Cristão

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Bento 16 saudando.jpg E nomine patris et filii et spiritus sancti!

Este artigo foi criado por um cristão devoto. Ele vai à igreja todos os domingos com o intuito maior de tomar vinho louvar o SENHOR. Se você vandalizar, Javé Deus te mandará sem hesitar para o inferno!

Va-a-merda-porra-(Luiz-Carlos-Alborghetti).gif Este artigo pretende ser ofensivo!

Se você não se sentiu ofendido, edite-o até se ofender.

E se se sentiu ofendido, VÁ A MERDA, PORRA!!!
264939.jpg ATENÇÃO:
Simplesmente estamos cagando e andando para quem não gostar do conteúdo deste artigo e, por conseguinte, das opiniões e sugestões dos mesmos. We just couldn't care less.

Cquote1.png Você quis dizer: Cristo Grande Cquote2.png
Google sobre Cristão
Cquote1.png Experimente também: Satanismo Cquote2.png
Sugestão do Google para Cristão
Cquote1.png Hahahaha!!!! Cquote2.png
Kerry King sobre cristãos
Cquote1.png Minha religião não me permite. Cquote2.png
Cristão sobre qualquer coisa
Cquote1.png Sou do exército jovem de Jesus! Cquote2.png
Adolescente cristão retardado
Cquote1.png Vai passando o dízimo pra cá, irmão, pois Deus tem um grande plano pra você. Essa flanela é ungida com as bençãos de Deus, passe-o nos móveis de sua casa e sua vida será mais abençoada! Apenas R$50. Não tem dinheiro? Tudo bem, aceitamos cartões! Cquote2.png
Pastor sobre cristão
Cquote1.png Amém! Cquote2.png
Cristão sobre pastor
Cquote1.png Isso só pode ser obra de Jesus, irmão! Cquote2.png
Cristã idosa sobre qualquer coisa que acontece de bom na vida dela
Cquote1.png Obra? E por acaso sou pedreiro, porra? Cquote2.png
Jesus sobre frase acima
Cquote1.png Hmpf... apóstatas... crêem na religião falsa... Cquote2.png
Testemunha de Jeová sobre católicos e evangélicos
Cquote1.png Aleluia!! Cquote2.png
Gorda louca gritando no culto

Divindade máxima do cristianismo.

Cristão, comumente chamado de Crista Grande ou crente, é o nome dado aos seguidores da doutrina de Jesus Cristo, um dos heróis mais famosos da Marvel. Entre suas atividades estão não fazer nada que Deus não permita, seguir à risca um livro escrito há mais de dois milênios que já passou por mais mãos que a sua avó, gritar Aleluia! nos cultos e ajudar o pastor a financiar seu carro com os dízimos. Reúnem-se duas ou mais vezes por semanas em grandes salões chamados de igreja, onde sentam em cadeiras de plástico e sofrem com o calor devido aos ventiladores quebrados. Vestem-se com roupas sociais, mesmo no interior do Ceará, e sempre estão com uma Bíblia debaixo do braço, além de terem um galo enorme na testa, tornando-os facilmente reconhecíveis entre as pessoas normais a sociedade. Estão por todo mundo, compondo mais de 90% da fé de alguns países (20% são crianças forçadas a irem na igreja, 20% são pessoas alucinadas e o resto são pastores e padres). Ávidos seguidores do cristianismo, são movidos pelo medo de caírem para o inferno se beijarem na boca antes do casamento.

Breve história[editar]

Os cristãos surgiram na seita judaica chamada Cristianismo, que pregava a vinda de um judeuzinho chamado Jesus ao mundo por meio da gravidez de uma virgem. Desde então, veio seduzindo apóstolos para espalhar a palavra de seu pai por todo o mundo, assim queimando mulheres acusadas de bruxaria, destruindo templos pagãos, matando aqueles que não beijavam o pé dos padres e tocando o terror, pois Jesus pregava o amor entre os povos e mesmo para aqueles que não acreditavam nele (que acabariam indo para o inferno mais tarde), e no final de tudo, ele acabou sendo o pregado da história. Sua imagem na cruz é venerada por todos os cristãos, sendo item obrigatório de decoração em igrejas, casas, clubes, escolas e demais repartições públicas.

Houve um tempo onde o Império Romano estava prestes a cair. O imperador Constantino teve uma brilhante jogada de marketing naquele dia, que faria sua nação prosperar e ter todo seu povo se curvando para ele, pois na época, só ele era cristão. Fingiu que viu Jesus no sol e começou a dizer que ele abençoou todo mundo ali. E, claro, sem questionar, como todo bom cristão, todos os romanos se curvaram a ele. Não faz muito sentido, faz? Pois é, o cristianismo também não, mas continuemos.

