James (Pokémon)

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Bush-besta.jpg "Não, cê é burro cara, que loucura..."

Este artigo é sobre algo ou alguém burro ou completamente imbecil.

E acredita na imparcialidade jornalística da Rede Globo.



James コジロウ Kojirō

James0.png

Ocupação Membro da Rocket-Dan
Informações
Cidade natal Zonas de São
Região Atualmente em Isshu
Idade 23 no Anime e 31 no Mangá
Nível de habilidade Predefinição:038
Principal Pokémon Yamask
Perfil
Família Roberto Justus (pai), Silvio Santos (Tio) e Bill Gates (Padrinho)
Sonho Parar de queimar o cosmo
Frase Favorita Cquote1.png Aaaai, como to bandida! Cquote2.png
James

Cquote1.png Você quis dizer: mordomo? Cquote2.png
Google sobre James.
Cquote1.png Nosso maior cliente. Cquote2.png
Clã Yamanaka sobre James (Pokémon)
Cquote1.png James, I am your father! Cquote2.png
Afrodite de Peixes sobre James (Pokémon)
Cquote1.png Não faz jus ao nome que lhe foi batizado Cquote2.png
James Bond sobre James (Pokémon)
Cquote1.png Não sei qual de nos é o vilão mais idiota dos animes Cquote2.png
Shu (Dragon Ball) sobre James (Pokémon)

Trazendo a Bandeja[editar]

James, que pra mim é um nome de mordomo inglês... mas quem mais tem mordomos senão os ingleses? Pelo menos naqueles filmes do tempo de São Mixericó os mordomos são todos James. Mas nesse caso se trata do James da Equipe Rocket, que faz dupla com a Jessie aquela ruivinha nervosa e gostosa. James começou a série Pokémon como um cara meio rebelde e marginal por opção, e até parecia legal, mas depois foram o transformando num imbecil que parece nem saber onde está. E foi assim que decidiram que ele seria no restante todo da série. E ninguém que tenha o Q.I. maior do que um a autêntica ameba consegue entender porque um cara jovem, saudável, maior de idade, de família abestada abastada, seria tão mongo daquele jeito.

Jeito de não ser[editar]

James tentando alcançar a Gostosura de Jessie. Não, James não é traveco, isso é mais uma de suas indefinições.

Mongo não seria a palavra porque esse personagem foge de qualquer tentativa lógica de dar-lhe uma personalidade, apesar de não sofrer de múltiplas delas também, é que não se pode entender o comportamento dele, mesmo tentando. É sempre a mesma coisa, entoa junto com a Jessie aquela apresentação da Equipe Rocket, dá muito espaço para aquele gatinho, o Meowth, que apesar de ser um especial pokémon falante, não deveria ser um integrante independente, mas sim pertencer a um dos dois, ser treinado e se dar por muito feliz. Então James faz umas bobeiras que você não consegue classificar como herói, nem antiherói, nem vilão, e então decola com a maior cara de mané e reclamando. Seria uma comédia pastelão se ao menos tivesse graça.

O melhor que ele faz é entoar o "Encrenca em dobro", e no início aparecia com um figurino de fazer inveja aos guarda roupas de estrelas hollyoodianas (óóóh!), mas depois passou a aparecer vestido de tudo que porcaria, até de caralho gigante. Falando em caralho, James parece nem saber se tem um. Essas roupas de Jessie e James, servem de inspiração tanto para quem quer ser mangaka, quanto para que quer ser estilista de moda. Falando em coisas frescas, nem biba o James pode ser, apesar de também não parecer homem, nem bi, resumindo: não é porra nenhuma.

Trajetória sem trajeto[editar]

James pensando que é Dean.
Veja como James usa armas ameaçadoras para oprimir seus oponentes.

James só tem tentativas, nenhuma conquista, e o pior é que as tentativas são todas de pegar pokémons idiotas pra levar pro imbecil do Giovani. Uma das melhores tentativas de James foi tentar comer a Jessie, e mesmo assim falhou.

