Vent e uma renca de punheteiros sobre o comentário acima

Cquote1.png Ih! Dona Morte de tapa-sexo! HAHAHAHAHAHAHAHA!!! Cquote2.png
N00b engraçadinho sobre Prometheus

Cquote1.png Pandora é MARA! Cquote2.png
Seu Ladir sobre Pandora

Cquote1.png Também acho! Cquote2.png
Serpent sobre o comentário acima

Cquote1.png Eu acho que vocês dois queimam a rosca! Cquote2.png
Pandora sobre Seu Ladir e Serpent

Cquote1.png Nós procuramos inovar em tudo! Tiramos o X e o Megaman, que ja estavam enjoados com sua cor azul, e colocamos Vent, que não tem nada haver com eles. Suas armas nunca foram vistas antes, tanto como suas habilidades de pular, subir paredes e dar Dashs. Tiramos tambem o Zero, que já tava fora de moda com seu cabelão e seu Sabre, e colocamos o Giro, que não se parece nem um pouco. Realmente, o jogo é inovador em tudo. Cquote2.png
Capcomédia sobre coisas nunca vistas em outros Megaman's

Vent-aile.gif

Megaman/Rockman ZX (仮面ライダー) é um jogo criado pela Capcomédia em parceria com Akira Toriyama e se baseia claramente na antiga série de desenho animado, Cavaleiros do Zodíaco (e Cavaleiros do Brasil); só que ao invez das fantasias armaduras estarem dentro de caixas, elas ficam em pequenos pedaços de metal com consciência (pesada) chamados Biometal e podem ser tão chatos quanto Navi, fadinha ajudante do Zelda Link. Este jogo marca o aniversário de 20 anos da série Megaman, assim como os 508 anos da série Cavaleiros do Brasil e os 2076 anos da série Cavaleiros do Zodíaco.

História[editar]

Yoruichi cat.jpg Made in Nihon Y_Y

Este é um artigo kawaii ¬¬ com tecnorogia japonesa, né? (ou não >B)
Os otakus dão a sua vida por isso! =\
Mas se vandarizar, vão te mandar esperar 5 minutos para Namekusei explodir >B

A história se passa numa época pós-guerras onde o mundo acaba por ser habitado por humanos e robôs harmoniosamente. Por incrível que pareça o jogo é situado no Rio de Janeiro e trata de assuntos como sequestro, abuso de menores, roubo à mão armada, tráfico e uso de drogas, etc.

Sistema R.O.C.K./M.E.G.A[editar]

Vent, em mais uma de suas alucinações... Dessa vez, vendo o Pão de Açúcar como uma flor gigante

A coisa toda acontece através desse sistema especial, que são executados através dos Biometais, que são aquelas cabeças esquisitas e brilhantes que você vê rodando pela tela do seu video-game. Isso mesmo, aquilo não era alucinação sua por causa de drogas, foram os criadores do jogo que botaram isso no seu game (que pelo jeito, estavam fumados também). As siglas significam:

  • R.O.C.K.: Raio de Objeto que Confunde a Kabeça
  • M.E.G.A.: Merda Esquisita que Guia Azarentos

Esse sistema especial, como os nomes já indicam, além de dar habilidades especiais, deixam os usuários muito loucos, com efeitos semelhante as drogas. É por isso os Biometais que são tão procurados por contrabandistas e tão temidos por policias e militantes.

Cada Biometal causa efeitos diferentes entre uma pessoa e outra (geralmete fatais), por isso, não são todos que podem usar os Biometais. A pessoa que reage de forma muito melhor aos efeitos proporcionados por certo Biometal é a pessoa certa para usar tal Biometal, ou seja, um escolhido. Mas se essa pessoa não for a escolhida, ela simplesmente vai a obito, devido a diversas complicações.

Para utilizá-lo, o escolhido dá um daqueles berros estúpidos que nem fazem alguns tokusatsus. No caso, grita-se ROCK ON ou MEGAMERGE; depende da versão que esteja jogando (Embora Rock On seja mais legal). Imediatamente, os Biometais estabelecem o link com o escolhido, ativam o sistema ROCK/MEGA e envolvem o escolhido até formar a armadura. Não há muitas informações sobre como esse envovimento acontece, porém há relatos de que os escolhidos sentem um certo 'prazer' no momento. Há quem diga que seja de origem íntima, pois os escolhidos ficam meios abobalhados depois que a transformação se conclui.

