Coelha Branca

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
8175c6428facfcc9422ae7ed5ac47339--adult-cartoons-sexy-cartoons.jpg Este artigo trata de uma mulher malvada.

Ela já enganou a todos, mas provavelmente vai se arrepender de tudo
o que fez e terminar com os miguxos.

Coelha Branca jogando um charminho para o Batman... ou será que é para o Homem-Aranha?

Coelha Branca é uma vilã tosca dos quadrinhos baseada no coelho branco do conto Alice no País das Maravilhas. Como se a versão que a Marvel Comics "criou" em 1983 para brigar com o Homem-Aranha já não fosse ridícula o bastante, em 2011 a rival DC Comics resolveu chupinhar a ideia e meteu sua própria Coelha Branca nas histórias do Batman. Ou seja, existem duas personagens imbecis com o mesmo nome licenciadas pelas duas maiores editoras nerds do mundo.

Criação[editar]

Ainda que oficialmente as duas Coelhas Brancas não possuam nenhuma ligação direta entre si, é inevitável que a semelhança delas é tão grande que podem ser facilmente confundidas, e justamente por este motivo o artigo que você está lendo agora vai tratar ambas como se fossem a mesma personagem. Mas afinal, como, quando, onde e por que inventaram tamanha porcaria?

Tudo começou no início dos anos 80, quando os roteiristas da Marvel estavam quebrando a cabeça para montar a galeria de vilões do recém criado herói Homem-Sapo. Pois é, aposto que você nem sabia da existência dele, e com razão, porque ele fez jus ao nome e logo foi para o brejo. Mas enfim, voltando ao assunto, a crise de criatividade era tanta que os roteiristas decidiram apelar para um chazinho de cogumelos alucinógenos na tentativa de atrair inspiração, e supostamente funcionou, porque os sujeitos começaram a delirar e achar que tinham ido parar no País das Maravilhas, enxergando um monte de criaturas bizarras e coloridas. Após a bad trip, os caras resolveram bater uma punheta coletiva enquanto "liam" a Revista Playboy, e foi aí que surgiu a maravilhosa ideia de mesclar o coelho branco da Alice com as Coelhinhas da Playboy, resultando na escrotíssima Coelha Branca.

A primeira Coelha Branca[editar]

Aqui vemos um bicho feio querendo comer a Coelha Branca, em ambos os sentidos.

Caso ainda não tenha ficado claro, a primeira e mais famosa (imagina se não fosse) Coelha Branca é a da Marvel, cuja intenção original era ser inimiga do Homem-Sapo, mas como o personagem foi um fiasco, ela acabou reduzida a ser uma vilã figurante do Homem-Aranha. Sua verdadeira identidade atende pelo nome de Lorina Dodson, que aos vinte e cinco anos de idade foi obrigada por sua família a casar-se com um velho de oitenta anos podre de rico. Sendo o marido obviamente broxa, Lorina buscava aliviar sua vida sexual frustrada lendo clássicos, sendo Alice no País das Maravilhas sua obra favorita. Mas a frustração e o casamento nem duram muito, já que ela do nada resolve assassinar seu cônjuge e iniciar uma vida no crime fazendo cosplay de bunny girl.

Lorina não tem nenhum super-poder, mas como adora ler, é muito inteligente e aprende sozinha a lutar artes marciais, além de desenvolver o arsenal de armas mais bizarro possível. Dentre as tosqueiras que utiliza para atacar, estão incluídos um coelho mecha gigante, um exército de coelhos assassinos geneticamente modificados, um guarda-chuva que dispara cenouras explosivas e um par de botas com foguetes embutidos que ela usa para voar. Nem é preciso dizer que a Coelha Branca é motivo de chacota entre os super-heróis e que apenas ela mesma se leva a sério...

A segunda Coelha Branca[editar]

Coelha Branca brincando com seus amiguinhos Krypto e Hoppy.

Surgida anos depois sem nenhuma razão aparente, a Coelha Branca da DC tem o nome civil Jaina Hudson e é filha de uma atriz decadente de Bollywood e um diplomata americano famoso. Foi parida na Índia, mas aos nove anos de idade passou a morar nos Estados Unidos com sua família.

Jaina nunca precisou trabalhar, já que seus pais sempre foram cheios da grana, então para não dizer que é uma completa desocupada ela se se define como socialite. Filantropa, conhece o milionário Bruce Wayne durante um evento de arrecadação de fundos para o Paquistão e se apaixona por ele, mas não é correspondida porque todo mundo sabe que o verdadeiro amor do Batman é o Robin.

Vítima da desilusão amorosa, Jaina enlouquece e desenvolve dupla personalidade, criando para si mesma o alterego Coelha Branca. Nada de novo até aí, mas por algum motivo que os roteiristas não se preocuparam em explicar, Jaina tem a habilidade de se dividir em duas pessoas ao mesmo tempo, então é como se ela e a Coelha Branca fossem seres diferentes com vidas separadas.

v d e h
O incompreensível mundo do Universo D.C.