Desentrevistas:Servidor da Desciclopédia

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa


Desentrevistas.gif

Este artigo é parte do Desentrevistas, a sua coleção de fofocas informações sobre as pessoas famosas.

Eis o nosso entrevistado de Hoje

Boa noite, descíclopes. Hoje estamos no Canadá, mais especificamente na região da tundra, próximos à fronteira com o Pólo Norte, a Rússia e o Acre. Vamos entrevistar o Servidor da Desciclopédia, a razão de todos estarmos aqui unidos hoje, pois a nossa existência depende deste ser, e não me refiro a Chuck Norris. Uuh, aqui está fazendo um frio do demônio.

Boa noite, Servidor da Desciclopédia[editar]

Boa noite, caro desrepórter. Há muito tempo que eu não falo com um descíclope, eh?

Para iniciar, como você consegue sobreviver aqui neste fim de mundo?[editar]

Nem ser tão isolado assim o Canadá, eh? Às vezes eu consigo caçar umas marmotas azuis que vivem próximas daqui, e aí dar para sobreviver por uma bom tempo, eh? E o Desciclopédia precisar de um lugar de difícil acesso para evitar ações malignas, certo?

Você tem razão. Então você deve ser também o webmaster de outros projetos semelhantes, tô certo?[editar]

Oh yes, eu também fico mantendo servidores de outras 42 desciclopédias comigo. O problema ser eu aparecer nesses desciclopédias, porque tem lugar que ninguém fala inglês, como é o caso da desciclopédia de Acre, por exemplo. Já tive até que atender a administradores que falam Klingon em suas páginas, eh?

Como você se tornou servidor da Desciclopédia?[editar]

Isso foi lá em 1900 e guaraná com rolha, quando eu era um dos melhores caçadores de marmotas azuis de todo o Canadá, eh? Minha casa tinha grande proteção contra neve e tempestades causadas por ira dos deuses malignos de Destruipédia. Por isso, quando Deus criou a Desciclopédia, ele desceu até aqui e me pediu para guardar o servidor contra as forças do mal. Então Deus me nomeou servidor da Desciclopédia e me deu um carregamento de Poção da vida eterna, que durará enquanto eu ser webmaster, e o dom de entender fundamentos básicos de todos os idiomas falados no Terra, mas sem grande profundidade em cada idioma, porque isso nem Ele conseguiu, eh?

E o hardware usado é de boa qualidade?[editar]

Well, eu utilizar um computador que já foi considerado o melhor do mundo, mas isso foi há alguns anos, eu não lembrar direito. Deve ser uma milagre o Desciclopédia inteiro funcionar a partir do meu computador. Eu saber dos quedas constantes do Desciclopédia, mas isso fazer parte, eh?

O que você faz quando alguém tenta processar a Desciclopédia por difamação?[editar]

Eu apenas alegar que o processo acontece sempre no domicílio do réu, o que já acaba com 90% desses processos porque ninguém quer me procurar aqui no Canadá. Os outros que insistem no processo devem passar pelos mafagafos-das-neves que vivem por aqui e ajudam a proteger o servidor, e mesmo os que conseguem passar, talvez por vestir roupa amarelo, não sobreviver à minha habilidade de caçador de marmotas azuis. Meu velho espingarda, que foi até para a Guerra de Secessão dos nossos vizinhos, não perdoar ninguém, eh?

Por que a Desciclopédia vive saindo do ar?[editar]

Os deuses malignos do Destruipédia vivem lançando pragas aqui, e às vezes o saravá funciona, eh? Da última vez que nevou por quarenta dias e quarenta noites seguidos, o Desciclopédia ficou fora do ar durante esse tempo, porque os cabos de barbante ficaram todos congelados. Valer ressaltar que me deram apenas internet discada pra mim usar. A velocidade é em torno de -0,0000001 dinobytes, aquela usada nos Ipedras primitivos que o sinal ainda era 0,0001G, e isso me deixa muito lento.

Muito obrigado pela participação, Servidor[editar]

De nada, meu caro repórter. O Desciclopédia não poder parar, eh?

De repente, o servidor trava...