Personagens mais importantes[editar]

Vent[editar]

Vent plagiando protagonistas de anime ao mesmo passo que imita um Power Ranger mofando

Cquote1.png Você quis dizer: Megaman humano Cquote2.png
Google sobre Megaman ZX
É o suspeito filho bastardo de Megaman Volnutt com Roll Caskett (o que até hoje não pode ser comprovado pois é teoricamente impossivel uma garota ficar grávida de um robô). Vent é o personagem principal dessa joça (até mais que Aile, já que 90% dos nerds que jogam Megaman só escolhem ele para sair atirando e fudendo com tudo pela frente... machistas!). A verdade é que Vent herdou basicamente tudo de seus provável pai: penteado otaku, visual ridículos, roupas muito gays, sem falar que é extremamente burro ao ponto de não perceber as indiretas de Prairie e outras gostosas do jogo (hum... boiola!). No entanto sua força supera a de muitos outros bastardos que se autodenominavam fodas no universo Megaman, sem falar que é o primeiro protagonista humano da série do robozinho azul.

Aile[editar]

Aile indo fazer mais uma entrega (indo se entregar para você! Tá esperando o que? Agarra logo mermão!!)

Cquote1.png Você quis dizer: Vent mulher Cquote2.png
Google sobre Megaman ZX
É a versão feminina de Vent (ou teria sido Vent que a plagio?). Tão importante quanto o mané já citado, ela é a outra protagonista do jogo feita unicamente para a alegria dos tarados que curtem ficar vendo um hentai enquanto ficam vidrados no videogame. Não se sabe muito sobre sua origem, bem como Vent, sendo que o mais provavel é que ela seja irmã gêmea do idiota citado acima, mas como até sua arvore genealógica deixa a desejar quanto a quem são seus pais, isso pode ser adotado como mais um boato. As unicas coisas que diferenciam Aile de Vent é o seu penteado emo e suas roupas mais afeminadas (bem como o seu corpinho de violão, que deixa Giro babando de tesão). Ela não é lá muito forte, mas sua velocidade em lutas compensa muuuuuuuuuuiiiiiiiito pouco toda a sua frescura, sendo que todos já sabe que sua única função é tirar os macho dos jogo (bem como a maioria dos jogadores) da seca, ou seja, tamile suruba nessa budega!

Giro[editar]

Giro, a versão masculinizada (ou nem tanto) e mal feita da Barbie no ano de 23XX

É um playboyzinho metido a besta que mais parece um cosplay defeituoso da Barbie. Acredita-se ser o filho bastardo de Zero com Ciel (sendo que assim como Megaman e Roll, nada pode ser comprovado a respeito disso). Ele adota os dois marmanjos que protagonizam o jogo obrigando-os a trabalharem pra ele em regime de escravidão (sendo que Vent o ajudava nos assaltos de estrada e Aile em suas necessidades masculinas debaixo dos lençóis). Ele é viciado em café e foi o primeiro indivíduo dessa bosta a conseguir virar um Kamen Rider e sair estraçalhando pobres infelizes que ficam tentando esculhambar com seus negócios na Cafeteria. Infelizmente morreu numa suruba deixando seu mofador com os dois noobs jogáveis.

Prairie[editar]

Prairie em tempos passados quando a série Megaman não era composta por humanoides

Um putinha que vive ajudando Vent e Aile em suas aventuras e se fudendo com Giro nas baladas de sábado a noite. Ela era a meia irmã de Ciel na série "zirou", sendo que depois que cresceu (e ganhou umas curvas juntamente com uma porrada de fãs punheteiros) resolveu mudar de nome sendo que continua viciada em cheiramento de gatinhos. Ela é a lider do BOPE (substituta do Capitão Nascimento) e passa a maior parte do jogo orientando os dois otakus principais a encontrarem os modelos de striper para salvar a cidade do Rio bem como o resto do mundo. Após a morte de Giro, ela ficou batendo siririca pro Vent e sendo constantemente consolada por Aile e seus homens todas as noites em seu quarto (hum...).

