Jane Foster

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
I love nerds.jpg

Sim, nerds gostosas existem!
E por mais que você não acredite, este artigo trata sobre uma delas!

Natalie Portman, a cosplayer oficial de Jane Foster no cinema.

Cquote1.svg Mim Tarzan, ela Jane! Cquote2.svg
Tarzan sobre Jane Porter Foster
Cquote1.svg Orgulho da profissão! Cquote2.svg
Florence Nightingale sobre Jane Foster
Cquote1.svg Mas que patifaria é essa?! Cquote2.svg
Thor sobre Jane Foster ser a nova Thor

Jodie Jane Porter Foster é a mulher do Tarzan após trocar a selva por Asgard e o marido por Thor. Foi criada por Stan Lee no início dos anos 60 e passou muitos anos como uma reles coadjuvante desconhecida, até fazer sua estreia no Universo Cinematográfico Marvel em 2011. Desde então sua popularidade aumentou e hoje ela até puxou o tapete do próprio Thor nos quadrinhos.

Sobre ela[editar]

Logo que veio para a Terra, Thor assumiu a identidade secreta de Donald Blake, um médico manco que trabalhava em um hospital de Nova Iorque. Foi ali que ele conheceu a então enfermeira Jane Foster, por quem se apaixonou perdidamente. Como Jane não sentia o menor tesão pelo doutor deficiente, Thor acabou revelando sua verdadeira personalidade a ela, que ficou toda atiçada por aquele loirão musculoso. Sabendo agora que o Dr. Blake na realidade é o alterego do deus do trovão, Jane nem pensa duas vezes em aceitar quando é pedida em casamento por ele. Thor decide levar a amada a Asgard para apresentá-la ao papai Odin, mas o sogrão não aprova que a noiva do filhote seja uma mortal e exige que ele se case com sua namoradinha de infância Sif.

Para garantir que Jane e Thor se separassem de vez, Odin apagou a memória da ex-quase-nora e a mandou de volta para a Terra, mas prova que no fundo é um deus misericordioso e cria um clone do filho para ocupar seu lugar como médico no hospital. Assim, Jane se apaixona pelo impostor e casa-se com ele, mesmo sem lembrar porra nenhuma de seu relacionamento com Thor.

Doença e reformulação[editar]

A vida de Jane começa a virar uma desgraceira atrás da outra. Primeiro ela perde o marido e o filho em um acidente de carro, e logo depois é diagnosticada com câncer de mama. Vendo ali uma excelente oportunidade de reconquistá-la, Thor tenta levá-la de volta a Asgard prometendo um tratamento milagroso oferecido pelos deuses. Jane recusa a oferta e prefere a quimioterapia tradicional, então Odin decide recompensá-la por sua hombridade e a adota como filha, retirando os poderes de Thor para puni-lo por sua desobediência e transferindo-os para ela. Desde então, Jane tornou-se a nova super-heroína e deusa conhecida como Thor, enquanto o próprio foi rebaixado a ser chamado apenas de Odinson.