Deslivros:200 dicas para criar uma desentrevista sem uso de clichês sem graça

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
HUMOR INTERNO
Batata desciclo sem texto.gif
Não entende esse artigo? Será Humor Privado? Que nada! É Humor Interno, registre-se na Desciclopédia para entender a piada (ou não)!
Batata desciclo sem texto.gif
Deslivros4.png
Nuvola apps bookcase.png
Este artigo é parte do Deslivros, a sua biblioteca livre de conteúdo.

Este deslivro é parte do acervo de desmanuais Nuclear-explosion.jpg

Um leitor após sofrer infarto cerebral centupante durante a leitura de uma Desentrevista mais chata que testemunha de Jeová.

jegue caro leitor! Você é um editor da Desciclopédia? Deseja escrever uma Desentrevista? Caso queira, então desista! escreva! Mas saiba que antes é necessário seguir alguns requisitos básicos, para que a sua Desentrevista não seja um mero artigo enchedor de linguiça e que sua leitura não sirva apenas para perder tempo ou matar neurônios do leitor. Se quiser criar uma Desentrevista, antes leia esses mandamentos que exemplificam alguns clichês desses artigos que devem ser evitados:

  • 1. NÃO MATE O REPÓRTER: Alguns usuários, quando vai escrever sua Desentrevista, pensa em várias coisas envolvendo o entrevistado e o repórter, mas depois que começa a pôr em prática, toda a criatividade se esvai como a luz num buraco negro, e desesperado para acabar com a merda que já começou, resolve matar o repórter para terminar o artigo da forma mais básica e favelamente ridícula possível. Para isso, só digo uma coisa: ESSE É O PIOR FINAL DE UMA ENTREVISTA! Quer que o repórter se ferre no final? Ótimo! Só não o mate, pois isso já ficou batido demais... faça outra coisa com ele... ( ͡° ͜ʖ ͡°)
  • 2. FORMATE A PÁGINA: Nós da Desciclopédia somos mais frescos que uma socialite. O artigo deve ser bonito e não emporcalhado como a tua mãe, ou seja: com imagens interessantes que ocupe pouca visibilidade do artigo, frases escritas que tenha sentido e perguntas separadas das respostas por tópicos lindamente executados. Resumidamente, queremos um artigo que esbanje purpurina e Glitter na cara de quem tá lendo...
  • 4. NÃO CRIE UMA HISTÓRIA: Ô coisa mais irritante que primo pequeno! Aprenda algo: uma pessoa vai ler uma Desentrevista esperando algo como perguntas e respostas engraçadas entre o entrevistado e o repórter, não um bate-papo furado da internet que resultará num final digno de novela das nove...
Após ler esses primeiros tópicos, analise sua Desentrevista por um momento... uhum... uhum... já leu? Pois é... CONTINUA UMA BOSTA!
  • 5. SEJA ENGRAÇADO E NÃO APENAS IDIOTA: Não tem muito o que se falar aqui, na criação de uma Desentrevista, faça perguntas engraçadas com respostas mais engraçadas ainda. Sim, eu sei que é difícil pois seu cérebro não está totalmente formado para executar essa exigência, mas pela falta de capacidade, siga esse exemplo:
Pergunta: O que é cheiro-verde?
Resposta: O peido do Hulk. (hihihihihi)
  • 6. TENHA COMO O ENTREVISTADO ALGUÉM DESINTERESSANTE: Pelamôr, não vai me dizer que sua vítima seu entrevistado era um mudo? Carai borracha, numa Desentrevista, tenha em mente um entrevistado que responda as perguntas, em geral de forma engraçada, portanto, não coloque o Alexandre Frota como o "interrogado", pois possivelmente o único conteúdo que terá de relevante das falas dele será dele ficar falando de pênis, vagina, pênis, ânus, crianças, pênis, pênis, etc... pênis.
  • 7. FAÇA PERGUNTAS E RESPOSTAS CURIOSAS: Há pessoas que perguntam ao Tiririca qual é o conceito básico da constituição da matéria em suas propriedades e transformações. PORTANTO, não faça uma pergunta que resultará no desmaio coletivo de ambos, aprenda a perguntar! Questione os interesses e passatempos ao máximo, até extrair informações criminosas... E APROVEITE PARA SACANEAR: Não esqueça que ainda existe brasileiros que não sabem que a Desciclopédia é um palco de escrotice em palavras, e é muito capaz que aquela tiazona da feira resolva mexer na internet á procura de uma entrevista de seu ídolo Zeca Camargo, e sem saber, visualize nossa Desentrevista dele com respostas peculiares do cantor de voz acústica dizendo que curte dar uns rolezin no prostíbulo.
  • LOL? Você achou que eram 200 sugestões? Só você mesmo, jegue!