Biometais[editar]

Aile demonstrando sua amizade por Vent

Os Biometais, como dito antes, são aquelas cabeças brilhantes que você vê rodando pela tela e que, vale lembrar, não são efeitos causados por drogas. Cada um oferece habilidades especiais e específicas, mas também causa efeitos colaterais que podem ser desastrosos pra quem não souber lidar direito com eles. Eis os brinquedinhos (em ordem alfabética)...


Modelo A: Biometal criado por Albert, ninguém mais que o rei do contrabando e meste supremo dos drogados. Foi feito para armazenar as memórias e os prazeres proporcionados pela maconha para Albert, e garantindo tais poderes a quem morfar com ele. Porém, a maconha ajuda os usuários a ficarem mais autoconfiantes, achando até que possuem tiros teleguiados ou que podem se transformar em seus inimigos copiando seu DNA(?). O modelo escolheu Gray e Ashe por ambos não saberem quem eram e o que fariam da vida e por precisarem de algo para os deixar mais "alegres". A alegria foi tanta, que até o céu rachou e eles lutaram com um lúcifer robótico, mas uma hora o efeito foi grande demais e devido ao aumento da pressão arterial eles morreram.Psicologicamente o usuário se torna um chato que ninguém aguenta, começa a fazer piadas infames, tem a coragem de dizer idéias estupidas além de querer se exibir com as suas habilidades além é claro de ficar mais alegre.Resumindo é alguém irritante, piadista, metido, chato e idiota.

Cquote1.png Que mané Albert, esse Biometal foi feito a partir de mim, eu exijo meus direitos autorais Cquote2.png
Axl sobre Model A

Hora de morfar!!!

Modelo F: O Biometal das Chamas,faz júz ao Fefnir.Deixa o usuário com mais força bruta e oferece dois canhões de braço que ficam guardados nas costas e se encaixam nos braços. Esses canhões podem não só quebrar pedras e blocos grandes e duros, como também pode disparar tiros inteligentes, isto é, seguem um caminho traçado pelo usuário (aliás, essa é a única coisa 'inteligente' que esse biometal faz, pior que isso esse Biometal diminui o Q.I do usuário), além de lançar bolas de fogo imensas e labaredas. O usúario desse Biometal tende a ficar mais bruto e mais machão (um dos bons motivos pelo qual Vent adora usar esse modelo). Claro, isso além de encurtar bastante o pavio do induvíduo. Não, não é o "pavio" de baixo, tô falando da calma que vai pro buraco. Porém, as mulheres, como a Atlas, tendem a virar sapatonas.

Giro plagindo Zero usando o modelo Z com todo o seu poder e estilo super fashion

Modelo H: Este é o Biometal do Vento,faz júz ao Harpuia.(não tem nada a ver com o Vent; é do vento mesmo, aquelas massas de ar que vivem circulando) e dá ao usuário jatos nas costas, nos pés e na cabeça, permitindo-o voar e flutuar. Também dá duas espadas que podem atirar bolas de plasma, redemoinhos e, ainda, manipular eletricidade. O usuário desse Biometal ganha também a capacidade de analisar seus oponentes, permitindo ver os seus pontos fracos. Mais, o usuário também ganha um intelecto maior, coisa que falta ao Vent e é por isso que ele usa bastante. O problema é que o Biometal influencia o usuário com suas tendências gays ocultas, (comprovado pela execução de uma certa técnica de 3 golpes que era utilizado pelo indivíduo que originou esse Biometal) fazendo-o correr o risco de soltar a franga quando menos esperar, coisa que não acontece com Aeolus, por este ser um emogay. Há ainda um rumor não confirmado de que este Biometal faz o usuário ter vontade de assistir a desenhos animados japoneses direcionados para garotas (Shoujo); em específico, algo relacionada a marinheiras; enfim, Sailor Moon... (Ver Megaman Zero)

Vent mais uma vez pega leve com os inimigos... imagine se fosse pesado!

