Copa Libertadores da América de 1963

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

A Copa Libertadores da América de 1963 foi mais uma daquelas Libertadores antigas que só serviam pra entregar títulos grátis para os clubes (o Independiente que eu diga). Dessa vez a Sardinhas foram campeãs de novo, mas demoraram mais de 50 anos para repetir o feito.

Primeira Fase[editar]

Dessa vez foi o Botafogo (que na época tinha um time aceitável) que se fudeu ao ter que viajar lá pra onde Judas perdeu as Botas encarar os Millonarios e a Alianza Lima, houve até o caso onde o Millonarios, já na lanterninha do grupo, desistiu de ir pro Brasil para economizar dinheiro e evitar o estupro (Algo que deveria ser feito até os dias de hoje) perdendo de W.O.. O Botafogo, que estava com o time reserva, conseguiu a 4 vitórias consecutivas para alegria de meia-duzia de torcedores, como pode ser visto:

Equipe Pts J V E D GP GC SG
Buatafogo escudochorao.jpgTime reserva do Botafogo 8 4 4 0 0 6 1 +5
Escudo do Alianza Lima.png Laranja Lima 3 4 1 1 2 2 3 -1
Escudo do Millonarios.png Inútil 1 4 0 1 3 0 4 -4
A foto resume tudo, grandes jogadores em preto e branco, um resumo perfeito das Libertadores antigas.

Outra inovação nessa Libertadores foi que expulsaram a Bolívia após 3 eliminações seguidas na primeira fase (se bem que hoje em dia é a mesma coisa), fora isso o Peñarol e Boca Juniors passaram de fase, mas você não veio aqui para saber disso.

Semifinais e Finais[editar]

A parte notória desse campeonato (ninguém liga para a fase de grupos) começou com o primeiro confronto entre Brasileiros em uma Libertadores, Santos de Pelé e o Botafogo de Garrincha, as múmias que todo mundo adora mas não torce, a menos que você seja velho, muito velho. Com isso, no 1º jogo o Santos empataria em São Paulo mesmo que o Garrincha não estivesse jogando. Mas como todo tiozão de Bar sabe, o Botafogo seria estuprado no Maracanã e faria seu primeiro grande vexame na Libertadores, num 4 a 0 nervoso para o Santos.

Houve também a final depois, mas a graça desse campeonato foi mais em ver o Botafogo se fuder, contudo o Santos venceria o Boca Juniors duas vezes na final, jogando até no Maracanã o jogo de ida só para sacanear os cariocas para depois vencer o Boca Junior na La Bombonera, se sagrando Bi-Campeão da Libertadores, Como pode se ver:

Jogo Equipe 1 Total Equipe 2 Ida Volta
1 Escudo do Santos.png Time principal do Santos 4–7 Escudo do Boca Juniors.png Boca-Boca 1–2 3–2
Copa Libertadores da América de 1963
Escudo do Santos.png
Pelé

(2° título)

Ver também[editar]