Jeb Bush

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para navegação Ir para pesquisar
Cquote1.svg Isso é o que eu vô fazer com o Oriente Médio Cquote2.svg

Cquote1.svg Porra, até o Trump seria melhor do que essa porra, caralho! Cquote2.svg
Dercy Gonçalves Mãe do Bush[1] sobre Jeb

John Elvis Ellis "Jeb" Bushmann (Bush 45, para os íntimos) é a versão mais jovem do George W. Bush. Originalmente um Mickey Fantasiado da Disneylândia, assim como 90% dos Republicanos da Florida, Bush 45 é o defensor de medidas como Invadir o Iraque™, Invadir o Irã e Invadir mais um país árabe de sua escolha. Também já foi defensor do Trump, mas desistiu quando descobriu que ele seria seu rival nas primárias republicanas, e portanto um xenófobo que governará para o Lobby das perucas. O eleitorado de Bush é composto por lobbistas da Flórida, amigos do Bush43 (Não os eleitores, estes votam em Marco Rubio), Ex-Trotskistas Convertidos à Direita e Muçulmanos suicidas. Por estas definições, é possível perceber que seu cabinete é uma casa de loucos.

Plano de Governo[editar]

Invasão do Irã[editar]

Mahmoud Ahmadinejad, sendo torturado.

Yes check1.png Pró: A primeira coisa que Bush faria como presidente, seria aqueles que disseram que ele nunca conseguiria governar os Estados Unidos e manda-los uma foto com suas ex-namoradas usando a faixa presidencial. A segunda mais importante seria invadir o Irã, sendo a guerra uma atividade tão importante para o país quanto a sua Constituição. Assim, deverá se reconstruir o Irã depois da guerra, todavia como provavelmente 97% da população iraniana morrerá com a guerra é melhor deixar o país destruído mesmo.

No check.png Contra: O Irã estava invadido, parecia bom, mas ninguém havia se dado conta de que a isso mancharia ainda mais a imagem dos Estados Unidos entre os Muçulmanos que voltariam a reagir agredir os Estados Unidos com atentados. Assim os Muçulmanos voltariam a fazer atentados contra os EUA, e é por causa disso que os Democratas nunca invadiram nenhum país do Oriente Médio, fazendo com que os Estados Unidos se tornasse refém seguro contra os Muçulmanos.

Comparação entre os Bushes[editar]

George H. W. Bush George W. Bush Jeb Bush
George hw bush pitching.gif
Gwbwar.jpg
Jeb Bush.jpg
Palavras intencionalmente ambíguas para afirmar que ele é realmente Conservador "Jovem-e-suave conservador" "Conservador Compassivo" "Conservador Comprometido" (Então, para dar ênfase, "Eu sou meu próprio homem")
Cortes de gastos futuros falsos para que o Bush Troll aumente os Impostos , novos impostos para a primeira guerra do Iraque Symbol oppose vote.svg Não; apenas "estabilidade" contínuos cortes temporários de gastos durante 2 anos Disse em um Comitê da Câmara em 2012 que aumentaria 10x para poder dobrá-los
Como os Democratas arruinaram sua carreira fazendo exatamente o que eles pediram "Leia meus lábios!" (1) Democratas na CIA informam que Saddam está comprando armas de destruição em massa;
(2) Pelosi, informada sobre uma simulação de afogamento, declara uma tortura chocante enquanto sorri acenando com a cabeça.;
(3) Bernanke and Geithner explodiram a economia logo antes das eleições.
(Ansioso para cumpriar as ordens dos Democratas sem ser solicitado)
Fidelidade às promessas de campanha "Leia meus lábios!" "Eu sou contra a construção da nação." (Várias promessas ainda em fase de testes)
Fui (de volta) para o Iraque após atentados aos direitos humanos sem justificação legal particular? Symbol support vote.svg Sim; "Curdos e o Kuwait" Symbol support vote.svg Sim; "Armas de destruição em massa" Symbol support vote.svg Provavelmente; "ISIS e o Boko Haram"
Anistia para Aliens ilegais? Symbol support vote.svg Sim Symbol oppose vote.svg Não. Queria, mas destruiu todo o seu "Capital Político" antes Symbol support vote.svg Sim; Ficar além dos seus vistos é uma prova de amor-à-nação
Taxar o dinheiro dos banqueiros ricos? Symbol support vote.svg Sim; Resgate de poupança e emprestimo Symbol support vote.svg Yes; TARP bail-out Symbol support vote.svg Probably; Sementes da próxima Mortgage Meltdown estão sendo plantadas agora
Waterloo pessoal Olhando para o seu relógio de pulso a espera da Democracia acabar Voando sobre os desastres do Furacão Katrina enquanto deseja que tivessem mais crianças na escola para ler história em quadrinhos. (Falando no Telefone)

Referências