Modelo L: O Biometal do Gelo,faz júz a Leviathan.(que, na verdade, tem uma consciência feminina) permite ao usuário nadar explendidamente bem. Oferece ao indivíduo uma alabarda (uma espécie de lança de dois gumes), que pode formar blocos de gelo e até dragões que vão atrás do inimigo que estiver mais perto. Oferece também a capacidade de scanear o local com o objetivo de localizar, com a ajuda de um Cyber-Elfo (que é uma bolinha brilhante que também não é fruto do uso de drogas) itens escondidos. Esse Biometal é considerado um dos mais problemáticos, pois as usuárias dele tem a femininidade realçada a tal ponto que elas viram ninfomaníacas e passam a se oferecer pra qualquer marmanjo que apareça pela frente (mas, apesar disso, a Aile adora esse Biometal)! Felizmente, nos homens, o efeito é reduzido, mas eles ficam com uma aparência "suspeita". Que diga isso o Thetis...


Modelo O: Esse Biometal esquisito deixa o usuário com uma aparência praticamente idêntica a aquele que o originou, isto é, o Omega, que nada mais é do que um reploid safado que roubou o corpo original do Zero (Megaman Zero) para sair quebrando tudo. Fora isso, o usuário ganha poderes diversos e absurdamente grandes, tais como tiros carregados infinitos, diversos golpes de sabre com os mais variados efeitos (incluindo efeitos elementais) e diferentes rajadas de luz. Por causa desse tamanho poder, o Biometal deixa os usuários com vontade de destruir tudo. Porém, o efeito mais estranho é a vontade incontrolável de fumar maconha. E era por causa disso mesmo que o Omega vivia com os olhos vermelhos...


Modelo P: O Biometal das Sombras,faz júz ao Phantom.Transforma seu usuário num verdadeiro ninja. Com ele, o usuário pode se pendurar em tetos e plataformas, atirar kunais (facas ninja) a rodo e ainda pode executar o Shadow Dash, que o deixa invencível durante uma arrancada. O usuário também ganha a habilidade de monitorar locais com um radar especial, podendo assim, localizar inimigos, portas e passagens secretas. Ainda, o usuário ganha visão mais aguçada em locais escuros. O ponto negativo desse Biometal é que ele faz o usuário ter uma mentalidade de Otaku, o que o faz ter vontade de fazer estripulias diversas (Coisa que, por natureza, a Aile faz e adora fazer), além de também fazê-lo querer jogar games de ninja e assistir a séries "tokusatsu" até não aguentar mais (o que pode levar até semanas, dependendo do quão miolo mole o usuário possa ser). Embora não pareça, Siarnaq é afetado pelos efeitos desse Biometal. Também pudera, que tipo de criatura imita operador de caças militares o tempo inteiro?! Fala sério!


Modelo W: Esse é o Biometal dos bandidos do jogo, faz júz ao Dr. Weil e é também um dos mais estranhos. Na realidade as origens da maldade desse Biometal são mais antigas que o Dr.Weil (sim isso é possivel), tudo começou no século 21, quando o cientista maluco Dr.Wily achou uma energia maligna do espaço sinderal e criou o vírus Roboenza, que deixava robôs malucos e querendo quebrar tudo, depois ele criou o vírus Zero, que foi equipado no Zero (dã), 100 anos depois esse vírus infectou o Sigma, criando o vírus Sigma, ele começou a usa-lo para fazer com que reploids se rebelassem contra os humanos e se tornassem seus seguidores para ele poder dominar o mundo (novidade).Sigma morreu na Lua, mas tudo indica que o vírus ainda existia (mas sem a alma do Sigma nele), então foi criado o anti-vírus Mother-Elf para acabar de vez com ele, o problema foi que outro cientista, o Dr.Weil, modificou o vírus e usou nela, transformando na Dark-Elf, assim ele controlava reploids e espalhava o caos e o terror por aí junto com seu cachorro filho Omega.Graças ao Zero, Weil foi derrotado mas de tanto mexer com a Dark Elf, a energia maligna grudou nele e como ele se fundiu com a nave Ragnarok grudou nela também, e o Biometal W são os pedaços que sobraram da nave. Esse Biometal possui o tamanho de qualquer outro Biometal, mas ele possui núcleo com o dobro do tamanho do Serpent, ou até mais! Pior, existem vários destes (lembra que eu te falei que são pedaços da nave Ragnarok). Os Pseudoroids e Mechaniloids de Albert são equipados com partes desses Biometais. E até Prometheus e Pandora usam esses Biometais, mas no caso deles, são modificados! O usuário desse Biometal possui o poder de manipular o que quiser; objetos, elementos, tudo mesmo. O problema desse Biometal é que ele deixa os seus usuários com uma vontade incontrolável de dominar o mundo, além de torná-los vingativos, obsessivos, rancorosos, frios, orgulhosos, maliciosos, cínicos e traiçoeiros; enfim, tornam-se verdadeiros filhos da p#%@! Há uma informação no jogo que diz que quem usa os Modelos X e Z pode utilizar o Modelo W também. Logo, Vent, Aile e Giro são também filhos da p#%@; ainda mais os dois primeiros, que roubaram o Modelo Z do Giro, para formar o Modelo ZX! Ah, só para constar, parece que esse modelo tende, por motivos escusos, a formar uniformes com tapa-sexo...

