Extrema-esquerda

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Exploding-head.gif

Aviso: as idiotices escritas neste artigo podem explodir o seu cérebro!

Hammer and sickle.png Este artigo foi aprovado pelo Conselho de Proteção à Moral da Família Soviética como sendo livre de conteúdo subversivo.
Wikisplode.gif
Para os neo-ateus que preferem acreditar em mentiras, os supostos experts da Wikipédia têm um artigo sobre: Extrema-esquerda.
O destro Karl Marx jogava no polo esquerdo do campo.

Cquote1.png Você quis dizer: PC do B? Cquote2.png
Google sobre Extrema-esquerda
Cquote1.png Você quis dizer: KKK Cquote2.png
Google sobre Extrema-esquerda
Cquote1.png Experimente também: Surdez Cquote2.png
Sugestão do Google para Extrema-esquerda
Cquote1.png Isso é coisa do demônio! Cquote2.png
Crente sobre extrema-esquerda.
Cquote1.png Se eu disse que tá certo então tá certo, porra! Cquote2.png
Ditador de extrema-esquerda no Facebook.
Cquote1.png Mãe, lava essa derrapada na minha cueca! Cquote2.png
Anal-quista mostrando que é autônomo e radical.
Cquote1.png Por mim eu matava mais de mil que sô cabra hómi!! Cquote2.png
Jeremias Pinochet sobre extrema-esquerda.

Um extremista de esquerda

A Extrema Esquerda é uma forma de filosofia política dividida em duas facções: a primeira defende a estatização de tudo que se move na face da terra, os marxistas-leninistas. Já a segunda quer acabar com a propriedade privada e o Estado, os chamados anal-quistas. Nenhuma das duas jamais conseguiu porra nenhuma. A primeira apenas conseguiu impor uma ditadura no Facebook. Já os segundos só conseguiram abolir a proibição de fumar maconha no DCE. Existe também uma terceira facção criminosa que é mais uma sub-divisão das outras duas e se chama esquerda identitária, ou simplesmente lacradores da lacração lacrada. Esses vivem de patrulhar cada vídeo ou publicação nas redes sociais com o intuito de escrever textões sobre o quanto tal publicação é homofóbica-machista-sexista-fascista-nazista-racista-marista-satanista-ista-ista-ista e por isso aquele que postou o vídeo ou publicação deveria ser colocado a ferros, torturado e jogado numa masmorra para apodrecer pelo resto da vida (a menos que você seja da turma da lacração) Contudo, se o Senhor Lacração souber de algum di menó que tenha roubado algum cidadão e enfiado uma bala na cabeça do mesmo, o lacrador vai dizer que ele é uma vítima do descaso da sociedade e só está devolvendo a violência que recebeu em sua vida, e, por isso, é inocente.

Surgimento da extrema-esquerda[editar]

Em 1800 e guaraná de rolha, um assaltante de coxinhas alemãs chamado Klaus Marx invadiu a Oktoberfest, fez 17 loiras nuas de refém e exigiu que os meios de produção fossem entregues ao Costinha. A operação foi conhecida como O Capital e rendeu dois best sellers vendidos na Amazon por um preço amazing! Costinha, então, passou um baita tempo sem fazer nada e os russos, que estavam num dia muito tedioso acharam legal fazer uma revolução. Um tal de Lenin liderou a Revolução Bolchevique (mais tarde se arrependeu por não ter transformado a palavra bolchevique em grife de bolsas). Nascia a Reversal Russa. Ou a Reversal Russa nascia você. Costinha terminou este período sem fazer nada e saiu da história sem mais nem menos.

Extrema-esquerda no Brasil[editar]

A extrema-esquerda no Bostil é totalmente patética. Enquanto na Mãe Rússia os caras botaram para fudê, mandando uma caralhada para o fuzilamento ou para a Gulag, e na China o tio Mao Tsé-Tung sentou a vara sem dó na japaiada durante a Segunda Guerra e depois arregaçou o rabo do Kuomintang, no Bananil, tudo o que a extrema-esquerda conseguiu foi tomar pancada de Getúlio Vargas em 1935, depois tomaram pancada do Dutra em 1947 e a última e definitiva arregaçada anal dos militares em 1964. Finalmente, depois de muitas violações anais, conseguiram uma pequena vitória quando o capitalista malvadão Mark Zuckerberg, ou schlomo do Facebook, criou uma rede social que, mais tarde, foi expropriada pelos esquerdistas e transformada em ditadura SJW.

Hoje, em vez de mandar os seus inimigos para a Gulag, a extrema-esquerda vive de tentar mandar seus desafetos para o reino do ostracismo social, numa tradição que remonta a escravista Grécia Antiga. Para isso, possuem milhares de agentes lacradores no Facebook e Youtube. Ficam patrulhando diariamente as ações de milhões de indivíduos na esperança de que algum derrape e escreva algo que possa custar ao mesmo a punição do terrível textão.

A punição do terrível textão foi criada pelo teórico de extrema-esquerda e bibona comedora de pica Jean Wyllys (sim, com dois Ys). O principal objetivo do terrível textão é que todas as páginas e canais de esquerda reproduzam seu conteúdo para que o indivíduo condenado por machismo-fascismo-ismo--ismo-cristianismo-racismo-budismo-machismo-chupapaudorismo tenha sua vida totalmente arruinada e nunca mais possa arrumar trabalho, sair de casa ou se aproximar de outro ser humano novamente. Isso se explica pelo fato de que, para a extrema-esquerda, só assassinos, estupradores, torturadores, traficantes e terroristas podem ter uma segunda chance na vida, pois todos esses foram vítimas das injustiças da estrutura social capitalista-machista-patriarcal-fascista-racista-bonapartista em que vivemos. Já o terrível criminoso que ousou postar algo no Facebook ou no Youtube que não agrada à extrema-esquerda deve sofrer pelo resto de sua miserável vida.

Ver também[editar]

Mirror2.jpg Conheça também a versão oposta de Extrema-esquerda no Mundo do Contra:

Espelhonomdc.jpg