Helena Ranaldi

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Bandeira do Estado de São Paulo.svg.jpg Salve, mano! Este artigo é paulista: não gosta de gaúcho nem de carioca e se acha um puta trabalhador, né, meu! E não tá completo, pois o vacilão foi tomar um chôps e dois pastel, meu!
Helena Ranaldi Nogueira
Bdecdcdaabbac helena ranaldi.jpg
Ranaldi lendo seu artigo na Desciclopédia
Nascimento 24 de maio de 1966
Bandeira do Brasil Brasil
Ocupação Atriz
Altura 1,72m
Peso 55 kg
Cabelo Moreno

Helena Ronaldinho Ranaldi é uma modelatriz brasileira que já está bem coroa, mas continua uma puta gostosa.

História de vida[editar]

Nasceu em São Paulo, onde teve uma infância na qual foi diagnosticada com esquizofrenia aos 10 anos de idade, por falar sozinha na frente do espelho de sua mãe. Como desculpa, ela justifica que fazia isso para treinar suas habilidades artísticas para ser atriz.

Ainda na juventude, começou a trabalhar como modelo, fazendo alguns comerciais para a televisão. Atingiu seu auge em 1989, quando foi uma das cinco finalistas do concurso Supermodel of the World, o que levou-a a se mudar para o Rio de Janeiro, onde começou a frequentar um curso de teatro. Pouco tempo depois, participou de um teste do sofá realizado pela Rede Manchete para atuar em Ana Raio e Zé Trovão. Ficou trabalhando naquela emissora falida entre 1990 e 1991, até que foi descoberta pela Rede Globo em 1992.

Seus trabalhos consistiam basicamente em interpretar figurantes aleatórias, mas em 1993 conseguiu aplicar o golpe do baú em Ricardo Waddington, que era seu diretor na telenovela Olho por Olho. Como engravidou dele, ambos se casaram e assim Ranaldi passou a garantir bons papéis em praticamente toda novela que participava.

Em 1996, foi apresentadora do Fantástico ao lado de Pedro Bial, o que deixou seu então marido podre de ciúme. Ela acabou deixando o programa dominical para interpretar uma das protagonistas de Anjo de Mim, também dirigida por Waddington.

A partir de 2000, começou a ser chamada para atuar em todas as novelas escritas por Manoel Carlos. Porém, ela ironicamente não chegou a interpretar nenhuma personagem chamada Helena.

Em 2010 foi colocada para encher linguiça em Malhação, indicando que sua carreira está sofrendo com uma grave decadência.

Sua mais recente aparição na televisão brasileira foi em 2015 durante o CQC, quando invadiu o palco para dar raquetadas em Dan Stulbach e se vingar por ter apanhado do ator durante a novela Mulheres Apaixonadas, em que ambos foram um casal, digamos, problemático.