O belíssimo modelo X (belíssimo o caralho! A única coisa que presta nessa coisa mesmo é a mina que tá usando a armadura)

Modelo X: Um Biometal clássico, que lembra um pouco o X, o antigo (e bota antigo nisso) herói cabeçudo que, apesar de ingênuo, ferrava com todo mundo e trocou o papel de protagonista na sua série pelo o de coadjuvante na série Zero. Ele oferece aos seus usuários a capacidade de converter seus braços em canhões, capazes de carregar dois tiros de uma vez. Mas a sua maior habilidade é a de oferecer a possibilidade do seu usuário utilizar qualquer outro Biometal que estejam em mãos! Por exemplo, Vent e Aile puderam formar o Modelo X, os Modelos ZX, HX, FX, LX, PX e OX, com formatos bem diferentes dos modelos quando usados sozinhos (Com exceção do OX). Também oferece para os modelos combinados (exceto o ZX), o Overdrive Invoque System, que permite que misturem cargas elementais nos seus ataques (no caso do PX, habilita o Shadow Dash). O problema desse modelo é que ele torna seus usuários bastante sentimentais, mas não a ponto de virar gay ou emo; eles simplesmente ficam sensíveis demais e, por consequencia, irritantes demais além de reclamarem absolutamente de tudo que tem haver com violência. Outro problema que ele deixa os usuários um pouco mais cabeçudos, o que pode acarretar um certo incômodo por causa do peso excessivo.

Uma pequena exibição da utilização dos Biometais

Modelo Z: Outro Biometal clássico, que lembra um pouco o Zero, o herói lendário que quebrava a cara de todo mundo, sendo ele coadjuvante na série X ou protagonista na série Zero (na qual ele botou pra quebrar como nunca). O usuário desse Biometal é munido de um sabre com o qual executa diversos golpes de energia. Já do lado psicológico, ele realça o espírito porradeiro do usuário, o que o leva a detonar e humilhar o seu inimigo, não importa quem seja, além de ficar bastante convencido e desconfiado de tudo, sendo que esse efeito fica pior no Giro já que este é praticamente filho do próprio Zero. Há alguns outros rumores sobre esse Biometal, como, por exemplo, a manifestação de tendências narcisistas (o usuário costuma tratar muito bem o seu cabelo) e a ocorrência de mortes muito prematuras, isto é, os usuários morrem mais cedo. O Giro que o diga...mas afinal, tem que ser foda para ser Zero!

Um noob usando o lendário Modelo CVDMQMLNCDPFDMMX2

Modelo CVDMQMLNCDPFDMMX2: Esse é o modelo do ledário heroi Carinha verde de moto que morre logo no começo da primeira fase do Megaman X2 Muito raro, ninguém sabe a localização certa desse modelo, mas dizem que no último ano, o Capitão Nascimento numa inspeção na casa do Baiano encontrou enterrado dentro de um baú e trancado a uma chave de inox, o Biometal do modelo CVDMQMLNCDPFDMMX2. Este incrível modelo te dá a habilidade de voar, atravessar paredes, causar Critical hits, energia infinita para armas, um canhão igual ao Homem de Ferro, invocar megazords (o que daria em processo dos power rangers) e de pilotar magnificamente motos. O usuário desse Biometal, se acha superior à qualquer um pilotando uma moto, o fato de ele se achar fodão demais, o faz ficar distraído no caminho à sua frente, o que é sua fraqueza, já que com um único tiro, ele pode morrer facilmente em inicios de fases. Este Biometal está atualmente em estudos no QG da tropa de elite, onde o Capitão Nascimento, estuda uma forma de acabar com sua fraqueza de morrer logo nas primeiras fases. irritante, piadista, metida, chata e idiota

