Laetitia Casta

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Esta página se adequa à Nova Política de Conteúdo Sexual.
Conteúdo impróprio para menores de 18 anos! Tirem as crianças da sala! Este artigo tem conteúdo impróprio para menores!
Este artigo pode conter pornografia pesada ou leve. De preferência, leia-o de olhos fechados...

Se ele estiver cometendo uma infração à Política de Conteúdo Sexual, por favor, reporte à moderação.


Laetitia Casta
Farol-aceso.jpg
Ganhadora do "Melhor Farol Aceso da Europa de 2007"
Origem Bandeira frança.jpgFrança
Data 11 de Março de 1978
Onde trabalha L'Oréal
Talento(s) Possui a incrível capacidade de seduzir franceses
Dados
Cabelos Castanho claro
Olhos Azuis
Altura 1,72
Peso 57
Busto 89
Cintura 60
Quadril 90
Coxa 39
Perfil
Hobby(ies) não usar o sutiã
Característica marcante peitos bem destacados! Sempre
Frase Cquote1.png paru eu chupê, tem qu paguê Cquote2.png
Prêmios Prêmio Mulher que fez um francês se masturbar
Website
Laetitia Casta

Cquote1.png Brega! Cquote2.png
Francês de boina sobre Laetitia Casta

Cquote1.png Baranga! Horrorosa! Cquote2.png
Francês viadão sobre Laetitia Casta

Laetitia Casta, atende também por Gostosa, Boa e Peituda é uma supermodelo francesa internacional e atriz nas horas vagas.

Antes da Fama[editar]

Laetitia em seu traje típico.

Nasceu em um dia amaldiçoado na França filha de mãe normadia e pai corsegano tradicionais, tem um irmão mais velho que virou gay e uma irmã mais nova que hoje trabalha em bordéis na Áustria.

Laetitia teve uma adolescência difícil na França, pois arranjar um namorado era praticamente impossível, e ela não tinha tendências lésbicas. Na tentativa de seduzir algum conterrâneo, Laetitia aprendeu a usar todo sex apel que viria a lhe tornar famosa.

Certa vez, quando estava de férias em uma das várias praias de nudismo de Córsega, um tarado abordou Laetitia Casta e para a felicidade de muitos punheteiros, convenceu a moça a vir a se tornar modelo e compor ensaios fotográficos de lingerie.

Carreira[editar]

Durante a carreira dormiu com vários diretores, fotógrafos e atores, teve filhos com alguns, orgasmos com uns, gonorréia com outros, o que ocorre é que muito do sucesso em sua carreira, se deve a favores que aqueles que dormiram com Laetitia tiveram que cumprir.

Um dos grandes trabalhos de Laetitia Casta foi como garota propaganda da então quase falida linha de produtos de beleza pega-trouxas da L'Oréal. Laetitia conseguiu ressuscitar a empresa e dessa maneira sua carreira se alavancou.

Laetitia passou a posar para uma penca de empresas de beleza que queriam usar a imagem de Laetitia para tentar convencer mulheres normais que se usassem seus produtos ou roupas, poderiam ficar maravilhosamente belas tal qual Laetitia. Alguns empresários, sabendo que o homem é punheteiro por natureza, propôs um acordo bem-sucedido com Laetitia para que ela começasse a aparecer seminua e nua em revistas de propagandas de calcinhas ou então em revistas femininas.

Laetitia no seu traje que todo mundo quer ver.

Com o tempo, Laetitia recebeu o título de rainha dos faróis acesos, pois além de peituda, faz questão de realçar essa qualidade quase nunca usando sutiã e assim desfilando de farol aceso sempre que pode.

Laetitia enjoada de fazer cara de quero sexo e fazer propaganda de sutiãs, começou a atuar em filmes franceses aonde sempre era personagem quaternária sempre em péssimas atuações, mas quando ela mostrava os peitos, todos esqueciam a atuação dela.

Como Laetitia sempre é meio metida, ela se autoproclamou Marianne, a única mulher na história que dormiu com um francês. E depois de Joana d'Arc, Brigitte Bardot e Catherine Deneuve, Laetitia Casta foi até hoje a única mulher que fez algum francês se converter ao heterossexualismo.

Cansada com a dificuldade de conseguir um homem na França, Laetitia se mudou para Londres, aonde foi comida prontamente.


Trabalhos recentes[editar]

Será que bunda da Laetitia fará honra à bunda da Druuna?


Laetitia fez o papel da namorada lésbica no videoclip Te Amo, da cantora ex-hetero e atual militantes lésbica Rihanna. Rihanna declarou que queria mostrar ao mundo que nunca mais ela tomaria porrada de filhos da puta, e escolheu Laetitia como parceira porque ela é gostosa e famosa [1].

Laetitia foi contratada para fazer o papel de Druuna no filme sobre esta heroína. Mas quando Laetitia leu no roteiro a seguinte cena:

Druuna encontra uma casa abandonada. Ela verifica que ainda existe água corrente na casa. Druuna se despe, e entra no chuveiro. Neste momento chegam Ronaud e Christian, dois brutamontes fortes e peludos. Eles entram na casa, e, ouvindo o barulho de água, arrombam a porta do banheiro. Druuna é imobilizada, e, no chuveiro, é violentada pelos brutamontes, com uma penetração simultânea vaginal e anal. (...)

ela ficou muito puta, rasgou o contrato, mandou o empresário enfiar no cu e foda-se a multa contratual de 10 bilhões de dólares, e respondeu:

- Je suis française, et jamais une française irá faire une scene em que tome le bain! Bain c'est contre l'espirit de France! Vive la France, e que se foutre les amércains!!! [2]

Referências[editar]

  1. Tá, Rihanna também é gostosa e famosa. Mas ela queria mesmo era pegar a Megan Fox, mas fica mal dizer isso
  2. Tradução para os ignorantes que não entendem porra nenhuma de francês: Eu sou francesa, e uma francesa jamais fará uma cena em que toma banho! O banho é contra o espírito da França! - etc, o resto até um idiota consegue entender