Confessionário

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Va-a-merda-porra-(Luiz-Carlos-Alborghetti).gif Este artigo pretende ser ofensivo!

Se você não se sentiu ofendido, edite-o até se ofender.

E se se sentiu ofendido, VÁ A MERDA, PORRA!!!


Cquote1.png Tenho medo. Cquote2.png
Regina Duarte sobre Confessionário
Cquote1.png Isso Non Ecziste!! Cquote2.png
Padre Quevedo negando a verdade
Cquote1.png O que é isso? Cquote2.png
Guria Retardada sobre Confesionário
Cquote1.png Já fui mais de mil!!!! Cquote2.png
Jeremias sobre Confessionário
Cquote1.png Nunca fui, e nunca irei! Cquote2.png
Eu sobre Confessionário
Cquote1.png Tenho medo. Cquote2.png
Bozo sobre Confessionário
Cquote1.png Padre, quanto vale 137 pecados vezes 52 pecados? Cquote2.png
Pecador horando suas divídas com Deus
Cquote1.png Em nome do Pai, do Filho, e do Espírito Santo, Amém. Cquote2.png
Padre mandando dizer pra encerrar o assunto

Confessionário ou Sala de Dentista 2 é o nome de um meio de interrogatório e tortura criado pela Igreja para espionar a vida das pessoas e saber de seus segredos íntimos.

História[editar]

Na Idade Média a vida das pessoas era extremamente ditada pela igreja. Controlavam completamente tudo. Eram donos do rei, que por sinal era escravo até mesmo da rainha. E também do bobo, do soldado, do padre, do conselheiro, da escrava da rainha, da escrava da escrava da rainha, da escrava da escrava da escrava da rainha, e do rei do reino mais próximo, mais homem, que passava por ali apenas para encher o saco dele. Quem passasse da linha seria regrado. E havia muitas formas. Note que isso foi antes da invenção do CD e que por isso os prisioneiros não eram torturados com as canções satânicas do RBD (um alívio a menos). Entretanto nada impedia que sádicos criassem, a cada vez, uma coisa ou outra. E essa grande coisa foi criada. Batizada como Confessionário, seu desempenho foi epetacular, quebrando todas as leis de tortura existentes. Tudo ia bem até entrada (alheia, claro) da Idade Moderna. A igreja foi rebaixada, e assim como o Tabajara Futebol Clube, ficou na merda. Todos os seus instrumentos foram guardados ou vendidos para algum colecionador sádico.

Idade Moderna[editar]

No século XV as rainhas da Europa iniciaram o processo das Grandes Navegações. Vagabundos, tarados, gays, assassinos e entidades religiosas, para pararem de encher o saco na terra natal, foram parar no outro lado do oceano. Como a lei ali era fraca os missionários safados decidiram iniciar um processo de catequização ao seu modo: à força. Pegaram os índios e começaram a colocá-los no Confessionário. Logo começavam a saber sobre seus segredos íntimos. A Corte percebu o potencial do instrumento e o usou como meio de interrogatorio para descobrir o caminho até a Cidade Perdida das Amazonas e o Acre. Com um novo decreto, o objeto foi legalizado e logo começaram a ser construídas por todo o país junto com igrejas. E continua assim até hoje.

Frequentadores assíduos do Confessionário[editar]

O banheiro mais próximo no meio do mato.

P.S: A lista de pessoas aqui representadas são geralmente loucos infelizes ou leitores da Desciclopédia ignorantes, e que acabaram de sair do hospício. É sugerido que não se aproxime de tais.

Personalidadedes no Confessionáio[editar]

Não é apenas você, ou Tua Avó (se ainda possuir uma) que o frequentam. Celebridades e subcelebridades também fazem parte da lista. Dizem que Galvão Bueno teria descoberto sua vocação para gritar durante o interrogatório. Hitler sempre tinha um Confessionario próprio no quarto para suas atividades noturnas com seus ministros e generais. Mac Agnold, diretor da MasterCard, já teve um pequeno problema com um dos padres no passado. Mas tudo saiu bem (exceto o Reverendo que desapareceu misteriosamente).

Esquema Padre Sacana[editar]

Exemplo de um padre e sua vítima inocente.

O Esquema Padre Sacana é muito simples. Não é característica do Confessionário, e sim do carrasco. Ninguém sabe exatamente compreender a mente de uma pessoa, embora mais insana o seja. E se por exemplo você entrar e se encontrar com um padre gay ou tarado, você se torna uma presa fácil. Afinal uma das regras do Confessionário é que o carrasco sempre tem o direito a fazer qualquer tipo de ação contra o infeliz. O Esquema Padre Sacana nunca possuiu qualquer ligação com o Confessionário. O Esquema apenas faz com que o padre tarado se aproveite da vítima indefesa.

O Confessionário na História[editar]

O que os seus olhos não veem, o corpo sente.