A trama[editar]

A série começa uma porrada de anos depois da série Zero. vocês já devem saber que, nela, o Zero bateu as botas depois de fazer picadinho do Dr. Weil, quando este estava usando sua nave gigante, a estação espacial Ragnarök, para dar uma de Cérebro; isto é, dominar o mundo. Pois bem, graças a isso, a terra passou um século de paz e amor. Não, a terra não foi dominada por hippies, foi só uma forma de dizer...

Os protagonistas nada criativos do novo jogo de Megaman... ou seriam os filhos de X com Roll?
Suruba ao máximo

A trama se passa por um lugar chamado de Innerpeace, um lugar criado em pleno Rio de Janeiro por uma gigantesca empresa chamada de Slither Company (Slither = Ecorregada - Suspeito...). Essa empresa é chefiada por Serpent, um emogay parrudão, que não tem essa peculiaridade por menos, pois plantou nesse país prédios com formato de flores; isso tudo feito, claro, através de comícios, paradas gay, desvios de verbas, fraudes, corrupção (bota corrupção nisso) e tráfico de drogas, com direito a muita, mas muita maconha. Bem, Innerpeace segue a risca o seu nome (Paz interna - Soa gay, não?) vive na maior paz e tranquilidade, apesar de volta e meia serem perturbados pelos Mavericks (que são aqueles robôs chatos que possuem aquela maldita teimosia milenar de querer transgredir as 3 leis da robótica) que de vez em quando ficam entediados e saem lá das favelas conhecidas como Outlands pra pentelhar o povo de Innerpeace; mas sempre acabam levando um pé na bunda dos robôs de segurança, que não só patrulham a cidade como também filmam as bundas dos habitantes, para depois o Serpent ir se acabar no banheiro.

De manés a Kamen Riders "heróis"[editar]

Bom, vamos ao que interessa de uma vez: Os pentelhos protagonistas, Vent e Aile. Os dois pirralhos vivem de trabalho forçado numa empresa chamada de Transporters (que são nada menos do que os Correios de Innerpeace), chefiada por um outro tampinha, Girouette (ou apenas Giro), um cara neurótico viciado em café. Giro resgatou os dois de um ataque de Mavericks revoltados, no qual a mãe deles, uma tremenda lesada (assim como os próprios filhos), foi se meter no meio e acabou indo comer capim pela raiz. Desde então, os dois foram postos pra trabalhar em troca de casa e comida. Além de entregar cartas, encomendas e passar por diversos problemas típicos de carteiros, cada um deles fazem um serviço especial para o "cafeinólatra"; Vent recepta, sem saber, cargas de café contrabandeado (e quase sempre arruma encrenca com isso), já Aile faz serviços, digamos, mais "caseiros"... Enfim, ela realiza as fantasias do seu chefe.

Onde tudo começou...ou não.

Um belo dia, os três foram fazer uma entrega especial a uma milícia autoapelidada de Guardians, comandadas por Prairie (A Alouette só que muuuuuuuuuuuuuuuuuito mais gostosa), uma garotinha meiga, sexy e bem invocada. Vent e Aile estranharam pois não costumavam fazer uma entrega juntos, ainda mais com o seu próprio chefe. Mas ficou ainda mais estranho pra eles, pois os três foram logo atacados por Mavericks. No ataque, Vent e Aile são arremessados de um precipício, junto com a encomenda que estavam pra entregar. Mas como vaso ruim não quebra, eles sobrevivem. Giro então, manda eles mexerem seus traseiros gordos e pegarem a encomenda. Eles foram ver a encomenda, que parecia uma cabeça estranha e brilhante. E quando eles foram pegar, deram de cara com a cliente. Melhor, deram de cara com os trabucos dos guarda-costas dela, que nem quiseram saber e já foram berrando: "PARADOS, SEUS MELIANTES!!!". Os dois já iam levar chumbo, mas eles se explicaram a tempo e Prairie pediu para seus guarda-costas baixassem as armas. Mas os problemas não acabaram; claro, elas não podem acabar, senão tudo perde a graça: Uma cobra gigante aparece diante deles. Sei, pode parecer coisa do Naruto, mas o vilão dessa porcaria toda é o Serpent (O Orochimaru no futuro do ano 4/948-149+419/42*178.9 ), então tem a ver (Peraí! Droga, eu falei o nome do vilão e estraguei a surpresa! Ah, que se dane... XD). Bem, como de trata de uma vilão que tem a ver com o Serpent, adivinhe o que ela fez? Isso, ela deu o rabo. Foi com ele nas fuças do guarda-costas da Prairie e os mandou à lona. Quando a cobra ia atacar de novo, Vent e Aile se puseram a protejer Prairie (Nota: Vent fez isso por que acho Prairie muito gostosa; Aile também). E quando estavam os três pra virarem comida de cobra, a cabeça brilhante entra na parada e... PLIN PLIN! Pausa pros comerciais! Mentira...

