Energéticos

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Mugabe e Ahmadinejad, raros energéticos que mostram a cara em público.

Energéticos (em chavoniano: Energúmenos) são os sujeitos mais mortalmente odiados do México. Como movimentam a economia nacional, eles são os culpados pela alta inflação do país, pelo aumento abusivo no preço dos sucos de limão que parecem tamarindo e que tem gosto de groselha, pelo alto índice de imigrantes mexicanos ilegais que fogem de seu país e tentam entrar desesperadamente nos Estados Unidos, e pela caganeira que eu tive ontem.

Características[editar]

Apesar de serem milionários, os energéticos são pessoas obscuras. Como são os culpados por todos os problemas da humanidade, eles ficam escondidos em seus escritórios, com medo de serem linchados.

Estão presentes em todos os países, até mesmo no Brasil, onde adotam o nome de senador. Porém, a maior concentração dessa corja é mesmo no México, mais precisamente em Acapulco, onde eles se reúnem na beira da piscina para discutir em quantos % irão aumentar os já altíssimos impostos.

Atualmente, apesar de todas as manifestações populares para tirar esses sujeitos dos cargos públicos, eles continuam no poder, nadando em dinheiro e aumentando sem parar as taxas de todos os países do mundo.

Funções[editar]

Nenhuma. A única coisa que eles fazem é controlar a economia nacional, e levar a culpa de todos os problemas do mundo. Quebrou aquele vaso caríssimo que a sua mãe ganhou de casamento? É só botar a culpa nos energéticos, que a velha não te dará uma surra de cinta. Pelo contrário, ela engolirá a sua historinha furada, e começará a xingar incessantemente os energéticos.