À partir da Idade Média, onde quem não era cristão morria com um pedaço de ferro enfiado no cu, o número de adeptos cresceu exponencialmente. Mulheres que se vestiam de preto foram queimadas, acusadas de bruxaria, e deram lugar a lindas moças virgens com roupas em tons pasteis. As culturas nórdicas foram destruídas, e lindas casinhas e vilarejos logo se tornaram casarões de pedra e ouro onde padres praticavam pedofilia e falavam que Jesus era o salvador. Ou seja, um roteiro de filme de ação: o vilão chega e fala que quer destruir o mundo antigo para dar início a uma nova Era cheia de seguidores fieis. E deu certo, nesse caso. Os cristãos, que antes eram supostamente perseguidos, agora começavam a perseguir todo mundo que não cria em Jesus. Matavam judeus, pagãos, cachorros (não acreditavam em Jesus), etc.

O plano maléfico estava dando certo. Todos viravam cristãos, queriam eles ou não. O amor de Jesus foi propagado pelo mundo, incendiando aqueles que decidiam não acreditar nele e condenando à tortura eterna aqueles que não davam dízimo para o pastor comprar seu novo apartamento frente à praia. Os cristãos deram início às navegações, vindo aqui pro Brasil para obrigar índios a se curvarem para Jesus e dizendo que os negros foram amaldiçoados por ele por não acreditarem no livrinho mágico. Assim, o Cristianismo foi se tornando a maior religião do mundo, cheia de amor, paz e histórias bonitas contadas de geração para geração.


Costumes cristãos[editar]

Cristão pensativo... mas só até onde a religião o permite pensar.
  • Não transar antes do casamento
  • Não usar drogas ou álcool
  • Não ir para baladas
  • Não beijar na boca de um não-cristão
  • Não ser homossexual
  • Não questionar a palavra de Deus
  • Dar o dízimo para o pastor mobiliar sua casa
  • Decorar a casa com objetos cristãos, como ímãs de geladeira, cruzes, camisetas com o rosto de Jesus
  • Votar no Jair Bolsonaro
  • Ser contra o aborto
  • Ser contra a legalização das drogas
  • Espalhar o amor de Jesus pelo mundo, dizendo que quem não acredita nele vai para o inferno
Semblante de um cristão.

Os cristãos brigam muito entre si, porque um é católico, o outro é evangélico, outro batista, outro mórmon, outro Testemunha de Jeová... Todos tem as suas peculiaridades, mas em resumo, é tudo idiota a mesma coisa. Há essa richa de quem crê mais ou menos em Jesus enquanto os pastores estão curtindo suas férias em Miami. Qualquer um que não seja da religião daquela pessoa, é taxada como pagã, protestante, espírita ou satanista. Como por exemplo os mórmons, que são protestantes, mas negam. É tudo a mesma bizarrice de cristão, só muda o endereço.

Cristãos também dizem muitas coisas repetidas, como se fossem robôs (na verdade, o são). Entre elas:

  • Jesus morreu por você, sendo que você não tem nada a ver com isso;
  • Jesus te ama, mas você não ama ele;
  • Jesus é o salvador, irmão!, e também a capital da Bahia;
  • Jesus está voltando!, a respeito de qualquer evento que aconteça no mundo;
  • Graças à Jesus!, sobre coisas boas que acontecem na vida da pessoa;
  • Isso é Satanás agindo!, sobre coisas ruins que acontecem na vida da pessoa;
  • A Bíblia diz que..., frase dita para qualquer coisa.

Outro costume cristão notável é o compartilhamento de correntes no Facebook à respeito de Jesus, igreja e situações do cotidiano que envolvem Deus. Dizer que fazem parte de um "exército de salvação", ou "armada de Jesus", vestindo camisetas com esses dizeres ou com o próprio rosto de Jesus estampado, também é normal, inclusive entre jovens.

À respeito da Bíblia, os cristãos seguem apenas as partes que lhes convém, como se fosse um livrinho de regras e não um conjunto de cartas enviadas por apóstolos às cidades. Um verdadeiro cristão não ousa questionar sobre a veracidade daquilo, apenas escuta o pastor falando sobre, aceita e lhe paga o dízimo. Não há problema nenhum em transportar a cultura de dois milênios atrás para os dias atuais, e quem achar isso, com certeza é um pagão que merece ser queimado em uma fogueira. É pecado questionar a palavra de Deus, e quem não aceitar o amor cristão vai direto para o colo do capeta!

Belo carro, não? Foi seu dízimo que comprou!

Algumas igrejas possuem regras de conduta para homens e mulheres, como, por exemplo, o cabelo comprido e o rosto sem barba. As mulheres cristãs levam isso muito à sério, e não apenas a cabeça fica cheia de cabelo, como também o suvaco, as pernas, a bunda e os braços. Vaidade é pecado, as igrejas cristãs abominam, mas os pastores agem com a maior soberba ao falar de sua "fé" para o mundo. Abominam, também, a homossexualidade e, como já dito acima, o sexo antes do casamento. Porém, essa última ninguém leva a sério. Não fosse isso, não existiria a famosa frase crente do cu quente. Eu sei, caro descíclope, que você já conheceu uma cristã que o que mais queria fazer era cair na tentação do demônio. O homossexualismo é contra a natureza de Deus, afinal, ele é fiscal de cu e se preocupa com o buraco que cada ser humano na Terra enfia o pênis. Gays são aceitos, porém são encorajados a lutar contra a obra demoníaca que é a homossexualidade, que blasfema contra a ordem natural de Deus.


Ver Também[editar]