Vent pronto para mais uma suruba

Um clarão surge! Vent e Aile morfam! Surgem os Power Rangers! Bom, era o que eles pensaram a princípio... A cabeça brilhante se fundiu aos dois, que mandaram chumbo grosso na cobra, que se sentiu triste e saiu fora! A cabeça brilhante, então, revelou o seu nome, Modelo X; o que era, um Biometal; e seu motivo, achou os dois muito fofinhos... Mas Vent e Aile não se deram por satisfeitos: Foram atrás da cobra e arregaçaram a coitada! Ficaram tão contentes com o sucesso que pensaram até em se demitirem da Transporters! É isso aí! Nada mais de bronca por carta entregue ao endereço errado, encomenda quebrada, problemas com cachorros etc. Chega de se meter em furada por causa do Giro (Aile que o diga)! Agora, eles podiam cuidar da vida deles sem ter ninguém pra encher o saco! Bom... Era o que eles pensavam, até descobrirem que o chefe deles também usava um Biometal, o Modelo Z. Só que a tristeza deles não durou muito no fim das contas: Serpent deu um pedala no Giro e começou a controlá-lo usando um outro Biometal, Modelo W! De começo, eles hesitaram, mas era o Giro, droga! Ele os abusava direto! Então, eles fizeram Giro virar peneira. Eles até que estavam com vontade de ir pra galera, mas os dois ficaram acabados depois da batalha. Pra piorar, os Mavericks, que estavam sob o controle do Modelo W, cercaram os dois e se prepararam pra fuzilá-los. Mas, como se tratavam de malditos protagonistas, Vent e Aile não podiam morrer. Então, o criador do jogo forçou a barra com eles e deixou que eles tivessem uma ideia: Roubar e usar o Modelo Z! O Biometal não deu um pio e deu uma mãozinha os dois! E aí... PLIN PLIN! Tô brincando... XD

Vent depois de fazer uma fusãozinha do Modelo X com o Modelo Z(aparentimente lembra o nosso falecido Zero).

Outro clarão surge! Vent e Aile morfam de novo! Surgem os... Ah, chega; isso já perdeu a graça... É Megaman e fim de papo! Voltando, Vent e Aile usaram os dois Biometais, Modelos X e Z! E o espírito porradeiro dos dois cresceu de maneira tão avassaladora, que só precisaram morfar pra fazer os Mavericks sumirem do mapa! E então, eles alcançaram uma nova forma, a que faz jus ao nome do jogo: MEGAMAN MODELO ZX!

Em busca dos Modelos de cinema[editar]

Aile e Prairie após a derrota de Serpent

Depois do ocorrido, a trama se desenrola: Os pirralhos descobrem que tem mais quatro Biometais rodando soltos pelo mundo afora. E pra conseguí-los, teriam que pegar as versões piratas de Megaman, chamado de Pseudoroids, resultado de atividades do comércio ilegal de produtos da Slither Co., feito pelo próprio Serpent! (Bom, ele é vilão, ele tinha que achar isso conveniente) Eram oito desses, cada um com uma metade das informações dos biometais: Hivolt, o galinha, e Hurricaune, a fuinha, detentores do Modelo H; Fistleo, gato invocado, e Flammole, toupeira (em todos os sentidos), do Modelo F; Lurerre, peixe abissal com uma pentelhinha na ponta do pedúnculo e Leganchor, mistura de água-viva com dragão, do Modelo L; e Purprill, macaco de circo (na verdade, ele é de um parque... Mas bem que parece de um circo), e Protectos, rinoceronte rolha-de-poço com um chifre que, na verdade, era um tremendo míssil, do Modelo P. E como se não bastasse, ainda tinha que tirar o couro dos capangas de Serpent, Prometheus (Conhecido também com a "Morte de tapa-sexo") e Pandora (Conhecida também como "Bola de Rugby, por causa do cabeção - só pra constar, ela também tem tapa-sexo. Ficou bem melhor nela do que no Prometheus). E durante todo esse quebra-quebra, eles ainda dão uma de detetives e ficam prourando pistas sobre Serpent e o que ele andou aprontando, que vai muito além do que eu citei anteriormente...

