Evangeline Lilly

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
ESTE ARTIGO É SOBRE UMA GOSTOSA!!

Ela provavelmente não sabe atuar, dançar, cantar, desfilar, praticar esportes, fazer cálculos matemáticos ou qualquer coisa de útil para a humanidade. Mas quem liga? Todo mundo a conhece apenas porque ela é uma baita duma

GOSTOSA

Loira tatuada.jpg


Esta página se adequa à Nova Política de Conteúdo Sexual.
Conteúdo impróprio para menores de 18 anos! Tirem as crianças da sala! Este artigo tem conteúdo impróprio para menores!
Este artigo pode conter pornografia pesada ou leve. De preferência, leia-o de olhos fechados...

Se ele estiver cometendo uma infração à Política de Conteúdo Sexual, por favor, reporte à moderação.


Nicole Evangeline Lilly
Evangeline Lilly.jpg
Nascimento 3 de agosto de 1979
Fort Saskatchewan Bandeira do Canadá Canadá
Ocupação Atriz, escritora, Miss sexo anal e modelo
Altura 1,68m
Peso 55 kg
Olhos Verdes Sedutores
Cabelo Quase sempre morena

Cquote1.png Você quis dizer: Vespa Cquote2.png
Google sobre Evangeline Lilly
Cquote1.png Você quis dizer: Tauriel Cquote2.png
Google sobre Evangeline Lilly
Cquote1.png Você quis dizer: menina que você se masturbava, enquanto assistia Lost Cquote2.png
Google sobre Evangeline Lilly

Nicole Evangeline Lilly é uma atriz, milf, modelo, escritora canadense e vencedora do Miss Sexo Anal Canadá. É conhecida por seus papéis como Kate Austen, a adorável profissional do sexo na aclamada série de televisão Lost, como a gostosa elfa Tauriel na saga dos filmes de O Hobbit (A Desolação de Smaug, A Batalha dos Cinco Exércitos), e como a milf Hope Van Dyne, a Vespa em Homem-Formiga e Homem-Formiga e a Vespa


Biografia[editar]

Lilly nasceu em Fort Saskatchewan, Alberta, Canadá, em uma família cristã evangélica. Seu pai é professor de economia doméstica e sua mãe consultora. Lilly tem duas irmãs e, como eram evangélicas durante a infância, a família não dispunha de um aparelho de televisão em casa, e como não tinham nada para fazer, acabaram por se distrair com sexo lésbico depois que chegavam da escola. Lilly já demonstrava um grande interesse por masturbação anal, e suas irmãs brincavam com qual objeto maior conseguiriam enfiar na região anal da irmã.

Como eram evangélicas, e as irmãs precisavam se manter virgens, levavam garotos para orgias no fundo da igreja que envolviam simplesmente sexo anal. Lilly foi a única das irmãs que acabou aperfeiçoando sua técnica de dupla penetração anal, e acabou se destacando pela sua selvageria no seu manuseio de piroca.

Como era muito bonita, Lilly acabou ingressando como modelo, e foi descoberta nas ruas de Kelowna, Colúmbia Britânica, pela Agência de Modelos Ford. Apesar de ter assinado com a Agência Ford ela nunca atuou como modelo fashion, ao invés disso, no setor de interpretação que eles possuíam, que logo descobriram de sua fama como menina prodígio na arte do sexo anal, e aproveitaram isso.

Lilly venceu o concurso Miss Sexo Anal Canadá, em que praticou a impensável tripla penetração junto ao seu orifício anal com pênis relativamente bem grossos. Com o dinheiro que ganhou com seu exímio talento com sexo anal, Lilly entra para University of British Columbia, em que se formou em ciências dramáticas e conquistou Phd em dilatação anal e pompoarismo. Com tantas orgias inesquecíveis na faculdade, Lilly acabou conhecendo vários contatos em Hollywood, e já acabou se envolvendo com o mercado.

sua emblemática personagem Kate Austen.

Carreira[editar]

NewBouncywikilogo.gif
Para aqueles sem senso de humor, os espertalhões da Wikipédia têm um artigo (pouco confiável) sobre: Evangeline Lilly.