James foi um piá (perdão pelo regionalismo) que teve tudo que quis por ser playboyzinho, mas depois, como nada é perfeito, tentaram fazer ele se casar aos dezesseis anos, e a guria era bastante gostosa, mas não há cassete que aguente casar tendo entrado em tão poucas tocas. Por não casar James perdeu sua herança, e não sendo uma Suzane von Richthofen ele preferiu simplesmente deixar seus pais, mas isso não explica seu comportamento de ameba.

Treinando pokémons ele também não vale muita coisa, mas isso nem deveria o abalar muito, nem é preciso dizer que os pokémons dele são classificados como porcaria, embora não sejam dos mais esquisitos, mas ora, não sou eu nem você quem manda nessa porra.

James pra completar sua desgraça tem o cabelo azul um pouco mais escuro que o da Bulma, mas isso não o impediria de pegar umas gostosas, mas isso não ocorre mesmo, ele poderia tentar, tipo o Brock e até poderia se sair melhor que ele, mas por enquanto eles só comem piranha ou galinha quando ingerem alimentos, mas o Brock ao menos tenta.

Decolagens[editar]

Renda-se agora ou prepare-se para chupar (chupar o que mesmo?).

As decolagens de James consistem no seguinte: quando tenta capturar Pokémons para aquele Giovani, que ele deveria mais é mandar ir tomar no cu, porque esse Giovani é um escravocrata e os faz de trouxa mesmo, sem nem direitos trabalhistas, o James enfia o pé na jaca e algum pokémon manda ele pro espaço, então os roteiristas dessa porra sempre o fazem aparecer em um lugar bem fodido.

Ser corno: pior que qualquer decolagem.

Esse foguete sempre explode em plena decolagem e tem um pouso desastroso. Imagine que desde que começou Pokémon o James está nisso com tanta coisa melhor que ele poderia fazer: comer a Jessie por exemplo, mas mesmo com essa comédia pastelão e da muito ruim, a Equipe Rocket é quem dá um pouco de graça e esse anime/manga, além de serem os que dão um visual melhor... eu me refiro à gostosa Jessie, o James e o gatinho falante Meowth porque aqueles outros integrantes da Equipe Rocket nem pra isso servem.

Eles dão um pouco de ação, que poderia ser bem melhor, mesmo com a monguice, mas fazer o que. James no geral aparece impecável com a fragrante rosa na mão, mas em seguida está com a cara raspada, arranhado, sujo, machucado, enfim: todo fodido mesmo... e se ganhasse muita coisa com isso valeria o esforço, mas não ganha, parece um assalariado.

Já se pensou se o caso dele não é masoquismo, mas até hoje não há nenhuma conclusão a não ser essa: A Reza não leva a nada. Se não entendeu explico, o James vive lamuriando o lema a Reza da Equipe Rocket ao invés de mudar de atitude e não adianta nada, e a mesma coisa com um certos lugares bastante religiosos e lotados de igrejas que vive de rezas e orações, e continua sempre a mesma merda.

O culpado é sempre o mordomo James[editar]

Esse James sim deve ser culpado de algo...
James preparando uma bela injeção de um Vírus nada letal anti-gripal para sí mesmo.

Realmente James é subserviente (que palavrinha...) igual a um mordomo, mas se ele fosse um mordomo a bandeja viveria caindo de suas mãos não por monguice, mas por falta de sorte. E também os objetos costumam pular das mãos de personalidades indefinidas ou confusas, é sério: isso é Matrix.

...mas ao contrário do mordomo, James nunca é culpado, mas é o maior laranja do mundo, mordomos também tem fama de inteligentes, quanto ao James, nem é preciso comentar. A única proeza que ninguém descobriu até hoje, feita por James, é de onde ele tira tantas rosas, todas sempre em sua maior florescência. Professor Caralho já quis saber o segredo, mas James decolou antes que pudesse responder.

Imagens[editar]

Pokémons de James[editar]

Seus pokemons possuem a personalidade parecida com a dele, não fazem nada mas sempre tomam no rabo como se fizessem um grande mal, embora sejam bichos bem interessantes até onde um pokémontedebosta pode ser, e poderiam ser bem treinados, eles são desfavorecidos pela falta de imaginação dos criadores (não de pokémons), os criadores da série mesmo. Mas agora segue alguns dos pobres bichinhos de James:


Ver também[editar]