HAL Laboratory

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

HAL Laboratory é uma famosa indústria japonesa onde são fabricados Halls de todas cores e sabores, e eventualmente também sai de lá algum joguinho de videogame infanto-juvenil que todo mundo gosta mais tem vergonha de assumir ser homossexual.

História[editar]

Fundada em 1980, a HAL Laboratory destacou-se por produzir joguinhos divertidos e inocentes para garotinhos juvenis criados pela avó a base de leite ovomaltino com pera repugnando qualquer tipo de violência gráfica ou matança exagerada e exasperada, visando conquistar o público de garotinhas que ainda estava muito carente de jogos fofulentos, mas claro que a ideia fracassou, pois as poucas garotas que jogavam videogame eram sapatões na década de 80.

Foi então que a empresa lançou Kirby em 1992, momento em que foi instantaneamente comprada pela Nintendo, pois uma bola rosa, fofa e assexual sem dúvidas tinha tudo para ser um personagem exclusivo da Nintendo.

O auge.

O auge da HAL Laboratory veio em 1998 com Pokémon Stadium 2, época em que 8 de cada 5 crianças do mundo, inclusive as crianças tuvaluanas, tinham um Nintendo 64 e sabiam decorados o nome e a ordem dos então 300 pokémons, ter Pókémon Stadium 2 e um card do Blastoise era obrigação de qualquer criança que desejasse ser aceita num convívio social.

Mas o tempo passou, e a Nintendo fez o favor de estragar tudo com as porcarias de GameCube e Wii, consoles fail que quase levaram a HAL Laboratory à falência. Sorte que na falta de subsidiárias melhores, a Nintendo incumbiu a empresa de fazer todos Super Smash Bros., talvez o único jogo que mais ou menos preste para essas duas gerações da Nintendo.

Atualmente, os funcionários da HAL Laboratory vivem de férias em Tangamandápio e produzem um Kirby ou outro, feito nas coxas, apenas para conseguirem um dinheirinho a mais para comprarem mais tequila. Em 10 anos lançaram apenas o tal Kirby Epic Yarn para o Nintendo Wii, um jogo que é tão podre que até sua irmãzinha de 10 anos sente vergonha alheia de jogá-lo. O jeito foi ter lançado então Kirby's Return to Dream Land nada inovador.

Jogos[editar]