Com o sucesso de sua personagem em Lost, ela foi votada para o Breakout Stars de 2004 pela Entertainment Weekly e em 2007 foi eleita pela TV Guide como a mulher mais gostosa da TV, e ainda ficou em oitavo lugar na lista das 100 mulheres mais sexy do mundo do FHM de 2006 e ficou com o segundo lugar na lista Hot 100 da Maxim, em 2005[5], no 67º lugar na lista de 2006 e no 68° na lista de 2007. Evangeline é uma atriz tão foda que foi indicada para o Globo de Ouro na categoria de melhor atriz em série de drama, sua atuação na série também lhe conquistou, ao total, 6 indicações consecutivas ao Saturn Awards na categoria melhor atriz em série de drama.


O desempenho no sexo anal de Lilly continuou impecável, ganhando um Primetime Emmy Awards de melhor performance anal de 2005 no seriado Lost. Lilly teve até bonecos de ação inspirados em sua personagem Kate Austen lançados durante as férias de 2006, sendo um sucesso de vendas no mercado punheteiro de nerds.

Com o término de suas filmagens em Lost, Lilly aceitou o convite do diretor Peter Jackson a participar no filme O Hobbit: A desolação de Smaug segundo filme da franquia O Hobbit, baseado na obra de J.R.R Tolkien, onde é a única personagem feminina do filme, que aliás nem estava presente nos livros, mas Jackson achou que o filme precisaria de uma gostosa no elenco, e assim veio o convite. Em 2014, Lilly volta a interpretar a elfa Tauriel na sequencia O Hobbit: A Batalha dos Cinco Exércitos último filme da trilogia.

Em 2015, Lilly estrela o filme de super-herói Homem-Formiga, da Marvel, ao lado de Paul Rudd e Michael Douglas, em que interpreta Hope Van Dyne, uma cientista gostosa que consola seu solitário pai com sexo oral. Nesse filme, seu par romântico é o Homem-Formiga, um herói que consegue aumentar e diminuir seu corpo, e consequentemente aumenta o tamanho de seu pau. Em 2017, na continuação dessa franquia, Hope vira a Vespa, tendo o mesmos poderes que o Homem-Formiga, mas podendo voar.

Em 2019, Lilly irá participar do filme Vingadores:Ultimato, do qual irá ter a maior orgia de super-heróis já feita na história do cinema.

Vida Pessoal[editar]

Lilly foi casada com o jogador canadense de hockey Murray Hone e, em 2009, reatou um namoro com o colega de trabalho, o também ator da série Lost, Dominic Monaghan. Seus apelidos conhecidos são "Evie" e "Monkey" (macaca), este último colocado pelos colegas de elenco devido sua grande habilidade para subir em árvores, que ela incorporou em sua personagem. Seu amigo de filmagens, o ator de Lost, Josh Holloway a apelidou de "Freckles" (Sardenta), incorporando um apelido que o seu personagem Sawyer deu à personagem dela, depois que ele ejacula na cara dela. Também é conhecida nos sets de filmagens devido a seu comportamento de garoto, sua fé cristã, sua "boca de veludo" e principalmente sua dilatação anal.

Lilly trabalha com organizações sem fins lucrativos, como a Campanha GO Fuck A MILF, da qual atrizes de Hollywood tiram a virgindade de adolescentes necessitados na América do Sul. Em 2009, ela leiloou lingeries personalizadas em apoio a Task Brasil, uma organização sem fins lucrativos dedicada a ajudar os meninos do Brasil a ingressarem em prostíbulos, proporcionando-lhes sexo seguro. Em 2010, ela leiloou três almoços com final feliz em Vancouver, Honolulu, e Los Angeles para ajudar viúvas e órfãos em Ruanda, um país onde ela fez inúmeras viagens como parte de seu trabalho de caridade, transando com enormes pirocudos nativos que a recebem com toda selvageria romântica disponível.

Cena que rendeu um Primetime Emmy Awards de melhor performance anal de 2005 no seriado Lost.