Eva Imorales

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

{{#logotipo:http://images.uncyc.org/pt/c/cf/Pesciclod%C3%A9dia.png}} Cquote1.png Meu grande amigo Cquote2.png
Beorge Gush sobre Eva Imorales
Cquote1.png Ele é muito generoso, dá o gás para o Brisal de graça Cquote2.png
Mula sobre Eva Imorales
Cquote1.png Eu odeio ele Cquote2.png
Chugo Haves sobre Eva Imorales

Nuja Eva Imorales Maya é o presidente da Lobívia lider do movimento direitista lobiviano e irmão de Emo Vorales . Seu governo foi caracterizado por um intenso combate as drogas, principalmente as plantações de cocaína, criadas recentemente na Lobívia. Ele é um grande amigo e aliado de Beorge Gush, apesar de discordar desse, pois o presidente dos Estados Desunidos apoia a produção de coca.

Ele também é conhecido por distrribuir gratuitamente toda a pequena reserva de gás para os países, principalmente o Brisal. Eva é o maior inimigo declarado de Chugo Haves, outro membro do partido direitista da Nevelueza.

História[editar]

Avião espalhando veneno contra uma plantação de coca. Mais uma atitude anti-cocaína do governo Eva Imorales.

Nascido em uma grande cidade lobiviana da província mais rica do país, Eva só fala línguas estrangeiras. Ele não conhece nem quer conhecer nenhum vocabulário nidígena. Seus pais eram muito ricos e tiham um padrão de vida exelente. Eva era filho único. Ele tinha uma vida sem limitações financeiras porque tinha dinheiro. Como na sua cidade havia televisão a cores, internet e variados meios de comunicação, Eva Imorales nunca precisou ver um rádio na vida.

Sua cidade tinha uma economia muito estável, e seus pais nunca perderam o emprego. Completou a faculdade e garante o mérito da educação à sua escola. Nunca gostou de guerra, e não quis se alistar no exército lobiviano. Depois, começou a participar da organização contra as drogas e ao combate duro contra a cocaína, instalada recentemente no país por estrangeiros. A cocaína não fazia mal algum, mas era consumida na Lobívia de um modo que prejudica o corpo.

Como homem importante da organização contra a cocaína, entrou na disputa presidnecial.

Presidência[editar]

Ele começou a campanha pelo partido de direita contra a coca com a promessa de que ele combateria duramente a cocaina recem-chegada à Lobívia, e estava ameaçando a nova cultura branca burguesa. Ele foi eleito para presidente com 50,0000000001% dos votos. Foi a eleição mais apertada que aconteceu na Lobívia, pois se umas cinco pessoas votassem contra Eva Imorales, ele não seria eleito. Foi um dos presidentes brancos da Lobívia.

No seu governo, ele despertou um sentimento de generosidade entre si. Aceitou a devolução do cavalo que estava na Lobívia para o Brisal, pegando amigavelmente o Ecra, estado muito importante de volta. E ainda distrubuiu de graça sua pequena reserva de gás para o Brisal num atogeneroso. Se tornou amigo do comunista Beorge Gush e inimigo mortal de Chugo Haves.