Catedral do Ódio de Agrajag

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Night creature.JPG Catedral do Ódio de Agrajag surgiu das trevas!!

E adora assustar criancinhas!

Puro osso.gif

A Catedral do Ódio de Agrajag é um local repugnante e escuro se a luz chegar à algum local na catedral vai dar meia-volta e procurar outro lugar, pois a catedral era muito repugnante, pois lá está expressado todo o ódio de agrajag pois ele morreu mais de 8000 vezes para uma mesma pessoa, Arthur Dent.

História[editar]

O Agrajag, quase um idiota maníaco por vingança.

Esta catedral surgiu quando agrajag foi morto mais de 8000 vezes pelo mesmo homem, Arthur Dent. Sendo que quando o ser reencarna ele esquece, porém agrajag juntou as peças pois toda a vez que morria ele via o mesmo rosto, com os mesmos olhos, quando agrajag entende que ele estava sendo morto muitas vezes pela mesma pessoa, ele constrói uma catedral para mostrar seu ódio que sente por Arthur Dent, um dia o agrajag foi um coelho que foi atropelado, outro dia ele era um bicho que virou a bolsa para guardar pedrinhas exóticas do planeta pré-histórico de Arthur Dent, outro dia ele era um peixe que Arthur Dent pescou e deixou de lado no prato e não comeu...

Eu acho que você entendeu onde eu quis chegar, um fato é que a reencarnação é uma coisa muito chata quando você tem noção que você reencarnou, pois você vai viver no mesmo ciclo, que é nascer, crescer, se reproduzir, envelhecimento e morte. Porém quando você morre muitas vezes, você não pode reencarnar pois você tem um número limitado de reencarnações, ou seja da próxima vez... não vai ter próxima vez.

O Coitado foi atropelado em uma estrada, ele era um coelho e depois reencarnou em um peru que Arthur Dent matou para fazer uma bolsa para guardar sua coleção de pedras, que são de um planeta pré-histórico onde Arthur Dent passou 5 anos da sua vida esperando algo acontecer, e relembrando que a parada de ônibus mais próxima seria construída à 9171651 anos, por isso ele resolveu enlouquecer, e ficar normal novamente, e enlouquecer novamente, até que ele achou um sofá hiperativo que andava pelo espaço-tempo, e levou eles para a terra, 2 horas antes de ser destruída pelos vogons.

Então aparece um robô branco que carrega uma arma que se parece com um bastão de críquete, esse robô era um dos robôs xenofóbicos de krikkit, que causa um massacre e pega o pilar de madeira. Que era uma trave de críquete queimada, e foge para reconstruir a chave que liberta Krikkit do envoltório tempo lento. Na catedral está marcado o nome das criaturas que o agrajag já foi, quando pior foi a morte da criatura... mais riscos vai ter, exemplo ele era um peixe que foi pescado por Arthur Dent, porém foi deixado de lado no prato, esse peixe foi riscado duas vezes no memorial da catedral.

Ver Também[editar]