A treta final[editar]

E no fim, como em quase todo fim de série de Power Rangers, os pirralhos invadem a fortaleza inimiga, botam tudo pro ares e vão se ver com o Serpent, que usa o Modelo W e vira algo que parece um integrante do "Village People" versão Corno High Tech (E também com tapa-sexo)! O grandão acaba apanhando, então resolve apelar pro pedação de Modelo W que ele pegou de um poço. Vira um ETzão gigante de focinho e com uma fuça gigantesca no lugar das pernas. Mas, como todo vilão em fim de série ou filme, ele é sovado e morre. Os pirralhos fogem da base de Serpent e dão de cara com ninguém mais que Giro, em sua forma fantasma, pronto para assombrá-los até o fim da vida deles. Felizmente pros pentelhos, ele foi sugado pela garrafa térmica de um certo moleque meio-fantasma. E Vent e Aile então, vivem felizes para sempre, trabalhando para os Guardians... E para uma guria pra lá de gostosa...

Megaman ZX Advent[editar]

Aile mostrando que não cresceu só pra cima. E que peitões lindos hein!
A foto da esquerda é de uma garota chamada Asha, que mora num lugar longínguo chamado Estahaan e a da direita é da Ashe, do título recente Megaman ZXA. Seriam elas irmãs?

Cquote1.png Você quis dizer: Ben 10 Cquote2.png
Google sobre as transformações do Modelo A
Cquote1.png Alguem m diz qual emulador ideau pra rodar Megamen XZ "Advbansed"? Cquote2.png
Noob analfabeto sobre Megaman ZX Advent
Cquote1.png Eu não sou filho do K'!! Cquote2.png
Grey sobre ao perguntarem se ele é um parente do lutador K', da série King of Fighters
Cquote1.png E eu não sou irmã dessa tal Asha! Cquote2.png
Ashe sobre Asha, do jogo Monster World 4
Cquote1.png Oi, eu sou Ash da cidade de Pallet Cquote2.png
Ash sobre Ashe
Cquote1.png Model Albert uma OVA!!! Cquote2.png
Axel se queixando de Copyrights
Cquote1.png Grey, eu sou seu pai! Cquote2.png
Albert sobre Grey
Cquote1.png Naaaaaaaaaaaaaooooooooooo... Cquote2.png
Grey sobre Albert
Cquote1.png Pirataria é crime! Cquote2.png
Zero e X sobre Vent e Aile com os models Z e X
Cquote1.png Eu não sou uma mulher! Apesar de eu ficar bem no corpo da Aile... Cquote2.png
Harpuia sobre Aile com o model H
Cquote1.png Sei que eu sou, bonita e gostosa! E eu sei que você, me olha e me quer! Cquote2.png
Aile sobre ter ficado uma delícia na fase Advent
Cquote1.png E como eu quero... Cquote2.png
Vent sobre o comentário acima, se mantando no 5 contra 1


Megaman ZX Advance Advent é a série que se passa alguns anos depois de Megaman ZX. Depois de dois pirralhos chutarem Serpent, o mundo voltou àquela paz e tranquilidade normal de qualquer história. Até que aparecerem três homens: Master Thomas, Master Mikhail e Master Albert (O porquê do "Master" ninguém sabe...) e formaram a Santissima Trindade os "Sage Trinity", a elite que governa o mundo. Eles são os donos da Legion, a instituição corrupta da vez, mas como este artigo está falando só da primeira temporada de Megaman ZX, globo a gente se vê por aqui!