Onde há antidemocracia e ditadura, ele estará lá. Onde houver corrupção, tortura e abuso, ele estará lá. A História do Confessionário já passou por várias etapas. Na Idade Média recebeu um apoio fundamental. Na Rússia o Confessionário sempre irá atras de você. Stálin admitiu abertamente seu uso coletivo para dominar tanto a população como a si mesmo (?) . Por toda a América Latina ali estava ele. Ou na companhia de Pinochet ou na presença de Francisco Solano López, ou conversando com Médici. No Brasil era o preferido pelos militares. Não havia nenhum objeto de tortura que o igualasse. Mas, você se pergunta, ou se não pergunta é idiota: Como é que na igreja nós aceitamos ser torturados? Bem em primeiro lugar os padres usam uma espécie de tortura psicológica (da mente idiota). A tortura é só usada em casos especiais quando o indivíduo resiste em falar ou porque a própria pessoa gosta disso (embora seja mil vezes preferido ter sonhos eróticos com uma mulher o torturando, e não com um padre). E como as pessoas aceitam isso? Há dois motivos: ou são idiotas ou porque acreditam que Deus aprova isso. A tortura física foi o que mais marcou durante as ditaduras militares. Para nós ainda não se chegou a esse ponto.

Confessionário na cultura POP[editar]

Cena de interrogatório ao vivo na Globo.

Embora o Confessionário seja um objeto religioso, houve várias modificações. Na tentativa de aumentar o Ibope, a Rede Globo introduziu para seu programa Big Brother Brasil um modelo de Confessionário em que o infeliz passa por uma série de perguntas, além de estar ligado a um detector de mentiras onde você é obrigado a falar para o país quantas vezes você já transou ou outros assuntos paticulares. A ideia veio de seu próprio apresentador Pedro Bial que estava cansado de ver babacas ficarem falando besteira e fazendo sexo o tempo todo. Aliás, as provas de desafio foram também uma de suas grandes invenções.

Rebeldes no Confessionário[editar]

Lula triste pois soube que dedurou seus colegas.
Lula feliz pois soube que dedurou seus colegas e que vai receber R$1000,00 por ter dedurado seus colegas.

Muitas pessoas, especialmente durante o Regime Militar, foram interrogadas para entregarem seus colegas amiguinhos guerrilheiros. Obviamente que antes de tudo, sempre havia a entrada. Uma hora depois, o intermediário. Duas horas depois o básico. Três horas depois... Bem, vamos pular essa parte. A pessoa confessava de uma vez porque não tolerava tamanho castigo. Pessoas rebeldes (até certo ponto) como Lula, Clodovil (até certo ponto), Doutor Roberto (fonte não-confimarda) e outros e mais outros faziam parte dessa lista.

Grandes Inquisidores[editar]

Confessionário Ambulante[editar]

Cquote1.png OOOOOOOOOLHAAAAAAA O CONFESSIONÁRIOOOOOO! Cquote2.png

A partir do século XIX quando Deus já se encontrava morto as pessoas começaram a criar um longo processo evolucionário de preguiça (já estamos na era dourada) e já não possuíam iniciativa para sair ou até mesmo ir a Igreja. Diante dessa situação um conselho de padres discutiram o urgente problema. E a solução foi simples: Criar um Confessionário Ambulante, que passava a cada semana perto de sua casa, e por algum lugar perto de você. O resultado foi que, em metade de um mês, o projeto foi cancelado.

Conspiração[editar]

Cquote1.png Vai a calar a boca ou não? Cquote2.pngTípico padre de Confessionário.
Típica lavagem cerebral da Globo.

A igreja sempre utlizou-o como apenas um utelínsio para saber se o indivíduo havia feito sexo quando não era para ter feito. A partir do tempo ele foi usado de muitas e diferentes formas. Atualmente seu principal parceiro é a Rede Globo. Ao contrário de padres, foram contratados ex-mercenários e guerrilheiros da Guerra do Vietnã, com mais chances de persuação. Essa parceira fez a Globo se tornar um das maiores emissoras de televisão do mundo, quero dizer Brasil. Suas principais perguntas eram saber o que as pessoas gostavam mais de assistir e depois inverte-las passando os piores progamas que ninguém quer ver, acompanhado de uma maciça dose de lavagem cerebral. Dito o contrato a Globo prometeu um pequeno espaço do seu horário para progamas religios. Dito e feito. E isso aconeceu com Santa Missa com Padre Marcelo às 6h00 numa manhã de domingo (alguém se habilita?).

Cquote1.png ACHÔÔÔÔÔ! Cquote2.png

Conclusão[editar]

Cquote1.png Não foi tão mal assim. Cquote2.png
Bozo depois de ir para o confessionário
Cquote1.png Ainda tenho medo. Cquote2.png
Regina Duarte sobre Confessionário
Cquote1.png Se eu pudesse ia mais de mil!!!! Cquote2.png
Jeremias dizendo que gostou
Cquote1.png Nunca fui, e nunca irei! Cquote2.png
Eu mudando de ideia

Veja Também (Merchandising)[editar]