Desnotícias:Evento do Miss China Gay é censurado

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Desnoticias logo.png

Este artigo é parte do Desnotícias, a sua fonte de ignorância 24 horas por dia.

Agente do governo levantando a espada para os participantes

BEIJIN, China - Faltando pouco menos de uma hora para a realização do concurso "Miss China Gay 2010" (ui!), as autoridades chinesas chegaram ao bordel à boate onde se realizaria o primeiro concurso dessa natureza e meteram o cacete em todo mundo.

Cquote1.png A polícia chegou dando porrada e depois perguntando por que o concurso seria organizado. Adoramos assim, primeiro o cacete, só depois conversamos Cquote2.png, disse à imprensa o organizador, Ben Bih Xa, fundador do site Gayographic.

O organizador do evento

Segundo a imprensa chinesa (que só é menos tendenciosa que a Veja), a comissão organizadora do evento não pediu autorização pro evento.

O realizador disse que não pediu pros agentes do governo entrarem antes porque era uma festinha particular para um grupo de empresários e jogadores de futebol de renome internacional.

Esta não é a primeira vez em que as autoridades chinesas cancelam um evento relacionado à comunidade gay minutos antes de seu início: em 2005, as autoridades cancelaram o primeiro festival de cultura gay que seria organizado em Pequim alegando viadagem. No ano seguinte, um organizador de eventos gays foi preso por assistir ao filme "O Segredo de Brokeback Mountain", que curiosamente foi dirigido por um chinês.

A vencedora do concurso viajaria para a Noruega, onde disputaria o Miss Universo Gay.



Fontes[editar]